Enquanto isso: Testamos o Kinect; primeiras impressões

No fim de semana do dia 16 a 18 de julho, aconteceu o Festival do Japão no Centro de Exposições Imigrantes em São Paulo. O evento reuniu i... (por Pablo Montenegro em 29/07/2010, via Nintendo Blast)

No fim de semana do dia 16 a 18 de julho, aconteceu o Festival do Japão no Centro de Exposições Imigrantes em São Paulo. O evento reuniu inúmeras atrações culturais do Japão, e, entre elas videogames. Apesar do Kinect ser um periférico desenvolvido pela Microsoft, empresa americana, a Hudson (empresa japonesa) disponibilizou um “free play”  do Kinect para divulgar o seu novo lançamento, Deca Sports Freedom (XBOX360 – Kinect).

Quando eu cheguei no stand da Hudson, tinha uma fila razoavelmente grande para jogar o IMGP1800 Deca Sports Freedom, e também os outros jogos da série – Deca Sports 1 e 2 (Wii). Logo na fila eu comecei a reparar o gameplay do Kinect, e eu admito que ri, os bugs gráficos e a falta de precisão na resposta eram inacreditáveis, até que chegou a minha vez de jogar, e eu pude ver que o Kinect é mais do que aparentava. O jogo que estava disponibilizado era o tênis do Deca Sports Freedom, e admito que fiquei impressionado, apesar de uma pequena lentidão na resposta do Kinect, a captura de movimentos realmente assusta, ele consegue detectar todos os movimentos que você faz com os braços e as pernas com grande precisão. O local onde o Kinect estava tinha uma parede branca no fundo, onde ficam os jogadores, não sei como vai ficar a captura de movimentos em uma sala de estar.

Uma coisa que me perturbou foi o modo de “reset” do Kinect. Toda vez que era precisoIMGP1801 reiniciar os sensores de movimento do Kinect, era colocado um papelzinho na frente das câmeras por alguns segundos, e depois retirado até ele reconhecer os jogadores  novamente. Não sei se isso é uma característica do Deca Sports Freedom ou do próprio Kinect, mas espero que não esteja na versão final de nenhum dos dois. Como a fila estava muito grande, eu não pude jogar muito, mas foi o suficiente para ter um idéia de como é o Kinect. Claro que esse é um dos primeiros jogos e muita coisa ainda pode mudar, já que o jogo ainda não foi lançado, mas comparando diretamente com Deca Sports de Wii, meu voto vai para o Wii. Não só pela resposta do jogo ser um pouco lenta, mas também pelos erros gráficos – Tinham horas que a bola era rebatida pela testa do Avatar.

O Kinect realmente promete muito, mas essa exibição feita no Festival do Japão fez eu perceber que o Kinect ainda tem muito para melhorar, e espero que os desenvolvedores estejam atentos a isso.

Pablo Montenegro escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook