Mario Bits

Mario Bits: Thwomp Stomper

Quando se fala em Super Mario, o que vem à nossa mente, primordialmente, são os video games. Mas o que muitas pessoas se esquecem — ainda qu... (por Eduardo Jardim em 14/04/2011, via Nintendo Blast)

Quando se fala em Super Mario, o que vem à nossa mente, primordialmente, são os video games. Mas o que muitas pessoas se esquecem — ainda que os fãs o façam de propósito — é do filme Super Mario Bros., lançado no verão de 1993. Alvo de uma série de críticas negativas, o filme sofria pela carência de um roteiro mais afiado e pela indecisão dos produtores com relação à intenção etária. Para os fãs, o filme deu um quê exagerado de realismo para a série Mario ao invés de explorar o mundo fantasioso que todos esperavam, o que, no processo, distorceu muitos fatos que já estavam estabelecidos naquele determinado mundo fictício — transformando-os em algo curiosamente único. Como, por exemplo, o Thwomp Stomper.

Com certeza há muito o que falar sobre o filme, mas as botas mecânicas dadas aos Irmãos Mario como uma forma de explicar seus saltos sobre-humanos num mundo realístico acabariam se destacando uma hora ou outra. Mesmo que indiretamente, as botas nos remetem a uma série de referências aos video games que são praticamente imperceptíveis àqueles que não são tão próximos da série; um dos fatores que geraram a ruína do filme nos braços da crítica. Na versão final das botas, os pequenos cartuchos que acionam a propulsão do usuário lembram os famigerados Bullet Bills, os projéteis da série Mario. No entanto, é preciso uma imaginação extra para relacioná-los. A imagem que você vê à esquerda é uma arte conceitual que não foi completamente aplicada ao filme: ainda faltava um quê de "Super Mario" para que se relacionasse — indiretamente, como tudo no filme — com o Universo do Cogumelo; resumindo, faltavam detalhes vermelhos.

As botas são obviamente baseadas nos Thwomps, os inimigos rochosos que surgiram pela primeira vez no saudoso Super Mario Bros. 3. Ao analisar alguns modelos do design inicial das Thwomp Stompers, vemos que o contorno das botas divide uma semelhança claríssima com um Thwomp. Também, está escrito, de forma estilizada, o nome do inimigo na sola da bota. Caracterizado de forma espelhada, o nome mostra o intuito inicial da equipe criativa: deixar a marca "Thwomp" estampada nas pegadas. O pensamento nos leva à próxima arte conceitual:

Percebeu mais alguma coisa? Pois é, tem mais um detalhe escondido no design das botas. É um Thwomp original, como o vemos em Super Mario World! A versão acima é a mais próxima do produto final, exceto que as cores interna e externa estão invertidas. Somado a isso, os Thwomp Stompers podem ter sido frouxamente baseados no Kuribo's Shoe — o sapato do Goomba de Super Mario Bros. 3, conhecido na dublagem brasileira como Bota de Sete Léguas. O mais estranho é uma bugiganga destas estar em posse da apavorante versão humanizada da Big Bertha...
Eduardo Jardim é cartunista, imaginauta e fundador do Reino do Cogumelo, o qual gerencia como profetizam as escrituras do Light Prognosticus. Erudito em Mario, faz freelance no The Kingdom Enquirer em troca de Beanbean Coins.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook