Pachter admite que está frustrado com a Nintendo e com o Wii U

Michael Pachter, analista da Wedbush Morgan , é criticado pelos gamers por causa de suas declarações... (por Alex Sandro de Mattos em 29/07/12, via Nintendo Blast)

"Eu digo: o Wii U não dará certo!" A nossa reação ao ver os dizeres de Pachter é igual ao do rapaz ao fundo da imagem.Michael Pachter, analista da Wedbush Morgan, é criticado pelos gamers por causa de suas declarações a respeito da indústria de games. E após falar que o Wii U não dará certo, ele voltou a falar a respeito do preço do novo console e as estimativas de vendas. Apesar de outros analistas esperarem que o Wi U atinja quatro milhões de unidades vendidas até março de 2013, Pachter prefere não fazer estimativas e admite que está frustrado com a Nintendo. Confira as declarações do analista:
“Assim que a Nintendo nos revelar o preço, eu estimarei as unidades vendidas.”
“As pessoas adoram me rebater por criticar a Nintendo, mas eles causam isso em si mesmos. Mas eles [Nintendo] não dão nenhuma informação e querem que nós proclamemos que seus consoles vão vender em números recordes.”
A função de um analista é direcionar os potenciais acionistas e stakeholders a respeito da empresa para fazer estimativas sobre algum produto. Sabemos que a Nintendo é uma empresa muito fechada, que não gosta de revelar muitos detalhes e que, inclusive com a insistência em não divulgar o preço e especificações a respeito do Wii U, acaba gerando incertezas.

Enquanto isso, continuamos com algumas dúvidas a respeito do Wii U, mas com duas certezas: que o novo console da Nintendo tem grandes chances de dar certo e que Pachter continua com suas opiniões controversas.
Alex Sandro de Mattos escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Recomendações