Nintendo diz que cria jogos com apelo para todos os tipos de público

Em recente entrevista, gerente de estúdio da Nintendo e diretor de Animal Crossing comentam sobre o público-alvo dos jogos da Big N.


Em uma recente entrevista ao site USgamer, Katsuya Eguchi, gerente do estúdio EAD da Nintendo, e Aya Kyogoku, diretor de Animal Crossing: New Leaf (3DS), falaram sobre a criação de jogos da Big N.


Um dos pontos abordados na entrevista foi o apelo dos jogos da Nintendo. Segundo Eguchi, a empresa faz jogos para todos os tipos de público:
"Quando nós criamos jogos, a única coisa que é mais difícil para nós é a necessidade de criar um jogo que possuirá apelo para pessoas que gostam de um bom desafio e também para as pessoas que não são, como você sabe, tão experientes. Temos que ter certeza de que todos tenham um bom proveito. Mario Maker é o tipo de resposta para a difícil questão de como ajustar o design de jogo para diferentes níveis de habilidade. Você sabe, os videogames são apenas um gênero de jogo, dos passatempos, e acho que o que é essencial para jogar é usar a sua imaginação e tentar coisas novas. Esse é o tipo de jogo que eu quero continuar fazendo."
Kyogoku comentou sobre a Nintendo desenvolver jogos já pensando em diferentes tipos de pessoas e disse que a empresa também faz jogos para públicos específicos:
"Nós queremos alcançar uma vasta audiência. Como o Sr. Eguchi mencionou, há pessoas que são boas ou ruins em jogos. Há adultos e crianças. Queremos alcançar todas essas pessoas. Pensamos sobre quem nós queremos que joguem esses jogos e como queremos que eles o joguem. Durante o desenvolvimento, tentamos imaginar e jogar cenários sobre que tipo de público irá jogar ou que tipos de pessoas podem jogar para mantê-los assim que avançamos no desenvolvimento de cada título. Nós obviamente fazemos jogos que servem para uma ampla gama de público, mas também produzimos jogos que atendem a um público específico. Essas são apenas diferenças de gêneros de jogos.

Não apenas queremos a diversidade dentro de um jogo, mas também é benéfico ter a diversidade de todos os gêneros e os tipos de jogos que podemos fazer na Nintendo. Olhando desta perspectiva, é benéfico ter equipes de desenvolvimento que são diferentes em planos e em sua experiência de vida"

Alex Sandro de Mattos é formado em Gestão de TI. Entre se aventurar por Hyrule e se perder em Silent Hill, gosta de publicar fatos interessantes e bobagens no Nintendo Blast. Pode ser encontrado jogando games 2D e também no Facebook.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais