Pokémon Blast

Cartas na Mesa: brincando com a sorte na expansão Punhos Furiosos

Será que conseguimos montar um deck com uma única booster box da expansão Punhos Furiosos de Pokémon? Vamos descobrir!

E aí pessoal! Bem-vindos a outro Cartas na Mesa, nossa coluna exclusiva para falar das Estampas Ilustradas de Pokémon. A temática de hoje será um pouco diferente da que tivemos até agora, pensando da seguinte maneira: compensa comprar uma booster box de uma determinada expansão o invés dos pacotes isolados? Com essa pergunta em mente, abrimos uma booster box inteira e tentamos montar um baralho apenas com ela. Será que vai dar certo? Vamos descobrir na nossa primeira edição de Brincando Com a Sorte na expansão Punhos Furiosos!

As regras do jogo

Antes de mais nada, vamos a algumas regras quanto a estruturação do baralho:
  • Todas as cartas devem ser de uma única booster box;
  • A quantidade de cópias da carta no deck deve respeitar o número da booster box;
  • Energias básicas são ilimitadas, não entrando na contagem.
Assim sendo, vamos para as cartas que adquiri em uma única caixa de pacotes:

4x Bellsprout | 1x Weepinbell | 2x Victreebel | 4x Shroomish | 1x Leafeon 
4x Shelmet | 1x Accelgor | 4x Magmar | 1x Magmortar | 3x Torchic  
1x Combusken | 3x Poliwag | 1x Poliwhirl | 1x Poliwrath | 1x Politoed 
4x Cubchoo | 1x Beartic | 3x Clauncher | 1x Clawitzer | 1x Amaura 
2x Aurorus | 4x Pikachu | 1x Raichu | 4x Electabuzz | 2x Electivire 
4x Plusle | 4x Minun | 1x Thundurus  | 3x Drowzee | 1x Hypno 
1x Jynx | 3x Skorupi | 3x Gothita | 1x Gothorita | 1x Gothitelle 
 3x Golett | 2x Golurk | 4x Machop | 2x Machoke | 2x Machamp 
 2x Hitmonlee | 1x Hitmonchan | 1x Hitmontop | 1x Breloom | 4x Makuhita 
 1x Hariyama | 3x Trapinch | 4x Mienfoo | 2x Mienshao | 2x Landorus  
4x Pancham | 1x Tyrantrum | 1x Drapion | 4x Scraggy | 1x Scrafty 
1x Pangoro | 3x Clefairy (FF-69) | 3x Clefairy (FF-70) | 1x Clefable 
1x Klefki | 1x Vibrava | 1x Flygon | 1x Noivern | 3x Lickitung 
2x Lickilicky | 3x Eevee | 2x Slakoth | 1x Vigoroth | 1x Slaking
3x Patrat | 1x Watchog | 1x Tornadus | 3x Noibats 
2x Reporter de Batalha |1x Substituição de Energia | 1x Estádio de Batalha 
1x Faixa de Foco | 2x Pesquisador de Fósseis | 1x Cura Total 
2x Fóssil da Mandíbula | 2x Korrina | 2x Fóssil de Vela | 2x Veste Cintilante
1x Super Recolhida | 1x Recuperador de Ferramentas | 1x Centro de Treinamento 
1x Energia Herbal | 3x Energia Intensa | 1x Lucario-EX

Montando o deck

Com essas cartas à disposição, optei por fazer um baralho exclusivamente composto por lutadores e alguns Pokémon incolores pela sua utilidade. No final das contas, ele ficou assim:

Pokémon (25 cartas):
1x Lucario-EX
3x Machop
2x Machoke
2x Machamp
1x Hitmonchan
2x Landorus
2x Makuhita
1x Hariyama
3x Mienfoo
2x Mienshao
1x Tornadus
3x Lickitung
2x Lickilicky

Itens (14 cartas):
2x Repórter de Batalha
2x Estádio de Batalha
1x Faixa de Foco
3x Korrina
2x Veste Cintilante
1x Super Recolhida
1x Substituição de Energia
1x Cura Total
1x Recuperador de Ferramentas

Energias (21 cartas):
3x Energia Intensa
18x Energia Lutadora

O foco do baralho é bem simples: colocar Lucario-EX em campo e fortalecê-lo para que consiga bater à plena potência. Sua grande variedade de ataques o tornam útil para qualquer situação, e com o preparo adequado, ele consegue atingir com força os adversários com todos seus golpes, permitindo usar aquele que melhor funcione em cada situação.


Um dos Pokémon mais importantes do deck é Machamp. Felizmente conseguimos dois nessa booster box, e embora seja difícil colocar ambos em campo por ser um Pokémon de Estágio 2, o tempo gasto compensa. Sua habilidade bonifica todos os ataques de Pokémon lutadores, e como o baralho é composto por quase somente esse tipo, todos seus parceiros podem ganhar um aumento de 20 à 40 pontos.

Hitmonchan é um bom Pokémon para começar a partida, pois com duas energias ele pode bater de 20 à 60 pontos, dependendo da sua sorte com a moeda. Mienfoo e Mienshao seguem um esquema parecido, já que não batem muito forte, mas podem começar distribuindo dano e depois podem recuar de volta para a mão antes que a situação fique feia, evitando um KO e ter de dar ao inimigo uma Carta Prêmio.


Landorus é a forma mais viável de recuperação de energia. Seu primeiro golpe liga energias da pilha de descarte em alguém no banco, seu custo é baixo e o dano pode ser elevado pelos bonificadores do Machamp. Seu segundo golpe também vem a calhar, caso não tenha nada a recuperar e prefira uma pancada mais sólida. Falando em sólido, Makuhita e Hariyama integram a parte que aguenta porrada, especialmente pela habilidade do segundo de ter resistência contra golpes de fogo e água, ajudando a ganhar tempo para estruturar sua tática.

Para dar suporte, temos três Pokémon incolores: Tornadus, Lickitung e Lickilicky. O primeiro tem um artifício bem interessante em seu segundo golpe, que bate 120 se tiver o mesmo número de cartas na mão que seu adversário, além do primeiro ataque permitir trocar o Pokémon ativo do inimigo. Lickitung é um peso morto e Lickilicky tem um custo de recuo absurdo, mas ele compensa isso em seu segundo ataque; tendo um pouco de sorte, é possível derrubar qualquer Pokémon, precisando apenas atingir um certo número de caras na moeda. Não é a forma mais confiável de vencer, mas pode ser uma cartada final.

Nos Itens, temos um bom acervo para garantir que todos os Pokémon tenham algum reforço. Repórter de Batalha (uma das duas cópias veio full art, justificando a falta de um segundo Pokémon-EX) é um reforço para Tornadus, pois iguala o número de cartas na sua mão e do oponente, facilitando o segundo ataque do Pokémon e te dando poder de saque. Faixa de Foco ajuda a garantir que aquele atacante não seja tirado da briga antes da hora, lhe dando uma chance de se recuperar.


Contra baralhos que usam Condições Negativas nos Pokémon, como Confusão e Veneno, Cura Total e Veste Cintilante dão conta do recado. O primeiro remove as condições e a segunda prevê que elas aconteçam. Se o seu usuário da Veste estiver em apuros e não for durar muito, use Recuperador de Ferramentas e puxe de volta para a mão, garantindo um segundo uso em outro Pokémon.

Substituição de Energia pode reaproveitar alguma de um Pokémon prestes a cair ou mover para que um novo atacante consiga disparar seus golpes. Super Recolhida pode ser sua última esperança de resgatar Lucario-EX, por exemplo, em caso de seu HP ficar baixo. Se acertar no cara ou coroa, poderá trazê-lo de volta à mão junto de suas energias. Isso irá garantir que recomece a montá-lo com todo seu HP de volta, uma última chance para agir.


Korrina é a carta mais letal do baralho, visto que acelera bastante a formação de sua tática. Seu efeito de puxar um Pokémon lutador e uma carta de item do seu baralho para a mão te permite preparar mais rapidamente seus Machamps, além de trazer logo Lucario-EX para começar a pancadaria, ou até mesmo trazer Landorus para recuperar as energias perdidas na pilha de descarte. Para fechar os itens, temos o Estádio de Batalha, que aumenta mais o poder dos golpes de Pokémon lutadores. Lembra do Machamp? Então, continuem somando mais 20 pontos aí quando batendo em Pokémon-EX.

As energias lutadoras são as únicas necessárias no deck, mas o charme está nas Energias Intensas. Cada uma delas, quando aplicada em um Pokémon lutador, aumenta seu dano causado em 20 pontos. É aqui que está a cereja do bolo, que fecha a sinergia do baralho. Se Lucario-EX for alimentado com suas três Energias Intensas, com dois Machamps em campo e com o Estádio de Batalha ativo, seus golpes irão bater, respectivamente, 150, 180 e 220 (contra Pokémon-EX, senão diminua 20 pontos em cada). E o mesmo ainda pode se aplicar a outros Pokémon com esse mesmo combo, podendo tornar qualquer um do seu time uma máquina de matar.
Isso conclui o nosso Brincando Com a Sorte da expansão Punhos Furiosos. Será que teremos a mesma chance em um futuro booster box? Vamos descobrir na próxima edição!
Capa: Ana Carolina Rocha
Fellipe Camarossi é graduando em Ciências Contábeis e amante de uma boa discussão sobre videogames. Além de escrever para o Nintendo Blast, também é redator nas revistas Nintendo World e EGW. Para elogios e críticas, pode encontrá-lo no Facebook ou Twitter.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais