Pokémon Blast

Monte um belo Deck de Pokémon TCG competitivo sem quebrar o porquinho

Vença os torneios de Pokémon Estampas Ilustradas sem ter que deixar de almoçar ou ter que depender de esmolas. Pergunte-me como.


Acordo às 11 horas para o mergulho matinal. Visto o roupão e desço a escadaria de mármore. Me dirijo até a piscina, mas não sem antes dar uma passada no bar para um Martini. Está 30 ºC lá fora e eu vejo um monte de pessoas distantes no horizonte realizando seus afazeres mundanos. Parecem formigas. Veja bem, a crise não está fácil, tive que demitir o mordomo. Um mosquito pica minha perna. A vida tem dessas.
Se vocês não se reconheceram no parágrafo acima, isso é porque nem todo mundo tem dinheiro para investir em um Shaymin EX, quem dirá em dois deles, o que é bem comum de se encontrar nos decks do formato atual devido a sua versatilidade. Sua habilidade Acerto permite que seu dono encha a mão de cartas e ela é ativada quando ele entra em campo. Já seu ataque Retorno para o Céu permite que ela volte para a mão, criando um ciclo de fartura. O problema é que o preço praticado de uma dessas simpáticas criaturas voadoras gira em torno de R$ 180,00. Imagine um par, isso custaria mais de 85% do preço de uma cesta básica! E isso cotando a versão comum, a Full Art custa mais Pay Days ainda.

Para permitir que os leitores possam jogar Estampas Ilustradas e comer, inclusive, aqui vai uma sugestão de um baralho barato competitivo — porque dispensa o Shaymin EX —, que eu montei com menos de R$ 200,00. Ele ainda tem Pokémon lindos, de encher os olhos mesmo.

Começando por baixo… d’água

E teria gastado ainda menos se não fosse a compra por impulso que eu fiz do Deck Tornado de Raios, uma bela porcaria. Um deck sem sinergia e que depende de Pokémon Estágio 2. A capa do baralho, a Galvantula, quase não tira dano, e sua pré-evolução, Joltik, tem 30 PS, ou seja, qualquer espirro derruba ela. E detalhe: vem quatro delas no baralho! Quer dizer, a especialidade desse deck é ser derrotado, só pode. Como eu tinha parado de jogar fazia mais de 10 anos, estava bem desatualizado (e desinformado). Lembrando que são lançadas coleções novas a cada três meses.
Ele pode ser fofa, mas é horrível nesse deck.

Tudo mudou com a compra do Vida Resiliente. Além de ser um deck temático do tipo fada — provavelmente o meu tipo favorito agora, por causa das mudanças na tabela de tipos quando foi introduzido em Pokémon X e Y (3DS) — e ter Pokémon com um acabamento muito estiloso e adorável, ele funciona incrivelmente bem.

Modo de usar

Basta começar com o Xerneas como Ativo e farmar energias para o banco com seu ataque Geomancia, uma verdadeira mão na roda. Esse ataque busca duas energias do baralho e equipa em dois Pokémon no banco. Depois evolua um Spritzee depois de alguns turnos e, pronto, você poderá manipular as energias fadas entre os seus Pokémon quantas vezes quiser durante o seu turno com a habilidade Transferência de Fada do Aromatisse. Apelão? Bem capaz.



Claro que ficar brincando de Banco Imobiliário com as suas energias não serviria de nada sem atacantes poderosos, e o deck infelizmente não tem desses. O Xerneas até tenta se virar tirando 100 de PS tendo que descartar uma energia ao final do ataque, mas isso dificilmente é páreo para um deck intermediário e muito menos para um avançado. Os Pokémon fada em geral tiram bem pouco dano. Eu tentei remediar por um tempo com dois Togekiss diferentes que eu comprei mais pela arte que pela eficácia. Eles até que têm bastante PS, mas além de ser Estágio 2, levam um tempão para entrar no jogo (eu não tenho Doce Raro), e a sua pré-evolução, Togepi, é ainda pior que a Joltik. Foi aí que eu vi que teria que investir um pouco para melhorar.

Chutando bundas

Fiz o caminho mais difícil achando que seria mais barato juntar as cartas separadamente quando, na verdade, comprar um segundo Vida Resiliente e fazer uma seleção das melhores era mais fácil, rápido e barato. Claro que eu tinha algumas cartas Treinadoras do meu outro deck e umas cartas antigas básicas, incluindo uma Busca Computadorizada, um Ace Specs incrível que troca duas cartas da mão por uma do baralho e ainda por cima é uma carta Item, deixando o terreno livre para usar uma Apoiador.

As demais eram simples Poké Bolas e Poções, mas elas vão demorar para serem trocadas por Ultra Bolas e Poções Máximas, respectivamente, porque são caras demais. A Poção Máxima, por exemplo, custa cerca de R$ 20,00 cada, e seria preciso por quatro delas no deck para curar os Pokémon e, em combinação com a habilidade do Aromatisse, burlar o seu efeito colateral, que é descartar todas as energias. Para fugir desse prejuízo basta passar as energias de um Pokémon para outro e, depois de usar a Poção Máxima, passar as energias de volta, bem efetivo, hein? Mas quatro delas saem por R$ 80,00, sem chance. É o mesmo caso das Gardevoir EX, mais caras ainda. Eu precisaria de várias delas para formar a parte ofensiva do deck e, além disso, tem as Mega Evoluções, os Elos Espirituais…  É muito dinheiro em um passatempo.

Em vez disso preferi escolhas com um melhor custo benefício. Os Xerneas EX podem ter um custo de recuo alto e precisam de três energias para começar a atacar, mas tiram muito dano, acertam Pokémon no banco e aguentam vários ataques — sem Faixa Musculosa. Se o custo de recuo incomodar, o Jardim das Fadas está aí para permitir a troca preservando as energias equipadas de todo Pokémon que tiver ao menos uma energia fada consigo. As artes deles (três tipos diferentes) são lindas, com várias cores e muito brilho, e saem por metade do preço da Gardevoir EX. E no meu caso saíram por menos ainda.

Fator sorte

Um amigo meu me avisou que um menino num grupo do Facebook estava se desfazendo da coleção de Estampas Ilustradas para poder ir no festival Lollapalooza, e os preços das cartas estavam bem abaixo da média. Acabamos fazendo um cestão, ganhamos mais desconto ainda, e rachamos o frete. Os dois lados saíram ganhando, ele conseguiu ir para o festival e nós compramos as cartas por quase metade do preço praticado. Teve até brinde. Outro caso foi o da minha Florges EX Full Art, que eu troquei com outro cara de um grupo do Facebook por cartas que eu tinha sobrando.


O detalhe é que ele mora a mais de 3.000 km de onde eu moro e nós nunca tínhamos nos visto na vida. Como ele não tinha nenhuma recomendação, combinamos então que ele me mandaria as cartas primeiro. Recebendo as cartas, eu enviei a minha parte. Isso serve para ilustrar que as vezes é mais fácil negociar com pessoas que moram muito longe ao invés de fazer trocas que não valem tão a pena com quem joga na mesma cidade. Claro, sempre tomando cuidado com garantias e recomendações. Na dúvida, não troque ou compre com qualquer um, nunca se sabe quem está do outro lado, e sempre garimpe os preços para formar seu baralho competitivo.


As cartas restantes eu consegui trocar ou comprar com o pessoal que joga comigo, e outras até foram presentes de quem joga a mais tempo e tem sobrando. Obviamente, tem mais cartas que eu quero acrescentar no deck, quero tirar de uma vez os Tiernos, que só ficam segurando o jogo, e por mais dois Patins no lugar. Mesmo odiando cartas que dependam de moeda, tenho que reconhecer que entre uma Item e uma Apoiador meio parecidas, vale mais a segunda carta. E eu fui descobrir ela numa lista aleatória depois de ter lido algumas.


No fim das contas, como em qualquer jogo de cartas, a melhor estratégia é se divertir, conhecer pessoas e dar boas risadas. Fazer alguns amigos e perceber que jogar é só um pretexto para se encontrar e jogar conversa fora. Se ficaram curiosos em saber como afinal é o meu deck, abaixo vai a lista, mas não julguem, é um misto-quente, e cabe a vocês escolherem o recheio. Também não quis fazer uma lista dissecando cada ponto dele porque não é nada definitivo, achei melhor contar a história de como voltei a jogar e fui errando e acertando aos poucos. Lembrem-se do que disse Gandhi, “Não existe um caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho”. Tenham uma boa semana, vão pensando nos seus decks. Um abraço!

Lista:

Pokémon (16)

1x Florges EX
3x Xerneas EX
3x Xerneas
2x Aromatisse
3x Spritzee
1x Whimsicott
2x Cottonee
1x Klefki

Treinadores (31)


Itens
1x Busca Computadorizada
3x Poção
1x Super Poção
3x Poké Bola
2x Substituição
1x Ultra Bola
1x Comunicação Pokémon
1x Evosoda
3x Carta do Professor
1x Recuperação de Energia
2x Patins

Apoiadores
2x Tierno
2x Professor Sycamore
2x Fã Clube Pokémon
1x Companheiras de Equipe
1x Dama do Centro Pokémon
1x Shauna

Estádios
3x Jardim das Fadas

Energias (13)

13x Energias Fadas


Revisão: Luigi Santana
Capa: Leandro Alves
Rafael Buffon é formado em Jornalismo pela UPF e redator no Nintendo Blast. Além de videogames portáteis curte literatura, jazz e é apaixonado pela banda Velvet Underground.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais