PSafe detecta novo vírus que se passa pelo jogo Pokémon Go

O malware usa a mesma identidade visual para se passar pelo jogo entre os usuários desavisados.

O jogo mobile Pokémon GO mal chegou ao mercado e já está sendo alvo de hackers. O app, lançado inicialmente apenas para a Austrália e Nova Zelândia, já tem um malware que usa a mesma identidade visual para se passar por ele entre os desavisados.


O vírus, que aparenta ter vindo da Turquia, já é possível ser encontrado no Brasil e inclui um código malicioso dentro do apk do jogo, infectando aqueles que, ansiosos pelo game, baixam acreditando ser o app verdadeiro.

Ao baixar, o malware solicita permissões diferentes do jogo verdadeiro, como ler, apagar e enviar sms; ativar e desativar as redes wi-fi e 3G; ler histórico de chamadas e de sms; assim como realizar chamadas.

A PSafe, empresa brasileira de segurança e performance mobile, alerta aos usuários de Android para que evitem fazer o download por fontes não-oficiais. Além disso, a empresa ressalta a importância de utilizar o antivírus para escanear regularmente o celular, impedindo que hackers consigam alcançar seus objetivos.

Hash (cód. de identificação) do malware: 561ae708f234f46dbdca1d7f2a38d854d9bb60df

Fonte: Press Release
Gisele Henriques escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais