Nintendo publica patentes relacionadas ao Switch

Patentes revelam vários detalhes pequenos sobre o hardware.


Um usuário do NeoGAF encontrou várias patentes registradas pela Nintendo relacionadas ao Nintendo Switch, sua próxima plataforma que combina um console de mesa com um portátil. Apesar de não darem detalhes específicos sobre especificações de hardware, elas revelam várias características que podem vir a estar no sistema. Algumas delas já haviam sido especuladas, enquanto outras parecem ser novidades.

Devido à extensão das patentes encontradas, é possível que mais informações possam ser extraídas delas, mas, por enquanto, podemos observar algumas características:
  • Um sensor de iluminação ambiente, visto como um pequeno círculo na parte frontal do Switch e listado como "ambient light sensor" no diagrama de arquitetura do sistema (Fig. 30).
  • Sensores de movimento, listados como "acceleration sensor" (acelerômetro) e "angular velocity sensor" (giroscópio) nos diagramas de arquitetura (Fig. 30, 31). Estes sensores estão presentes tanto na unidade principal do Switch quanto em cada um dos Joy-Cons.
  • Tela de toque, indicada pela presença de um "touch panel controller" no diagrama de arquitetura (Fig. 30).
  • Os itens "first slot" e "second slot" (Fig. 30) parecem indicar as entradas para cartão de jogo e cartão de memória (SD), respectivamente, corroborado por um parágrafo que fala de "meio de armazenamento secundária que pode ser, por exemplo, um cartão SD". Aparentemente, a entrada para cartão SD é na parte inferior direita do console, junto com o pé retrátil (Fig. 3).
  • A parte inferior do Joy-Con R conta com uma câmera infravermelha (Fig. 6, 25). Isto é corroborado pelo diagrama de arquitetura dos Joy-Cons (Fig. 31), pela presença de um item "infrared image-capturing section". Esta câmera seria similar à do Wii Remote.
  • O Joy-Con R também parece contar com um leitor NFC, indicado por "NFC communication section" no diagrama (Fig. 31).
  • As ilustrações externas dos Joy-Cons (Fig. 5, 6, 14, 25, 51), além do posicionamento de dedos em outra ilustração (Fig. 36), exibem botões nas laterais onde os controles são acoplados ao Switch, além do conector de energia e de uma trava. Estes botões podem servir como L e R quando os Joy-Cons forem usados separadamente. Ambos Joy-Cons também contam com motores de vibração, além de usarem Bluetooth para conectarem-se ao Switch.
  • A maioria dos diagramas parece servir apenas para ilustrar os mecanismos que permitem o encaixe tanto dos Joy-Cons com o Switch quanto do Switch com o dock.
  • Várias possíveis configurações de controle são exibidas, incluindo a possibilidade de usar quatro Joy-Cons em apenas um Switch (Fig. 37a, 37b)
  • Vários diagramas de fluxo mostram processos lógicos tomados em relação ao encaixe ou não do Switch e dos Joy-Cons (Fig. 43, 44, 45, 46, 47). A 45, em particular, mostra a distinção entre um "modo portátil" e outro "modo console". Outros mostram como o Switch decide como lidar com saída de vídeo e conexão com controles.
  • Aparentemente, há planos sobre lançar um acessório que permita o uso do Switch como um dispositivo de realidade virtual simples, como os usados em celulares (Fig. 60).
  • Os diagramas do controle formado pelo encaixe de Joy-Cons (Fig. 52, 53, 54, 55, 56, 57, 58, 59) mostram que houve várias iterações do acessório e que a final conta com uma bateria própria.
  • O encaixe do dock (Fig. 29) parece mais uma vez implicar o uso de USB-C como conector padrão do Switch.
  • Um parágrafo confirma que o dispositivo conta com modo "sleep", ou seja, pode operar com baixo consumo de energia sem desligar completamente.
Fonte: NeoGAF
Renan Greca Quando não está ocupado sendo diretor, redator, newsposter, podcaster e RP do Nintendo Blast, Renan Greca gosta de jogar videogames. Às vezes, lembra de focar em seu mestrado também.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook