Super Mario Odyssey (Switch): análise técnica prévia revela como o jogo atinge os 60fps

Framerate atual do jogo se mantém constante com pequenas quedas, graças a truques de programação.

Além de impressionar a todos na E3 com as novas formas de controlar e explorar o mundo do encanador mais famoso dos jogos, Super Mario Odyssey também chama atenção pela beleza dos gráficos e a leveza do gameplay. A Digital Foundry acaba de apresentar uma análise técnica do jogo no estado atual,  que costuma ser menos polida meses antes de seu lançamento.


Isso se torna mais incrível quando sabemos que atualmente o jogo roda no Nintendo Switch em somente 720p de resolução. Fora o cuidado com a concepção artística dos estágios, boa parte do brilho do jogo vem de sua performance em 60 frames por segundo - número que cai poucas vezes, principalmente em New Donk City.

De acordo com o vídeo, para conseguir estabilizar o desempenho a Nintendo usou alguns truques. Na cidade que serve de hub principal os NPCs são renderizados como objetos 2D, sendo substituídos por modelos 3D quando Mario se aproxima deles.

Confira a análise técnica completa da demo no vídeo abaixo:


Thiago Caires escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook