Trilha sonora de Mario + Rabbids Kingdom Battle (Switch) vai surpreender os fãs

Grant Kirkhope, compositor do crossover, revela inspirações em Mario Galaxy e que jogadores vão curtir as músicas


Grant Kirkhope é um compositor bastante conhecido por seu trabalho na Rare durante a era Nintendo 64. Ele foi responsável pela trilha sonora de jogos como GoldenEye 007, Banjo-Kazooie e, recentemente compôs em Yooka Laylee. Não é à toa que a Ubisoft escalou Kirkhope para criar as composições de Mario + Rabbids Kingdom Battle.


Durante a entrevista para a atual edição da revista GamesMaster, Kirkhope comentou sobre o desafio de criar músicas para o crossover. O compositor revelou que imaginou uma forma de misturar Rabbids com Mario sem imitar o estilo da Nintendo. Apesar de soar um pouco nintendista, ele garantiu que a trilha sonora evolui e surpreenderá os fãs.

"Pensei que não havia chance alguma – e disse o mesmo com Banjo-Kazooie – de eu tentar compôr em um jeito Nintendo, estilo Mario, como um pop, uma coisa jazzista, porque eu não posso fazê-lo muito bem. E eles são realmente brilhantes, estaria perdendo meu tempo. Então tive que tentar encontrar uma maneira de colocar essa coisa louca dos Rabbids dentro deste jogo do Mario – e um pouco de mim lá também", disse. "Acho que o jogo soa um estilo Nintendo muito agradável no início, mas à medida que ele progride (e não posso entrar em detalhes porque é uma dessas coisas), ela simplesmente muda. E acho que as pessoas se surpreenderão até o final', completou Kirkhope.

Kirkhope contou ainda que Mario + Rabbids possui um toque de Super Mario Galaxy (Wii) com aproximadamente 45 a 50 minutos de músicas orquestradas e o restante criadas eletronicamente. "É uma mistura, um pouco de Mario Galaxy, mas esperamos essa mistura. Gravamos 45, 50 minutos de orquestra ao vivo e o resto sou eu, amostras fora da caixa. Mas tenho que dizer... Estava lá passando o lançamento da trilha sonora, por todas as faixas, e as misturas e os mestres ficaram muito bons, é muito parecido. Acho que as pessoas que não conhecem devem ficar um pouco confusas entre o que é uma orquestra ao vivo e o que não é", disse.

Ele comentou que a Ubisoft ajudou na criação da trilha sonora. "Os caras da Ubisoft foram realmente ótimos ao dar direção forte e boa". Além disso, Kirkhope disse que não se vê como um compositor talentoso, apenas alguém que faz as coisas até soarem bem. "Apenas faço os tipos de toques até soarem tudo certo... quando sai do jeito esperado, eles gostam. Não sou desse tipo de coisa super analítica, só sei o que componho e, apenas isso, é muito instintivo para mim", finalizou.

Mario + Rabbids Kingdom Battle será lançado para o Switch em 29 de agosto.


Alex Sandro de Mattos é formado em Gestão de TI. Entre se aventurar por Hyrule e se perder em Silent Hill, gosta de publicar fatos interessantes e bobagens no Nintendo Blast. Pode ser encontrado jogando games 2D e também no Facebook.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook