Top 10

10 franquias da Nintendo que poderiam receber crossovers

Vamos ver dez encontros de franquias famosas que gostaríamos que fossem lançados.


Já é tradição da Nintendo promover crossover entre suas franquias, unindo personagens de sua extensa galeria nas corridas de Mario Kart ou nas lutas de Smash Bros. Atualmente a Big N está investindo em crossovers com jogos de outras empresas, surgindo assim pérolas como Hyrule Warrios, Tokyo Mirage Sessions ♯FE e Fire Emblem Warrior. Nesse artigo iremos listar dez crossovers, envolvendo franquias consagradas da Nintendo, que adoraríamos que saíssem do papel.

10) Wii Sports e Tiny Toon Adventures: Wacky Sports Challenge

Tiny Toons era uma animação de muito sucesso na década de 1990 que ganhou uma infinidade de jogos diferentes para as plataformas da época, mas um deles, lançado em 1994 para o fantástico Super Nintendo, se destacava, era Tiny Toon Adventures: Wacky Sports Challenge. Nesse jogo temos um torneio esportivo com uma série de mini-games divertidos em modalidades como levantamento de peso e lançamento de disco. Com uma ótima jogabilidade e personagens muito carismáticos, já que eram provenientes de uma animação de sucesso, a diversão era garantida para quem curtia jogar com os amigos. A união desse jogo com Wii Sports poderia melhorar essa experiência, garantindo uma jogabilidade intuitiva e fabulosa, através dos controles de movimento e mantendo o multiplayer como ponto forte. Graças ao Joy-con do Nintendo Switch todo mundo poderia jogar com essa maravilha com um amigo, pelo menos sem custos adicionais.

Só tome cuidado para não lançar o controle quando for lançar o disco no jogo.


9) Super Smash Bros e Marvel vs Capcom

Essas duas grandes franquias de luta são uma salada de personagens, vindos de diversos jogos e histórias em quadrinhos, se enfrentando em batalhas colossais e espalhafatosas. A união das duas franquias aumentaria a gama de personagens disponíveis para o combate, de preferência com dois modos de jogo bem distintos, cada um nos moldes de um dos jogos, garantindo disputas inusitadas como Falco Lombardi, da série Star Fox, enfrentando o Falcão, herói da Marvel que durante anos foi parceiro do Capitão América. O jogo conseguiria facilmente superar a marca de cem personagens e essa união poderia garantir um modo história robusto, com os Guardiões da Galáxia se encontrando com Samus Aran pelo espaço e com uma batalha de Thanos contra Ganondorf, por exemplo.

Está preparado para esse encontro?

8) Advance Wars e Mega Man Battle Network

Dois jogos que fizeram história no nostálgico GBA, uma das melhores plataformas portátil que já existiu. Em Advance Wars temos um jogo de estratégia por turnos onde exércitos se enfrentam em busca da vitória, já em Mega Man Battle Network temos um mundo onde as pessoas possuem um NetNavi, ou seja, um avatar virtual para navegar na rede e disputar batalhas, que ocorrem por turnos. Um jogo misto das duas franquias se desenrolaria durante uma guerra no mundo digital, com uma jogabilidade por turnos para movimentar suas tropas, como em Advance Wars, onde o jogador precisaria organizar seu exército recrutando diversos NetNavis. Entretanto no momento do embate direto entre duas unidades o jogo mudaria para a jogabilidade de Mega Man Battle Network e o jogador precisaria mostrar suas habilidades escolhendo os melhores itens e poderes para derrotar o adversário. O grande vilão e general do exército inimigo deveria ser o maligno NetNavi Sigma, controlado por um certo doutor Willy.

Estaria o exército vermelho sobre o comando de Protoman?

7) Mario Kart e Burnout Paradise

Mario Kart é um jogo de corrida onde tão interessante quanto chegar em primeiro lugar é sabotar os adversários por meio de diversos itens, para que eles cheguem na última colocação. Em Burnout Paradise boa parte da diversão vem dos acidentes dignos de um filme do Michael Bay, com o carro rodopiando no ar e destruindo objetos do cenário. Essa destruição de Burnout tem um objetivo, ela garante o aumento da barra de turbo para acelerar a velocidade do jogador, incentivando a busca por essa insanidade. A mistura desses dois seria apresentada com gráficos carismáticos como é padrão da Nintendo, onde além de usar cascos de tartarugas e cascas de banana, também utilizaria as pistas, que seriam moldadas com diversos pontos para serem destruídos e usados como arma contra o adversário, além do próprio veículo sendo usado na mesma forma, causando acidentes que retardariam os adversários e aumentariam a velocidade do jogador. Esse jogo teria um multiplayer que garantiria loucura total e risadas durante horas.

Os personagens já estão comemorando a união das franquias.

6) Kirby e Mega Man

Uma das características dos jogos do Kirby é a habilidade da bolinha rosa de sugar os oponentes e roubar seus poderes, já nos jogos da série Mega Man o robozinho azul ganha os poderes dos chefes ao derrotá-los no fim de cada fase. Então vamos imaginar um jogo que una esses dois, com uma jogabilidade em conjunta tendo em mente essas habilidades. O gameplay teria os dois personagens simultaneamente na tela, permitindo a troca entre eles a qualquer momento e com partes e desafios específicos para cada um. Essa troca de personagens e troca de habilidades adquiridas dos adversários no decorrer do jogo aumentaria a duração do gameplay para quem busca alcançar 100%, pois forçaria o jogador a voltar às fases já concluídas para acessar uma área antes inalcançável pelo falta de algum poder. Garantia de diversão e qualidade, certamente.

Os personagens já se encontraram na série de jogos Super Smash Bros.

5) Pokémon e Digimon

Por mais que Digimon e Pokémon sejam séries completamente distintas a comparação entre as duas sempre existiu, só porque ambas tratam de "monstrinhos". Um jogo que unisse as duas franquias deveria iniciar com o protagonista jogando Pokémon em algum aparelho da Nintendo e, por conta disto, acabaria entrando no mundo digital e descobrindo um digimundo que seria uma mescla dos continentes de Pokémon com tudo que já foi apresentado na franquia Digimon. Os principais jogos da franquia dos monstros de bolso tem como objetivo conseguir todas as insígnias para se tornar um mestre Pokémon, mas em meio a essa trama eventos paralelos acontecem, envolvendo equipes malignas que o protagonista precisa derrotar. Já na franquia dos monstros digitais o objetivo dos protagonistas geralmente é salvar o mundo de um grande mal. No jogo unindo as duas franquia seria interessante então que essas equipes do mundo de Pokémon unissem forças com os Digimons malignos, forçando o jogador a utilizar todas as suas habilidade para impedir a dominação mundial por esses adversários, enquanto ele captura todos os monstrinhos que já apareceram nas duas franquias, tarefa hercúlea que poucos conseguiriam concluir certamente.

Já imaginou as duas franquias se encontrando finalmente?

4) Metroid e Star Fox

Na maioria dos jogos da série Star Fox o grande foco são as batalhas espaciais, viajando por diversos pontos do espaço diferentes, já nos jogos da série Metroid, a protagonista Samus Aran explora planetas diferentes e ricos em detalhes, com mapas enormes. Um crossover entre essas duas franquias é fácil de se idealizar, os personagens iriam se encontrar tendo como objetivo reunir um conjunto de itens espalhados em diversos planetas, no caminho entre um planeta e outro teríamos uma jogabilidade nos moldes de Star Fox, com excelente batalhas espaciais, mas ao chegar ao destino a jogabilidade mudaria para algo próximo de Metroid, onde um mapa deveria ser explorado a exaustão para encontrar todos os itens necessário para se continuar a história. O fim de cada fase teríamos uma batalha em duas frentes, em solo com o jogador controlando Samus e depois no ar, com o jogador controlando Fox contra algum robô ou monstro gigante.

Um encontro para abalar o universo.


3) The Legend of Zelda e Chrono Trigger

Chrono Trigger é considerados por muitos um dos melhores jogos de todos os tempos, assim como The Legend of Zelda: Ocarina of Time. Os dois tem um tema central comum, viagem no tempo, então esse deveria ser o tema do jogo unindo as duas franquias. Quando jogamos a aventura de Crono e seus amigos temos diversas eras, todas muito bem diferenciadas entre si, já na série Zelda temos diversas eras espalhadas pelos jogos lançados até então. Para juntar os jogos o melhor seria um JRPG de turnos, com um trama amarrando todas as eras de Hyrule, com algum ponto de colapso que arriscaria todas. Marle seria uma princesa que, em meio a essas viagens, descobriria ser descendente da princesa Zelda. Para fazer esse jogo funcionar a equipe certa deveria ser escolhida, nos proporcionando o sonho de escutar belas canções da união do trio de mestres Koji Kondo, Yasunori Mitsuda e Nobu Yematsu nas composições do jogo. Sem falar que contar com a arte de Akira Toryama para os personagens da série Zelda seria incrível.

É o Link ou o Goku de cosplay?


2) Zelda e Tomb Raider

Imagine um jogo se passando em dois períodos de tempo diferentes. A exploradora Lara Croft encontra as ruínas do reino de Hyrule e explora o local no presente, enquanto no passado jogamos com a princesa Zelda explorando o mesmo local. O jogo seria de mundo aberto, nos moldes de Breath Of The Wild, e o jogador seria obrigado a sincronizar a jogatina entre os dois períodos temporais, as informações descobertas por Lara no presente serviriam para resolver Puzzles no passado, enquanto que eventos ocorridos no passado fariam Lara descobrir onde estão determinados itens, dando assim uma direção para onde ir visando encontrar o que ela procura nas ruínas. Os primórdios das duas franquias apresentam a mesma ideia, a exploração, então esse deveria ser o foco desse jogo, deixando o jogador livre para fazer o que bem entender e onde quisesse.

Vou ali encontrar a Triforce e já volto.


1) Mario e Sonic

Na década de 1990 eles eram os mascotes das principais rivais das empresas dos games. Na época Sonic e Mario eram sensações, com jogos de plataforma de qualidade, sempre gerando discussões entre os fãs sobre qual jogo era melhor. Um jogo de plataforma juntando os dois grandes ícones no passado parecia ser algo impossível, mas hoje em dia os tempos são outros... O encontro dos dois já aconteceu em outros tipos de jogos como Smash Bros e nos jogos da série de esporte dos dois, mas ainda não temos um jogo de plataforma, nos moldes dos clássicos, de preferência com visual retrô. Há alguns anos a série New Mario Bros vem mostrando que os jogos do bigodudo em 2D ainda tem muito gás para queimar, assim como Sonic Mania mostrou que ainda existe esperança para o ouriço azul no mundo de duas dimensões. Agora imagine um jogo de plataforma juntando os dois, com game design das fases balanceados para as diferentes jogabilidade de cada personagem, seria incrível. Sem falar na chance de ver o Sonic vestindo diversas roupinhas diferentes, para lhe garantir pôsteres novos, e de ver o Mario reunindo as sete esmeraldas do Caos e virando Super Mario, com direito a bigode loiro e tudo. Esse jogo merecia ser lançado.

O encontro dos sonhos para quem viveu a década de 1990!
E você, gostaria de ver esses jogos ganhando vida? Tem alguma ideia mirabolante para um Crossover? Nos diga nos comentários.


Revisão: Diogo Mendes
João Victor escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook