Top 10

Os melhores jogos esportivos estrelados pelo Mario

Em clima de Copa do Mundo, reunimos os melhores jogos de esporte do Mario para mostrar que nem só de salvar princesas em perigo vive um herói encanador.



Nem todo mundo gosta de esporte, isso é verdade. Acompanhar as competições regionais e mundiais não faz parte da rotina de muita gente, porém, existem aqueles que dão uma olhada de vez em quando em suas horas livres, enquanto outros não passam um dia sem verificar alguma notícia sobre sua modalidade favorita. Seja qual for sua relação com as atividades, uma coisa é certa: quase todo mundo que curte games já se apaixonou por algum jogo esportivo do nosso amigo Mario. Seja com a raquete de tênis ou o taco de golfe, o bigodudo está sempre curtindo uma atividade física, mas claro, sem nunca perder sua charmosa barriguinha. E aproveitando o clima festivo de Copa do Mundo que nos encontramos, reunimos os dez melhores jogos de esporte do querido encanador italiano para ajudar a suar sua camisa, ou, pelo menos treinar o dedão.

10 - Mario Golf (N64)


Quando a desenvolvedora Camelot rompeu sua relação com a Sega e passou a desenvolver para a Nintendo, poucos imaginavam que o primeiro game deles seria da série Mario, muito menos de um esporte que combinava pouco com a turma do encanador. Mostrando talento sem igual, a empresa criou o aclamado Mario Golf, lançado para o Nintendo 64 em 1999, deixando ainda mais atraente a biblioteca do console.

Removendo convenções extremamente técnicas do golfe sem perder o desafio, os criadores transpuseram de forma suave alguns dos pontos altos da modalidade para mecânicas de gameplay. Algumas delas foram copiadas até por jogos mais “sérios” do esporte. A boa quantidade de modos, e a possibilidade de jogar com várias pessoas ao mesmo tempo, faz com que o primeiro game de golfe da turma do bigodudo continue sendo o preferido da maioria dos fãs da franquia, e extremamente divertido de se jogar atualmente.

9 - Mario Tennis (N64)






Um ano após o estrondoso sucesso de Mario Golf, a Camelot lançou seu segundo jogo esportivo do Mario para o Nintendo 64. Mario Tennis foi uma cartada de mestre. Unindo a parte técnica da modalidade com a jogabilidade divertida de um game da franquia, Mario Tennis divertia qualquer um que o jogasse. Era fácil começar, alguns minutos e tudo ficava claro para quem estava iniciando, porém, dominá-lo demandava tempo e dedicação. Executar Forehands e Topspin no momento certo era essencial para completar todos os desafios e habilitar todo seu vasto conteúdo.

Com partidas individuais ou em duplas, até quatro jogadores se enfrentavam nas quadras usando uma das mais marcantes características do N64, a função multijogadores. A grande variedade de modos como torneios, ou aqueles repletos de itens, garantiram a longevidade do game. Mesmo quase 20 anos após seu lançamento, Mario Tennis ainda é um grande jogo que funciona perfeitamente e não tem nenhum sinal de sua idade. Vale ressaltar que foi nesse momento que um dos mais queridos - ou não - antagonistas da Nintendo surgiu: o Waluigi.

8 - Mario Hoops 3-on-3 (DS)



Quem diria que a gigante dos RPGs japoneses poderia fazer um jogo de esporte? Em 2006 a Square-Enix, responsável pelas séries Final Fantasy e Dragon Quest, entrou no mundo do basquete com Mario Hoops 3-on- 3, um jogo que colocava a turma do encanador em partidas emocionantes. Personagens das franquias da Square fizeram aparições, como o Cactuar, Black Mage e White Mage. 

Entre uma cesta e outra, os jogadores usavam poderes e itens específicos que só um game esportivo do Mario consegue oferecer, como ovos de Yoshi, cascos de tartaruga, cascas de banana, barreiras e moedas. Divertido na época, o game pode causar algum estranhamento se jogado hoje em dia, justamente pela mecânica mais lenta e os gráficos de baixa resolução do DS, mas se esses problemas forem superados, é garantia de bons momentos.

7 - Mario Strikers Charged (Wii)


A desenvolvedora Next Level Games começou fazendo games de esporte, inclusive lançando um para o Nintendo Gamecube, o de hockey NHL Hitz, que acabou servindo para chamar a atenção da japonesa. A Nintendo deixou em suas mãos a sequência do jogo de futebol da turma do encanador, e Mario Strikers Charged chegou ao Wii em 2007 e veio a se tornar um grande sucesso no console. Misturando controles tradicionais com comandos de movimento, o jogo tem toda a mágica da Nintendo em que começar a jogar é bem simples e rápido, mas dominar todas as suas mecânicas exigem muito (até do mais experiente e habilidoso jogador). 

Em partidas com quatro jogadores de cada lado, o game possui um estilo único e divertido que é bem diferente dos jogos esportivos do Mario. Cheios de carisma e personalidade, os personagens possuíam introduções impressionantes e divertidas. Com gráficos caprichados e uma mecânica divertidíssima, Charged evoluiu tudo o que vimos no título anterior para o Gamecube, e ainda chama atenção de qualquer um que o jogue. Vale muito a pena conferir

6 - Mario Sports Mix (Wii)


E se você achou que a Square-Enix parou em Mario Hoops 3-on-3, está totalmente enganado. Mario Sports Mix foi lançado em 2010 para o Wii se tornando um dos mais refinados e bonitos jogos de esporte do nosso querido encanador. O game reúne quatro modalidades, que são vôlei, basquete, hockey e dodgeball (conhecido por aqui como queimada).

As mecânicas dos esportes presentes nesse jogo se baseiam em outros games que saíram antes. O basquete se apoia no anterior da Square, o Mario Hoops 3-on-3. Já os de hockey, vôlei e dodgeball são versões mais aprimoradas de minigames que apareceram em outras franquias queridas, mais especificamente, Mario Party e Mario & Sonic at Olympic Winter Games

Novamente personagens de Final Fantasy e Dragon Quest fazem participações especiais, tornando o game indispensável na coleção de qualquer fã das duas empresas japonesas. Muito bem produzido, ainda é um dos melhores exemplares esportivos da Nintendo.

5 - Mario & Sonic at the Rio 2016 Olympic Games (Wii U / 3DS)


Quando o Rio de Janeiro foi escolhido como sede das Olimpíadas de 2016, os gamers não pensaram em outra coisa. Mario e Sonic vão visitar nossa cidade maravilhosa. Bem, talvez tenham pensado em outras coisas, mas com certeza aquela vontade de ver os queridos personagens passeando pelas ruas de Copacabana foi uma delas. O desejo foi realizado e com um excelente e divertido jogo que vai além de uma coletânea de minigames simples. Mario & Sonic at the Rio 2016 Olympic Games possui um vasto conteúdo informativo sobre os países que participaram dos jogos e dos vários esportes olímpicos. Interagir com Mario, Sonic e toda a turma de personagens se tornava real com a possibilidade de colocar seu Mii dentro da ação.

Não existia um modo online direto, porém, era possível competir com o tempo e pontuação de pessoas reais do mundo todo na versão de Wii U, que fazia a vontade de continuar jogando ser grande. No 3DS, um charmoso modo história deixava tudo mais atraente para o jogador solitário. Seja em partidas de futebol, cavalgadas do hipismo e nas pedaladas do BMX, a diversão era garantida. A curiosidade maior fica para a adaptação de lugares e cartões postais da cidade maravilhosa para o universo da Nintendo. Da escadaria da Lapa até o calçadão de Copacabana, passando por alegorias de carnaval, tudo ficou muito bem representado e bonito. Juntar os amigos rendia aquela competição que coloca em cheque qualquer amizade, mas claro, tudo terminava em ótimas gargalhadas.

4 - Mario Sports Superstars (3DS)

Nem todos buscam a complexidade dos jogos específicos de esporte da Nintendo. Mario Tennis pode ser bem desafiador, Strikers exige muita concentração e habilidade, e Golf tende a ser mais complexo para jogadores que querem apenas curtir algumas partidas para se distrair por alguns minutos. 

Pensando nisso, a Nintendo juntou os principais esportes que a turma do Mario participa, deu aquela simplificada e lançou em 2017 Mario Sports Superstars. Reunindo tênis, futebol, golfe, baseball e corridas de cavalo, Superstars é divertido tanto para quem busca alguns momentos de distração sozinho, quanto para aqueles que reúnem os amigos e seus 3DS para a diversão. Mas como estamos falando de Nintendo, o desafio não pode ficar de fora, portanto, se a intenção é testar habilidades, embarque nas dificuldades mais avançadas e é certo que não irá se decepcionar.

 3 - Mario Super Sluggers (Wii)


A Nintendo possui inúmeras parcerias para o desenvolvimento de seus jogos. Além da Square-Enix, a também japonesa Bandai Namco produziu um game esportivo do bigodudo, Mario Super Sluggers, lançado em 2008 para o Wii. Nas quadras de beisebol, era possível balançar o Wii Remote para imitar o movimento do taco e correr pelas bases. Com lindos gráficos, o game possuía um modo história simples mas com um eficiente tutorial, além de outros desafios; e, mais uma vez, o que brilhava eram as partidas multijogadores. Juntar a família em volta do videogame e se divertir bastante nunca foi tão fácil.

2 - Mario Golf Toadstool Tour (Gamecube)


Após o grande sucesso de Mario Golf no Nintendo 64, era de se esperar uma sequência para o então recém lançado Gamecube. Em 2003 a Camelot nos presenteou com Mario Golf Toasdtool Tour. Era uma versão mais completa e bem acabada do game anterior, desde a sequência de abertura até o jogo principal, o visual era impecável, e a sensação de estar vendo um vídeo pré renderizado durante as partidas era real. Uma atenção especial a trilha sonora deve ser dada aqui. 

Não só as melhorias nos gráficos e nas músicas eram evidentes, mas todo o sistema do jogo foi renovado, se tornando um pouco mais desafiador e técnico. Os diferentes modos completavam a brincadeira e entregavam conteúdo para muitas e muitas horas de diversão. Um clássico que ainda hoje merece ser revisitado.

1 - Mario Tennis Aces (Switch)

Quando anunciado no final de 2017, já era perceptível a evolução de qualidade de Mario Tennis Aces em relação ao anterior, Ultra Smash para o Wii U, que apesar de gráficos e jogabilidade excelentes, pecava pela falta de conteúdo. A estreia da franquia no atual console da Nintendo, o Switch, não poderia ser melhor. A volta de um modo história deixou muitos jogadores contentes, e as novas mecânicas de ataque e defesa não existem apenas para acrescentar algo diferente às partidas: com o propósito de esquentar as coisas e deixar os Sets mais imprevisíveis e competitivos, os desenvolvedores da Camelot deram uma olhada nas barras dos jogos de luta para se inspirar. Elas são preenchidas durantes o rally e pode ser usada de várias formas. É possível reduzir a velocidade do tempo e da bola para facilitar a devolução, ou esperar o momento certo e disparar um ataque especial e devastador que pode inclusive quebrar a raquete do rival e tirá-lo da partida. 

Fazendo para a série Tennis o que Mario Kart 8 fez para a franquia de corrida, Aces evolui as mecânicas para um novo nível e se torna um dos pilares da Nintendo nas competições online, se juntando a Arms, Splatoon 2 e outros no Nintendo Switch. Indispensável.

E você, qual seu jogo de esporte do Mario favorito? Conta pra gente nos comentário e aproveite para dizer qual aquele personagem que você sempre escolhe primeiro quando vai jogar.

Revisão: Vinicius Rutes
Flavio Maciel escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook