Vem aí

Prévia: Etrian Odyssey 2 Untold (3DS) promete uma aventura desafiante, porém acessível

O remake do segundo título dessa franquia de JRPGs terá as melhorias dos outros jogos da série e algumas novidades.


Etrian Odyssey é uma série de RPGs que resgata o gênero dungeon crawling e tem como os maiores destaques a grande dificuldade das aventuras e o sistema de cartografia. A franquia nasceu no DS, que recebeu três títulos, e depois continuou no 3DS. A Atlus, pensando nos donos do portátil mais recente da Nintendo e que não conheceram os primeiros títulos da série, introduziu a sub-série Untold, que reimagina os episódios de DS. Etrian Odyssey 2 Untold: The Fafnir Knight é o remake de Etrian Odyssey II: Heroes of Lagaard (DS) e tem tudo para ser um dos melhores da série até o momento.

Escoltando a realeza

A principal característica da sub-série Untold é que a aventura conta com uma história elaborada e personagens fixos. Em The Fafnir Knight, o jogador acompanha um grupo de heróis que tem como missão escoltar uma princesa chamada Arianna. A garota precisa executar um ritual sagrado nas ruínas de Ginnungagap, mas sua jornada acaba sendo mais complicada do que o esperado. Os novos personagens contam com dublagem e momentos cruciais da história têm cenas animadas.

A estrutura básica da série se mantém: o objetivo é explorar inúmeros calabouços em uma visão de primeira pessoa, ao mesmo tempo em que se desenha um mapa na tela de toque do 3DS. Os combates são por turnos e várias classes estão disponíveis, o que possibilita muitas opções de estratégias. Como é baseado em Etrian Odyssey II, The Fafnir Knight não conta com o expansivo mapa-mundi introduzido em Etrian Odyssey IV: Legends of the Titan (3DS). Prepare-se para uma aventura desafiante: a dificuldade característica da série também estará presente no novo jogo — vários diferentes níveis de dificuldade estarão disponíveis, atendendo a qualquer tipo de jogador.


O jogo também conta com o Classic Mode, que traz jogabilidade mais parecida com o original de DS. Nessa modalidade é possível montar um grupo de aventureiros e explorar o labirinto de Yggdrasil livremente em busca de seus segredos, sem uma trama muito elaborada — a trilha sonora original, que conta com composições executadas por sintetizadores, pode ser escolhida para deixar a experiência ainda mais próxima do jogo de DS. De qualquer maneira, o Classic Mode conta com as várias melhorias e novidades dos últimos títulos. Pela primeira vez na série, The Fafnir Knight terá mais de um slot para guardar o progresso da aventura — isso possibilitará jogar os dois modos simultaneamente no mesmo cartucho.

Ouvindo os fãs e trazendo novidades

The Fafnir Knigth terá várias melhorias introduzidas nos últimos títulos, inclusive algumas características de Persona Q: Shadow of the Labyrinth (3DS). A primeira delas diz respeito ao visual: o jogo utiliza o mesmo motor gráfico de Etrian Odyssey IV, assim como Etrian Odyssey Untold: The Millenium Girl (3DS). Novas opções para o sistema de cartografia, como novos marcadores e sistema de rotas, vieram de Persona Q. Explorar os labirintos será mais prazeroso com as opções de desenhar o mapa automaticamente e maior velocidade de locomoção.


O novo jogo terá conteúdo que não estava presente no original. O mais interessante deles é um novo calabouço relacionado à trama do modo história. Em relação aos personagens, The Fafnir Knight terá novas classes (uma delas vem direto de Etrian Odyssey III), sendo que suas habilidades foram rebalanceadas. Por fim, o protagonista do modo história conta com a classe exclusiva Fafnir, que permite que ele se transforme durante o combate por alguns turnos — várias técnicas poderosas só podem ser usadas assim. O sistema de Grimorie Stones, que foi introduzido em The Millenium Girl e que permite os personagens equiparem habilidades de outras classes, foi retrabalhado e melhorado — os jogadores criticaram duramente a implementação desse recurso no primeiro Untold.


Fora da aventura principal, será possível administrar um restaurante. Nesse local os jogadores poderão cozinhar receitas para receber benefícios durante a exploração, criar campanhas de marketing para ganhar dinheiro e até mesmo desenvolver a cidade de High Lagaard. Outra novidade é a inclusão de DLCs: missões, chefes e calabouços adicionais poderão ser adquiridos.

Uma aventura promissora

Etrian Odyssey 2 Untold: The Fafnir Knight promete ter tudo o que os fãs de RPGs procuram: uma aventura extensa, combate bem pensado e repleto de possibilidades e muito conteúdo. Por oferecer um modo história e um modo clássico, o título agradará tanto a veteranos da série quanto a novatos. Por conta das várias novidades e dos rebalanceamentos, The Fafnir Knight tem tudo para ser um dos melhores títulos da série.
Etrian Odyssey 2 Untold: The Fafnir Knight — 3DS
Desenvolvimento: Atlus
Gênero: RPG
Lançamento: 04 de agosto de 2015
Expectativa: 4/5
Revisão: Alberto Canen
Capa: Daniel Serezane
Farley Santos é brasiliense e gosta de explorar games obscuros e pouco conhecidos. Fã de Yoko Shimomura e Motoi Sakuraba, é apreciador de boardgames, game music, fotografia, livros e animes. Além de mostrar seus cliques no Flickr, tem também um blog onde escreve sobre inúmeros assuntos.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais