Pokémon Blast

Semana Pokémon Blast: E3 2016, descontos e campeonato

A participação de Pokémon nos dois dias de Treehouse: Live foi o maior destaque da semana, pois nos rendeu gameplay exclusivo de Sun/Moon e novas informações sobre Pokémon Go.

Olá, treinadores! Em mais um Semana Pokémon Blast, confiram um resumo do que aconteceu recentemente na franquia dos monstrinhos de bolso — seja nos jogos da série principal, spin-offs ou no anime. Sem mais delongas, vamos às novidades do mundo Pokémon!

Treehouse: Live

Neste ano, a participação da Nintendo na E3 foi feita através do Treehouse: Live. Estava claro que o foco da empresa era mostrar The Legend of Zelda: Breath of the Wild (NX/Wii U), mas outros jogos tiveram seu espaço — isso incluindo os próximos títulos da franquia Pokémon, o que nos reservou diversas novidades.

Pokémon Sun e Moon (3DS)

A conversa inicial com Junichi Masuda e Shigeru Ohmori não nos rendeu muitas novidades, apenas a confirmação de alguns aspectos como a importância de Solgaleo e Lunala no enredo dos jogos. Eles esclareceram que estão tendo um cuidado especial com os designs dos personagens e dos iniciais. Quando finalmente começou a demonstração foi mais fácil perceber isso, pois a movimentação do protagonista estava bem mais natural que a vista na sexta geração.
As novidades vistas incluem uma câmera mais dinâmica e proporções mais realistas (tanto corporais para os personagens quanto em relação aos objetos e Pokémon). Quando se chega próximo a um treinador, aparece uma sombra em cima da tela e outra embaixo para indicar que há uma batalha próxima, algo bastante útil quando houver treinadores disfarçados no cenário. A maior parte da inovação pode ser vista durante as batalhas. 
Na tela superior, os treinadores aparecem atrás de seus parceiros.
A tela inferior está bem diferente: há um atalho muito bem-vindo para utilizar Poké Ball; os já recorrentes Fight, Pokémon, Bag e Run; e pequenos sprites dos monstrinhos que estão batalhando. Ao tocá-los, é possível ver as mudanças de stats de cada um, uma novidade que vai ajudar muito quem gosta de tê-las em mente.

A partir do segundo encontro com um mesmo Pokémon, os movimentos indicam o quão eficaz serão caso sejam utilizados (super efetivos ou pouco efetivos, por exemplo). Quando o Pokémon é capturado, a tela de "registrado" mostra se ele apresenta outros membros na família evolutiva e se eles já foram capturados. As informações de cada movimento, como descrição e poder, podem ser acessadas facilmente através de um botão na tela.
Durante a demonstração, alguns Pokémon inéditos surgiram e foram logo complementados pelo site oficial dos jogos. Pikipek (o tão especulado pica-pau), Yungoos e Grubbin já foram adicionados à lista de novos monstrinhos de Alola. Está evidente que vários Pokémon antigos reaparecerão, com uma predominância aparente das duas primeiras gerações.


Pokémon Sun e Moon introduzirão um novo modo multiplayer para quatro jogadores (chamado Battle Royal), no qual cada um utiliza três monstrinhos, um de cada vez, em batalhas em turnos e livres: a estratégia é atacar o monstrinho certo e não deixar o seu próprio ser abatido. Parece uma boa forma de estender o tempo de jogatina, de maneira semelhante aos Contests vistos em outras regiões.

O canal do YouTube e site oficial de Pokémon sempre revelam novas informações à medida que são exibidas em eventos como a E3, e dessa vez não foi diferente. Um novo vídeo resumiu a aparição dos novos Pokémon, o Battle Royal e também mostrou um pouco de Magearna. O site ficou com a função de descrever as novidades e anunciar que os lendários Solgaleo e Lunala terão formas alternativas — Radiant Sun e Full Moon, respectivamente —, nas quais ficam ainda mais poderosos. Demais detalhes podem ser conferidos em uma matéria específica.

Pokémon Go (Mobile)

O segundo dia do evento começou com uma sessão de perguntas e respostas a respeito de Pokémon Go, que promete fazer uma revolução na maneira de jogar com os monstrinhos de bolso. Houve algumas revelações interessantes a respeito do aplicativo em si e do apetrecho chamado Pokémon Go Plus, que terá compatibilidade com o jogo.
Na versão de testes, disponibilizada para residentes dos Estados Unidos, há apenas os primeiros monstrinhos da primeira geração. Isso foi feito para que fosse mais fácil, inicialmente, capturar todos os Pokémon, além de ser uma forma de homenagear os vinte anos da franquia. Entretanto, há planos de ter todos disponíveis futuramente dentro do aplicativo. Isso também ajudou os desenvolvedores a focar em cada criatura de acordo com sua aparição nesses jogos — no que diz respeito a raridade e aspectos de sua personalidade, por exemplo.

O lançamento das Poké Balls também foi estudado para que influencie nas chances de captura e renda pontos de experiência, algo que foi demonstrado durante o evento. Algumas funcionalidades como as trocas ainda não estarão disponíveis no lançamento, mas estão sendo analisadas. Há também a promessa de compatibilidade com Sun e Moon no futuro. 

A utilidade do dispositivo Pokémon Go Plus foi explicada: ele se conecta ao celular através de Bluetooth e comunica o que está acontecendo no mundo real através de um display de LED e vibrações. As cores dele mudam para avisar que há um Pokémon próximo; sem mesmo olhar para o celular, é possível tentar capturá-lo pressionando um botão no apetrecho, que indicará se você falhou ou teve sucesso. Pokémon Go Plus está previsto para ser lançado no final de julho por um preço sugerido de 35 dólares, mas não será necessário para poder utilizar o aplicativo.

2016 International Challenge June

As inscrições para o próximo campeonato online de Pokémon — 2016 International Challenge June — estão abertas até as 20:59 do dia 23 de junho (horário de Brasília). As batalhas serão realizadas entre os dias 24 e 26, todas Double Battles e aplicando as regras atuais do VGC. Apenas Pokémon com pentágono azul (que não vieram de gerações anteriores) podem ser utilizados e todos são colocados no nível 50 automaticamente.

As únicas versões utilizadas devem ser as mais recentes: Omega Ruby ou Alpha Sapphire. Todas as informações podem ser conferidas na página de regras da competição no Pokémon Global Link. Boa sorte, treinadores!

eShop Sale

Para celebrar a E3, a Nintendo preparou várias ofertas na eShop, incluindo alguns spin-offs da franquia Pokémon:
Membros do My Nintendo têm ainda mais 10% de desconto em cima dos preços de alguns dos jogos. As ofertas são válidas até o dia 21 de junho.

Pokémon Shuffle

Disponíveis até o dia 21: Kingdra, Uxie*, Beedrill* (High-Speed Challenge) e Gardevoir (Competitive Stage — uma chance de conseguir Gardevoirite).

Disponíveis até o dia 28: Dialga*, Omastar* e Kabutops* (High-Speed Challenge).

* Os marcados com asterisco, após serem capturados, podem dar Skill Boosters como prêmio aleatoriamente.
ATENÇÃO: O texto a seguir contém revelações importantes a respeito do enredo do anime Pokémon XY&Z, também conhecidas como spoilers. Leia por sua conta e risco. 

A Equipe Rocket apronta mais uma vez

Ainda viajando à cidade de Lumiose, Ash e seus companheiros participam de um festival de inventores — e é claro que Clemont se empolga mais que os demais. São vistas várias invenções de pessoas de toda a Kalos. O grupo passa por uma espécie de casa cheia de quebra-cabeças que exigem bastante engenhosidade para serem resolvidos. Em meio a tantos inventos, é claro que a Equipe Rocket aproveita o evento para falhar no que eles falham de melhor: roubar Pokémon. O episódio termina sem nenhuma revelação importante, apenas alguns momentos cômicos envolvendo principalmente Jessie e Meowth.

Entretanto, tudo mudará em breve, pois finalmente começará a Liga Kalos. A prévia do trigésimo segundo episódio de Pokémon XY&Z promete um ritmo acelerado. Pelo visto, Ash participará de algumas batalhas e o evento principal será Trevor contra Alain, Mega Charizard X contra Mega Charizard Y. Infelizmente não haverá episódio novo na próxima quinta-feira, então o começo da competição se dará no dia 30.
Retornaremos na próxima semana com mais novidades!
Robson Júnior é graduando em Ciência da Computação pela UFCG. No Blast, atua como diretor de redação e revisor. Reserva algum tempo para jogar, ler e escrever, algumas de suas paixões. Você pode encontrá-lo no Twitter e no Alvanista.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais