Após afirmar que a filosofia da Nintendo matou Satoru Iwata, criador de Oddworld pede desculpas

Além de criticar as políticas e práticas da Big N, Lorne Lanning disse que Iwata lutou sem sucesso para mudar a forma de pensar.


Lorne Lanning é o criador da série Oddworld e participou de um bate-papo no canal Kinda Funny em abril. Entretanto, o vídeo ficou disponível para não-inscritos apenas essa semana e um dos pontos que chamou a atenção do público foi as duras críticas de Lanning à Nintendo.


Primeiramente, Lanning disse que não acredita no sucesso do Switch. Para ele, o novo console híbrido da Nintendo seguirá o mesmo caminho do Wii e Wii U.
"Eu não tenho fé. Não tenho fé. É devido a experiência. Eu vejo um nível de sucesso parecido com que eles tiveram com as gerações passadas, Wii U e Wii."
Em seguida, o criador de Oddworld afirmou que Wii não foi benéfico para as third parties e que apenas a própria Nintendo ganhou dinheiro com o console de movimentos.
"O quão bem sucedido foi para as third parties? No final da vida do Wii, quem é que estava ganhando dinheiro além da Nintendo? Quantos jogos de Wii foram vendidos que não eram first party? Eles basicamente começaram a evaporar o apoio third party. E chegamos ao Wii U - mesma coisa, sem apoio third party."
Ele criticou ainda o fato da Nintendo não promover jogos indies. Oddworld: New 'n' Tasty foi lançado na eShop do Wii U e Lanning afirmou que o jogo teve apenas uma pequena promoção no lançamento. "Não é que nós perdemos dinheiro, mas poderíamos ter nos saído muito melhor", disse. Segundo Lanning, a Nintendo se recusa a promover jogos multiplataforma que não são lançados no mesmo dia que as versões para consoles concorrentes.



Lanning reclamou dos aspectos técnicos do Switch, citando a fraca memória RAM como causa que fará com que third parties evitem portar jogos para o console. Para ele, é irrelevante que o Switch não esteja competindo com o PlayStation 4 e Xbox One por ser portátil e isso significa que os desenvolvedores não conseguirão lançar jogos multiplaforma no mesmo dia de outras versões ou que precisarão gastar mais dinheiro para espremer seus jogos no Switch.
"Você pensaria, 'Ok, o Switch é portátil, isso é interessante'. Quantos outros desenvolvedores vão trazer seus jogos? Não muitos, porque você terá que gastar mais tempo, energia e esforço para conseguir colocá-lo nesse console, um console menos poderoso e que terá menos unidades no mercado."
Entretanto, o ponto da conversa que causou revolta nos fãs foi a respeito da filosofia da Nintendo. Para Lanning, o uso de cartuchos do Switch mostra que a Nintendo só pensa em si mesma primeiro, cujo objetivo é controlar a fabricação e combater a pirataria. Ele afirmou ainda que a forma de pensar da Nintendo matou Satoru Iwata e que ele não conseguiu mudar a filosofia da gigante japonesa.
"A filosofia tem que mudar. O maior problema que eu vejo na Nintendo é a forma de pensar. Particularmente, eu acho que isso matou Iwata, ele não conseguiu mudar a organização para uma área bem sucedida."
Com a recepção negativa após comentar da morte de Iwata, Lorne Lanning pediu desculpas pelo Twitter e disse que escolheu palavras erradas ao falar do presidente da Nintendo.
"Ontem, várias notícias relataram uma conversa que eu tive ao aparecer no programa GameOverGreggy em abril deste ano. Eu gostaria de sinceramente pedir desculpas pela pouca escolha de palavras a respeito de Satoru Iwata. Minha intenção não era, certamente, desrespeitar o grande homem que há muito tempo carrega minha admiração e respeito, e eu o considerava um herói na indústria. Meus comentários sobre as políticas e práticas atuais da Nintendo em relação ao ecossistema do Switch são opiniões pessoais. Eu declaro-as não para menosprezar ninguém, mas para encorajar o que acredito que seria um ecossistema mais saudável que beneficiaria todos os envolvidos, dono da plataforma, desenvolvedor, publicadora e, claro, o jogador."
E você, o que achou das opiniões de Lanning?


Alex Sandro de Mattos é formado em Gestão de TI. Entre se aventurar por Hyrule e se perder em Silent Hill, gosta de publicar fatos interessantes e bobagens no Nintendo Blast. Pode ser encontrado jogando games 2D e também no Facebook.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook