Blast from the Past

Blast from the Past: Advance Wars (GBA)

Videogame: Game Boy Advance. Jogo: Advance Wars . Gênero: Estratégia em turnos. Resumo em uma palavra: “Minha nossa! Como esse jogo é incr... (por Filipe Gatti em 28/07/2010, via Nintendo Blast)

advance wars boxshot Videogame: Game Boy Advance. Jogo: Advance Wars. Gênero: Estratégia em turnos. Resumo em uma palavra: “Minha nossa! Como esse jogo é incrível!”
Tudo bem, na verdade são sete palavras, mas isso não diminui o quanto Advance Wars foi, e continua sendo um dos títulos mais marcantes para o antigo portátil da Nintendo. Além de ser altamente viciante, ele possui mais de cem mapas diferentes, modo para criar seus próprios mapas, possibilidade de jogar até em quatro pessoas (mesmo que somente um jogador tenha o cartucho)... Enfim, ele usa toda a capacidade do portátil, e se existe algum jogo para se ter quando o assunto é GBA, Advance Wars é o cara.

Parece simples... mas não é

Basicamente o título te coloca no comando de um exército que deve recuperar um mundo que está em caos devido às facções inimigas. Sendo do gênero de estratégia, você é colocado numa espécie de tabuleiro onde suas unidades se movem como num jogo de xadrez – cada uma pode movimentar um determinado número de blocos e atacar somente da distância correta.
1As batalhas ocorrem em terra, no mar, e também no ar. São 18 unidades diferentes para controlar, cada uma com suas próprias características, o que oferece um nível de complexidade na estratégia pouco visto nos jogos do portátil. Tamanha complexidade resultou nos desenvolvedores decidirem que é obrigatório jogar 15 mapas de tutorial antes de iniciar a campanha principal. E os tutoriais não são chatos, acredite.
O objetivo? Bem, pelo menos este é simples, a imensa maioria se resume em ou dizimar totalmente o seu inimigo, ou infiltrar no campo adversário e capturar o quartel general.

Os Command Officers

A camada extra de estratégia que ajuda a diferenciar Advance Wars dos demais são os Command Officers. Esses são os caras responsáveis por dar um boost nas suas tropas durante as batalhas, mas mesmo eles não estão livres de lados negativos: alguns podem fazer as unidades moverem para mais longe, mas a habilidade de ataque não se torna tão eficiente, outros podem capturar bases mais rapidamente, mas possuem uma defesa mais fraca.
Eles também possuem habilidades especiais que só podem ser usadas quando a powerbar chega ao máximo, resultando em poderes como recuperar todas as unidades simultaneamente, ou aumentar o poder ofensivo delas. São nove Command Officers no total, e que são habilitados conforme o progresso da campanha.

Mais! Conte-me mais!

3 Certo, vamos lá. Esse é um jogo feito para os amantes de estratégia – a inteligência artificial do Command Officer inimigo aumenta conforme o seu progresso, até chegar num ponto que você deve pensar em várias jogadas a frente do seu oponente. O lado bom é que a opção Battery Save permite que o jogo tenha seu estado salvo mesmo durante uma batalha, então se algo der errado, é só resetar.6
Existem também as moedas que são obtidas ao fim de cada estágio baseados em como você foi na missão. As moedas podem ser usadas para comprar mapas adicionais, até mesmo os clássicos do jogo original de Game Boy que nunca foi lançado fora do Japão, conhecido como Game Boy Wars.
Além disso, se você estiver se sentindo criativo, você pode criar até três mapas no criador oferecido por Advance Wars, onde você tem controle de tudo para montar o mapa mais absurdo de todos os tempos – e depois compartilhar com seus amigos, é claro.
E o grande trunfo, na minha singela opinião, fica no modo multiplayer para até quatro jogadores. Claro que é legal jogar o modo campanha, principalmente contra uma inteligência artificial que evolui, mas é contra oponentes reais que a estratégia se torna essencial, e o clima fica tenso para todos os participantes. Ah, e se somente um dos jogadores tiver o cartucho, não tem problema, o jogo fará o upload de um mapa simples para todos guerrearem.

Gráficos e comentários finais

A apresentação de Advance Wars é muito energética e segue o estilo anime nos seus personagens. Os efeitos especiais, principalmente nas animações dos Command Officers ao usarem as habilidades especiais, mostram que o hardware do Game Boy Advance foi muito bem aproveitado no desenvolvimento gráfico.
Finalmente, este é um título incrível para o Game Boy Advance. Intenso e magicamente viciante, especialmente quando você pega a manha. Mesmo nos tempos de hoje eu ainda consigo me prender por horas a fio se me permitirem.
Agora tire seu GBA daquela caixa empoeirada, e faça jus ao incrível título que deu origem a uma saga de excelentes jogos de estratégia nos portáteis da Nintendo. Obrigado.

2 4
5 7

Imagens: GameSpot

Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.
Este texto não representa a opinião do Nintendo Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.