Mario Bits

Mario Bits: Rambi, o Rinoceronte

(por Eduardo Jardim em 23/09/2010, via Nintendo Blast)

Muita gente ficou desanimada quando a desenvolvedora Retro Studios, unida à Nintendo para a produção de um novo e espetacular título da série Donkey Kong Country, anunciou que, no dito cujo, não haveria Kremlings - os famosos jacarés e crocodilos piratas que antagonizavam a série -, quão menos fases aquáticas - cuja trilha sonora estava inclusa entre as melhores de todos os tempos. Se você se enquadra no perfil, meu caro, estou aqui para dizer, nada está perdido. O game tem potencial de sobra para ser massivamente divertido e repleto de ação, seja nostálgica ou contemporânea. Entre os elementos mais queridos da série confirmados recentemente para Donkey Kong Country Returns está a presença de Rambi, o rinoceronte, como um personagem jogável.

Habitante de Donkey Kong Island, uma ilha localizada no pulmão do Mundo do Cogumelo (porém bem distante do reino do Mario), Rambi é um "Animal Buddy" - termo usado para se referir aos parceiros animais de Donkey Kong Country, também conhecidos como "Animal Friends" e "Jungle Buddies". Bravo aliado da família dos Kongs, o quase indestrutível Rambi usa seu poderoso chifre para atacar inimigos e abrir buracos nas paredes e rochedos, revelando passagens secretas. Apesar de ter aparecido nos dois primeiros títulos, em Donkey Kong Country 3: Dixie Kong's Double Trouble! o rinoceronte não dá às caras, aparentemente substituído por uma paquiderme diferente chamada Ellie. Similar ao modo que Rambi usa seu chifre, Ellie usava sua tromba; no entanto, a elefante não tinha a habilidade de esmagar as ratazanas desprezíveis conhecidas como Sneeks devido a uma extensão do estereótipo de que elefantes têm medo de ratos e roedores similares. Foi quando sentimos falta de Rambi pela primeira vez.

Em Donkey Kong 64, Rambi marcou seu retorno, tornando as áreas Jungle Japes e Hideout Helm muito mais divertidas. E o mais legal ainda: screenshots antecipadas de Donkey Kong Racing, um projeto de gênero corrida para GameCube, mostravam que Rambi, junto a outros rinocerontes, serviriam como meio de transporte. Infelizmente, a chance do Rambi de mostrar que sabe correr foi para as cucuias com o cancelamento "não oficial" de Donkey Kong Racing. Mas pelo menos, podemos controlar o Rambi em Donkey Kong Barrel Blast, para Nintendo Wii, no qual os Kongs e Kremlings podem montar e "cavalgar" após libertá-lo de uma caixa de animais (chamada oficialmente de "Animal Crate", desde o primeiro Donkey Kong Country).

Em Mario Kart DS, uma homenagem foi feita ao rinoceronte: um kart chamado Rambi Rider foi criado e classificado como um dos automóveis principais do gorilão peso-pesado Donkey Kong.
Não sei o que a Nintendo reserva para o Rambi em Donkey Kong Country Returns. Ainda não se pode dizer quais as passagens que ele terá para abrir, nem por quanto tempo poderemos montar no bom e velho rinoceronte. Mas esperamos ansiosamente por mais informações, agradecendo à Nintendo por continuar nos trazendo de volta ao passado - sem deixar de nos levar ao novo.

E parabéns, Nintendo, pelo seu 121º aniversário!

Fundador e editor-chefe do Reino do Cogumelo, cartunista, flautista e imaginauta, passa a vida bolando ideias e sonhos nutridos por café.

Comentários

Google
Disqus
Facebook


  1. Eu lembro que no MKDS, eu me perguntava: "Uia, porque tem esse rinoceronte esquisito aí no meio dos karts do DK?". Agora eu descobri porque. Pena que no Wii não tem, senão no Wi-fi (suponho) ia bombar esse kart, mas...teria que ir pra todo mundo (King Boo, Rosalina, Bowser, Dry Bowser, Funky Kong, Wario e Waluigi (esqueci algum?)) e aí ia ficar meio sem sentido. Mas sempre achei esse rinoceronte maneiro.

    ResponderExcluir
  2. Ah, e Jardim, lá no Dreaming Dolls geral tá fazendo dolls de Mario, principalmente eu :D

    ResponderExcluir