Perfil

Perfil: Voldo (SoulCalibur)

É um sujeito muito inusitado em suas vestimentas e parece um sadomasoquista. Ainda bem que ele é apenas um personagem fictício. Já imagin... (por Joice Koga em 22/06/2012, via Nintendo Blast)

voldo-nblast

É um sujeito muito inusitado em suas vestimentas e parece um sadomasoquista. Ainda bem que ele é apenas um personagem fictício. Já imaginou se deparar com alguém parecido com isso na rua?! – Além das roupas, os acessórios também indicam fetiches, como: pregos, cordas, peças de roupas transparentes e uma espécie de cinta-liga, deixando suas nádegas à mostra. Para completar, Voldo tem um cinto de couro tampando os olhos e a boca, para indicar que não enxerga e nem pode falar. Com certeza, ele é um dos personagens mais excêntricos já visto em um jogo!

voldo_nblast

Antes das descrições citadas acima, as opções do estranho homem eram inúmeras, dentre elas estavam: ser careca, cabeludo com cavanhaque, nobre com um katar e uma foice nas mãos... No final, optaram pelo Voldo que utiliza nas mãos, duas armas indianas, chamada katar, que foram criadas exclusivamente após observar as características do personagem, e não para por aí, os cenários também surgiram da mesma maneira, ou seja, esses detalhes foram criados em torno do personagem.

No jogo SoulCalibur IV, ele usava uma mordaça, mas ela foi retirada do jogo, para não ficar muito mais exagerado no quesito masoquista. Em SoulCalibur V, o personagem volta aparentemente menos “escravizado”, mas seus trajes estão apenas camuflados embaixo de seu casaco colorido. A forma como Voldo se movimenta é uma das coisas que mais chamam atenção no personagem.

soul-calibur-v-voldo_nblastAí você se pergunta de onde surgiram esses movimentos bizarros. Nós temos a resposta: os movimentos foram criados em sua grande maioria pelas imaginações de Naotake Hirata, e, nisso, o “cabeça” do departamento de captura de movimentos da produtora Team Soul's, Kent Kojima, contratou um ator para tornar os movimentos de Voldo reais. Naotake ficou muito impressionado como era possível um humano fazer exatamente os mesmos movimentos de sua criação.

Consegue diferenciar os movimentos reais e os que foram usados animação gráfica?

Voldo e Vercci

voldo_nblast_sc

O italiano comerciante de armas chamado Vercci, também conhecido como Mercador da Morte, tinha um sonho ou, pode-se dizer, uma ambição: a de ter, em mãos, a espada Soul Edge, visto que era colecionador de armas raras. Voldo, como braço direito do mercador, foi nomeado chefe das expedições com a missão de levar essa poderosa arma ao seu mestre. Sua outra missão era contratar os serviços do temido capitão espanhol, Cervantes de Leon, e acompanhá-lo.

Alguns anos depois, a guerra acaba quebrando a Itália, e o primeiro a ser afetado foi Vercci. Antes de ficar sem nada, ele mandou que sua tropa levasse a fortuna restante para o largo da costa da Sicília, em uma ilha deserta. Após o trabalho duro para a construção do poço de dinheiro, ordenaram que Voldo matasse todos os marinheiros que participaram na construção do esconderijo, de modo que ninguém ficasse sabendo onde estava o tesouro. Não sei qual foi o pior destino: o dos marinheiros ou do Voldo, que teve que ficar como guardião no subterrâneo, sem ter contato nenhum com o mundo externo. Este deve ter sido o motivo para tornar-se cego e insano (aí vemos a aplicação da Teoria de Darwin nos games). O estranho guerreiro matava todos e qualquer um que ousava tentar roubar a fortuna de seu mestre, e foi por isso que o local ficou conhecido e ganhou rumores a respeito do “tesouro e o guardião fantasma”. Um tempo depois, Voldo ouve a voz de seu mestre, pedindo-lhe para encontrar o Soul Edge, e essa foi a razão pela qual ele resolve sair do subsolo.

voldo_ivy_soulcaliburII-nblast

Ao voltar para o solo, Voldo pesquisou sobre a Soul Edge, mas essa busca acabou sendo um fracasso. Quando retornou ao deserto, viu que o poço de dinheiro tinha sido inundado por uma tempestade. Após ver a tragédia que tinha acontecido, o guardião tentou salvar o máximo que pode, e, para evitar que isso se repetisse, continuou no poço até que uma mulher chamada Ivy tentava encontrar por si só a mesma espada que seu mestre desejava. Isso acontece já na sequência de SoulCalibur.

Trocando as espadas (SoulCalibur II)

O Voldo confunde a Katana do Yoshimitsu com a Soul Edge, já que as duas tem a mesma aura maligna. Achando que já tinha cumprido sua missão, ele decide retornar ao poço de dinheiro. Após notar seu erro, ele sai novamente do subsolo e vai à procura dos fragmentos ao longo do caminho.

Saqueado (SoulCalibur III)

Sc5-voldo-nblast

Nas idas e vindas ao poço, Voldo, mesmo cego, percebeu que haviam roubado a espada que ele tinha confundido com a Soul Edge, e os fragmentos já coletados. Como um bom guardião, ele sabia do interesse dos ladrões na espada. Então, o valente soldado foi atrás dos meliantes e forçou-os a revelar informações que tinham sobre a Soul Edge. Mais um detalhe percebido por ele: para essas saídas, era necessário deixar o poço vulnerável. Ele ficaria sem protetor caso acontecesse algo, e foi nesse momento que ele decidiu que o local precisava de um sucessor do mesmo nível dele.

Real ou Imaginação? (SoulCalibur IV)

Voldo_nblast_soulcalibur

O guardião conseguiu finalmente encontrar a espada em Ostrheinsburg, em poder do Azure Knight, e entregou a Soul Edge para seu mestre. Porém, após esse fato, ele começou a ouvir uma voz conhecida em sua mente dizendo-o para proteger a arma. Essa tal voz familiar era da própria Soul Edge, que havia tomado conta de sua mente. Assim, notamos a força que a alma da espada exercia. Por algum motivo, a voz do mestre de Voldo consegue avisá-lo para que tomasse cuidado com a poderosa espada, já que ela podia pregar algumas peças, confundido toda sua cabeça, ficando difícil saber o que era real ou não. Por isso, não podemos ter certeza se tudo que havia acontecido era real ou apenas sua imaginação.


Pesadelo de ladrões (
SoulCalibur V)

SC_voldo_nblast

A ilusão da voz criada pela Soul Edge na mente de guardião é bloqueada pelos Kali-Yuga do Kilik. Depois de voltar ao normal, Voldo volta para o subterrâneo, com o intuito de tornar-se o segurança do poço mais uma vez. Nisso, ele descobre que o local foi saqueado mais uma vez pelos ladrões. Usando a desculpa de recuperar cada pedaço de ouro roubado, Voldo passa vários anos assassinando os responsáveis. Mesmo após recuperar tudo, o insano guerreiro continuou nesse mesmo estilo de vida, mas agora para realizar o desejo de seu mestre, que era ter em mãos a Soul Edge.





Nas brigas

voldo_soulcalibur_nblast

Lutador de alto nível, facilmente reconhecido pelo estilo de luta único; com movimentos e posições que parecem fisicamente impossíveis, o personagem é totalmente imprevisível. Voldo é ágil e tem a habilidade de lutar mesmo de costas para o oponente. Nesses momentos, ele tem vários conjuntos de ataque que podem ser horizontais e verticais. Um dos pontos fracos é que, por ser cego, torna-se um tanto quanto lento.

O lutador dançarino está nos jogos

  • Soul Edge (1996): Arcade e PlayStation;
  • Soulcalibur (1998): Arcade, Dreamcast, e (2008) Xbox Live Arcade;
  • Soulcalibur II (2002): Arcade, Nintendo GameCube, PlayStation 2 e Xbox;
  • Soulcalibur III (2005): Arcade e PlayStation 2;
  • Soulcalibur IV (2008): PlayStation 3 e Xbox 360;
  • Soulcalibur: Broken Destiny (2009): PSP;
  • Soulcalibur V (2012): PlayStation 3 e Xbox 360.

Esse personagem estranho e diferente acabou ganhando bonecos, esculturas e até mesmo comentários a respeito de seu jeito, variando de negativo para positivo. E você, o que você acha do personagem?

Revisão: Ricardo Bach


Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google