Executivo da EA fala sobre o Switch e comenta nova abordagem da Nintendo com as third parties

Segundo ele, a Nintendo ouviu as third parties desde o início do desenvolvimento do console.



A apresentação do Nintendo Switch (13/01) contou com a presença de Patrick Söderlund, executivo da Electronic Arts. Durante o evento, Patrick confirmou que a parceria da EA com a Nintendo para o Switch iniciará com um game da franquia FIFA. Logo após o evento da Big N, o executivo foi entrevistado pela revista japonesa Famitsu, que publicou recentemente as palavras de Patrick.

O executivo se mostrou confiante quanto ao Switch, e falou que acredita que o console levará a Nintendo novamente à vanguarda da indústria dos videogames. Além disso, Patrick Söderlund confirmou que a Big N ouviu outras desenvolvedoras durante a criação do Switch. Ele foi bem direto ao dizer que empresas como a Electronic Arts (EA) e a Activision estiveram em conversa com a Nintendo desde o início do projeto. Confira as palavras do executivo abaixo.
Hoje eu só falei sobre FIFA, mas a estrutura da nossa empresa nos permite lançar todos os tipos de jogos para todas as plataformas, nós vamos onde quer que os jogadores vão. Eu acho que o Switch vai colocar a Nintendo na vanguarda da indústria dos games mais uma vez. Sua abordagem é diferente de tudo o que já fizeram no passado – eles ouviram a EA, a Activision e outras empresas desde o início do desenvolvimento do console, por isso estamos envolvidos em todo o processo. Eles se juntaram a nós porque queriam garantir que o console seria bem-sucedido. Fazer negócios com a Nintendo é muito importante para nós... gostaríamos de trazer mais jogos para todos.
Além da EA, outras empresas como a Bethesda e a Take-Two já manifestaram apoio ao Nintendo Switch. Para mais notícias sobre o novo console da Big N, fique de olho no Nintendo Blast e curta nossa página no Facebook.
Fonte: NintendoLife

Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook