Jogos online do Nintendo Switch começam a ser afetados por cheaters

Após a descoberta de um exploit no hardware, o número de cheaters em jogos online aumentou, principalmente em Splatoon 2.


Disputar partidas multiplayer online é um dos elementos mais divertidos disponíveis nos games. Entretanto, há muitos cheaters que destroem a diversão desses títulos abusando de truques e recursos modificados. E, infelizmente, eles chegaram com força no Nintendo Switch.



Após a descoberta de um exploit no hardware do Switch há algumas semanas, hackers conseguiram acessar e modificar códigos no console. Com isso, vários cheaters estão aparecendo com mais frequência em partidas multiplayer online, como é o caso de Splatoon 2.

Nos últimos dias, o número de vídeos e publicações de cheaters em Splatoon 2 aumentou nas redes sociais. É possível verificar que eles utilizam armas com combinações improváveis e abusam do uso de especiais, inclusive usam armas exclusivas do modo Salmon Run em partidas competitivas online. Por exemplo, no vídeo abaixo, um cheater aumentou a taxa de disparo de uma arma de rajadas lentas. Mas há também relatos de rifles alterados para não terem tempo de carregamento, transformando-os em metralhadoras, e Inklings que ficam invisíveis e invulneráveis a disparos inimigos.

Com o serviço pago Nintendo Switch Online previsto para ser lançado em setembro deste ano e Super Smash Bros. a caminho do console híbrido, esperamos que a Big N consiga resolver os problemas com os cheaters nas partidas online. Enquanto não temos uma solução, você pode reportar esses apelões em Splatoon 2 acessando o Splatnet no aplicativo Nintendo Switch Online.



Fã da Nintendo, aprendeu a jogar com Yoshi's Island e Donkey Kong Country 2, mas descobriu o amor por The Legend of Zelda com Ocarina of Time. Gosta de escrever notícias, análises e bobagens aqui enquanto não está jogando games de puzzle, plataforma e de survival horror.

Comentários

Google
Disqus
Facebook