Splatoon 2 (Switch): nova arma está gerando memes e críticas da comunidade

Bloblobber, adicionada no último update, é acusada de desbalancear as partidas


Não é difícil perceber o quanto a comunidade de Splatoon 2 (Switch) pode ser criativa em fazer piadas e críticas a respeito dos eventos que afetam o game. A nova atualização 3.2.0 nos trouxe um novo mapa, Ancho V-Games, e novas armas, incluindo a polêmica Bloblobber: uma nova arma da classe Slosher inspirada em uma banheira. Para tanto, suas bolhas e sua incrível capacidade de acerto está gerando intrigas na comunidade sobre seu poder.

A princípio, com relatos de muitas partidas contendo mais de 50% dos jogadores utilizando a Bloblobber, memes surgiram como forma de protesto e alívio cômico sobre o desequilíbrio que a arma pode estar causando nas partidas online do game. Confira alguns:

"Você está sendo alvo de muitas Bloblobber ultimamente, Agente 4."
Fãs de Splatoon 2 ao ver Bloblobber: "Isso é o fim [da comunidade]?"
"Ah, tudo bem"
O motivo de toda essa agitação da comunidade sobre a Bloblobber é a respeito de sua capacidade extremamente poderosa de atingir grandes distâncias e de facilmente derrotar inimigos, tanto de perto quanto de longe. Um exemplo disso é a eficiência da arma em atingir o Rainmaker, localizado no meio do mapa Moray Towers, atirando bolhas do topo da torre.


Além disso, diversas discussões surgiram no Reddit a respeito do desequilíbrio gerado. Alguns jogadores apontaram que sua frequência de tiro consegue ser mais rápida que a de uma Slosher Machine, sua cobertura de tinta é bem maior que de uma Slosher ou uma Slosher Machine e sua eficiência de pintura consegue superar a Tri-Slosher. Por fim, a capacidade de acertar um jogador, mesmo a longas distâncias, é notável e justifica todas as críticas da comunidade sobre a arma.

O que você pensa sobre a Bloblobber? Acredita que ela merece ser enfraquecida?

Paulo Vinícius escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook