Suda51 gostaria de ver um port de Killer7 no Nintendo Switch

Mas, para isso acontecer, depende apenas da Capcom.



Killer7 é um jogo que divide opiniões. Lançado para GameCube e PlayStation 2 em 2005, é obra da mente do diretor Goichi Suda, mais conhecido como Suda51, e se tornou um clássico cult. Além da direção artística inovadora, o título de narrativa obscura coloca o jogador no papel de Harman Smith, um senhor em uma cadeira de rodas que manifesta 7 personalidades mortais com habilidades únicas.


Em novembro deste ano, a versão remasterizada de Killer7 foi lançada para PC. Com o sucesso do Nintendo Switch, os fãs querem saber se existe a possibilidade do game chegar ao console híbrido. Em recente entrevista ao Fandom Wikia, Suda51 revelou que gostaria de ver Killer7 no Switch, mas afirmou que isso depende da Capcom.

"Eu adoraria trazer Killer7 para o Switch. Entretanto, a Capcom possui 100% dos direitos do jogo, é graças a eles que a versão para PC foi lançada porque eles estavam bem e uma publicadora apareceu para ajudá-los a distribui-lo, o que é realmente ótimo. Mas eu teria que falar com eles novamente para ver se é possível dar o pontapé inicial no Switch.", disse Suda.

Na entrevista, Suda51 também relembrou do lançamento original de Killer7 em 2005. Segundo ele, faltou tempo para promovê-lo na época, fazendo com que muitos jogadores não soubessem da existência do jogo. "O fato sobre Killer7 é que foi um lançamento repentino, nós náo fomos capazes de fazer muita promoção antes dele estrear, então eu realmente sinto que tenho o dever de garantir que as pessoas estejam cientes de que ele existe", completou.

E você, gostaria de ver uma remasterização de Killer7 no Nintendo Switch?



Fã da Nintendo, aprendeu a jogar com Yoshi's Island e Donkey Kong Country 2, mas descobriu o amor por The Legend of Zelda com Ocarina of Time. Gosta de escrever notícias, análises e bobagens aqui enquanto não está jogando games de puzzle, plataforma e de survival horror.

Comentários

Google
Disqus
Facebook