Perfil

Koga e seu ginásio de dois tipos

De líder de ginásio a membro da Elite Four, conheçam Koga, o mestre das artes ninjas venenosas.


 É isso mesmo, vocês não leram errado. Chega até a ser curioso o que acontece no ginásio do mestre das artes ninjas venenosas, também conhecido como Koga. A base é o tipo , embora apenas ele que utiliza Pokémon desse tipo. Os demais treinadores presentes nesse ginásio usam Pokémon como Hypno e Sandslash, dos tipos  e , que ironicamente, possuem vantagem contra o tipo dos Pokémon de Koga. Então, por que um ginásio desse tipo não possui os Pokémon que compartilham dessa característica? A gente explica. Se olharmos apenas os tipos de maneira isolada, realmente não tem relação nenhuma. Agora, se olharmos os golpes que cada um deles pode aprender, aí podemos ver uma conexão: Hypno é capaz de aprender Poison Gas enquanto que o Sandslash, Poison Sting, ambos do tipo .

O estilo de luta utilizado por Koga visa confundir seus inimigos através dos golpes Confuse Ray e Supersonic, enquanto drena lentamente a condição através de sua técnica secreta, o envenenamento máximo causado pelo golpe Toxic. Normalmente, o ginásio de Koga é o quinto a ser desafiado na liga Índigo e possui um dos “puzzles” mais originais da série, que são as famosas paredes “invisíveis” em forma de labirinto. O fato é que o esquema de seu ginásio foi projetado para as versões Red/Blue (GB), pois neste as paredes realmente são invisíveis. Já nas versões Yellow e Gold/SIlver (GBC) isso não ocorre em virtude do potencial de exibição de cores, que deixa as paredes destacadas em relação ao cenário. O mesmo vale para todas as versões posteriores, uma vez que em Fire Red/Leaf Green (GBA) e Heart Gold e Soul Silver (DS), foi mantido o esquema apresentado nos jogos do Game Boy Color. Assim que é derrotado, Koga entrega a seus desafiantes a Soul Badge e o TM.06 - Toxic.

De Fuchsia para o Plateau Índigo

Salão da Elite Four do Koga
Pouco depois dos eventos de Pokémon Red/Blue, Koga foi convidado a se tornar um membro da Elite Four, que consiste nos quatro treinadores considerados os mais fortes da região. Por conta disso, ele foi o primeiro líder de ginásio a deixar seu posto para assumir uma posição como membro da Elite e foi o primeiro membro criado em uma geração anterior ao seu posto, pois o Koga é de Kanto e faz parte da Elite Four de Johto, haja vista que Bruno e Lance, também presentes nessa formação, já haviam aparecido nas versões para Game Boy. Em virtude de sua saída do ginásio da cidade Fuchsia, Koga deixa em seu lugar sua filha, Janine, para que tome conta do posto de líder, mantendo a mesma linha de pensamento. Isso nos leva a crer que os jogos Black/White 2 (DS) se passam no mesmo universo das versões Heart Gold e Soul Silver, pois no Pokémon World Tournament não enfrentamos o Koga, mas sim sua filha Janine, dando a entender que ele já havia se tornado um membro da Elite, e por conta disso a Janine aparece como líder de ginásio e/ou especialista no tipo .

Legião dos Ninjas

Ao longo das gerações, as equipes utilizadas por Koga não sofreram grandes alterações. A mais brusca foi em Gold/Silver, quando ele deixou de utilizar apenas Pokémon do tipo e passou a incorporar o Forretress, Pokémon do tipo / e que curiosamente, não possui nenhum golpe do tipo principal de seu mestre. Isso se deu pelo fato de que, em Johto, não há muitos Pokémon desse tipo e portanto, sua equipe precisava ter monstrinhos que existissem tanto em Kanto como em Johto. Um fato curioso sobre suas equipes é que, sempre que Koga utiliza um Venomoth, Sabrina, uma das líderes da região de Kanto não o utiliza e vice-versa, ou seja, quando um usa, o outro não usa. Interessante não? A seguir, vejam as equipes utilizadas por Koga desde sua primeira aparição:

Red/Blue**
Koffing(x2), Muk, Weezing

Yellow
Venonat(x3), Venomoth

Gold/Silver**
Ariados, Forretress, Muk, Venomoth, Crobat

Heart Gold/Soul Silver (Rematch)
Skuntank, Venomoth, Toxicroak, Swalot, Crobat , Muk

**Mesmo time nos Remakes

Let's Go Eevee e Let's Go Pikachu

O ginásio de Koga em Pokémon Let´s Go não sofreu grandes mudanças em relação ao seu visual. As paredes “invisíveis” continuam presentes, só que agora, há uma fumaça, típica das bombas utilizadas pelos ninjas para desaparecerem. Elas ressaltam as paredes por alguns segundos, facilitando a sua identificação revelando parte do caminho para os jogadores.

Ginásio do Koga em Pokémon Let's Go
A mudança mais drástica desse ginásio é a presença de Pokémon do tipo  entre os treinadores e, com isso, tornou-se mais “fácil” de vencê-lo, afinal, com apenas um tipo, qualquer Pokémon do tipo  (o mais forte em Kanto) é capaz de derrotar este ginásio praticamente sozinho. Koga, no entanto, pode ser um pouco mais difícil de derrotar, em virtude de seus Pokémon estarem acima dos que são utilizados ao longo do desafio. Lembrem-se de que, seu golpe especial, Toxic, acumula o dano conforme o passar dos turnos e todos os seus Pokémon possuem Protect, que inibe o dano em um turno, fazendo com que mais um contador seja adicionado ao dano do Toxic. Neste jogo, sua equipe é composta por Weezing, Muk, Venomoth e Golbat, bem parecida com a que vimos em Red/Blue.

Koga e o Futuro

Parece que o futuro de Koga realmente foi a presença na Elite Four da região de Johto, pois sua presença no anime se limitou à liga de Kanto e uma participação especial em Best Wishes, referente às versões Black/White. Por outro lado, nos jogos, ele ganhou certo destaque por ser tornar um membro da Elite e protetor da Zona Safari, que fica na cidade Fuchsia. Talvez o futuro de Koga, na verdade, seja seu legado, que atualmente é mantido por sua filha Janine, pois como membro da Elite, não há outra posição, tirando a do campeão, que ele pode assumir.

Revisão: André Carvalho
Referências: Bulbapedia


Formado em Sistemas de Informação e atualmente trabalhando com Integração entre Sistemas, Victor Carreta (é uma cilada Bino!) é fã de Pokémon desde os oito anos de idade, quando teve o primeiro contato com a franquia em seu Game Boy Color e desde então, são mais de 20 anos de alegria. Fanático por vídeo-games, gostaria de poder jogar mais tempo do que trabalha, e ainda consegue arrumar um tempinho para escrever matérias sobre suas franquias favoritas. Começou a tomar gosto por escrever quando estava caçando notícias sobre jogos da Nintendo e por acaso, acessou um tal de Nintendo Blast. Enquanto não está escrevendo, pode ser encontrado pela região de Sinnoh, torcendo por um remake dessa geração, que é a melhor de todas.

Comentários

Google
Disqus
Facebook