Pokémon Sword/Shield (Switch) tem reveladas novidades sobre as Galarian forms, rivais e mais

Trailer mostrou ainda a Team Yell, um novo monstrinho que muda de forma e a mecânica dos Poké Jobs.



A Nintendo e a The Pokémon Company divulgaram um novo trailer de Sword/Shield recheado de novidades. Entre os destaques, tivemos a revelação das Galarian forms, a apresentação de uma criaturinha inédita e detalhes dos rivais presentes na região. O vídeo mostrou também a equipe Yell, que são os encrenqueiros de Galar, e a mecânica Poké Jobs. Confira todas as informações liberadas hoje:

Galarian forms

Assim como em Alola, alguns Pokémon de Galar se adaptaram ao ambiente de tal maneira que seu visual e características foram alterados em relação à outras criaturinhas semelhantes encontradas nas demais regiões. Por enquanto, tivemos a confirmação de três Pokémon que terão suas Galarian forms.

Galarian Weezing

O Galarian Weezing funciona como uma espécie de filtro, sugando o ar poluído e gases tóxicos para se alimentar. No processo, o Pokémon libera ar puro e extremamente limpo da parte superior de sua cabeça. Já as toxinas acumuladas dentro de seu corpo se transformam em nuvens bastante perigosas que se concentram ao redor da criaturinha. Se um oponente inalar esse gás, fica atordoado e imobilizado durante a batalha.



Galarian Zigzagoon

O Zigzagoon de Galar está sempre se mudando e nunca mora em um único local. São conhecidos por estarem em todos os lados, sejam campos, florestas e até mesmo cidades. Existem boatos de que os movimentos em ziguezague do Zigzagoon em outras regiões tiveram origem nessa natureza inquieta da forma de Galar, que é considerada a mais antiga da espécie.

Esse monstrinho adora batalhas e ataca outros Pokémon e pessoas na tentativa de provocar confrontos. Esse comportamento costuma gerar duelos contra os Pokémon selvagens, já os humanos pensam que se trata apenas de brincadeira ou demonstração de afeto. O Zigzagoon de Galar fica frustrado quando tenta provocar as pessoas e elas não se chateiam.

Galarian Linoone

O Linoone de Galar consegue atingir altas velocidades e executar ataques avassaladores. Esses golpes têm força destrutiva capaz até de lançar um carro longe, porém desequilibram o Pokémon caso ele erre o alvo. O monstrinho é impulsivo e destemido, geralmente provocando lutas de maneira irresponsável e até mesmo contra adversários bem mais fortes. Sua coragem o torna extremamente popular entre os jovens insatisfeitos de Galar, que não têm onde descarregar sua frustração e raiva.


Evoluções exclusivas

Algumas formas de Galar são capazes de evoluir para níveis nunca vistos antes em outras regiões. Um exemplo desses é o Obstagoon, que evolui a partir do Linoone de Galar. Essa evolução é estimulada pelo ambiente adverso, que proporciona uma feroz competição entre os Linoone. Como resultado, os instintos de sobrevivência desse Pokémon foram aperfeiçoados até que se transformasse em Obstagoon.

Apesar de ser bastante combativo, o Obstagoon não costuma ser o primeiro a atacar. Ele prefere provocar os adversários para que os oponentes executem o primeiro movimento. Quando isso acontece, Obstagoon cruza os braços e recebe o ataque com o seu movimento Obstruct. Ele é é especialista em apanhar os adversários desprevenidos e contra-atacar com suas garras afiadas.


Novo Pokémon que muda de forma

Diferentes Pokémon são capazes de mudar de forma devido o efeito de certos itens ou graças a suas próprias habilidades. Porém, algumas dessas alterações não se limitam ao visual e esses monstrinhos conseguem transformar seus movimentos. Um exemplo é o Morpeko, que consegue mudar de aparência a cada rodada da batalha. Com isso, seu movimento Aura Wheel fica alternando entre Electric e Dark.

O Morpeko está constantemente produzindo eletricidade nas bolsas que tem nas bochechas. Esse processo consome muita energia, fazendo com que o Pokémon esteja sempre faminto. É por esse motivo que Morpeko sempre anda com alguma comida e a protege com todo o cuidado.

Quando a fome se prolonga por muito tempo, o corpo do Morpeko sofre um desiquilíbrio hormonal. Isto faz seu pelo mudar de cor e desencadeia um comportamento mais agressivo e volátil.


Novos rivais

O trailer apresentou dois rivais que também estarão na jornada por Galar visando o título de campeão. O primeiro é Bede, perito em batalhas e com personalidade bastante arrogante. Ele iniciou sua aventura após receber o patrocínio de Rose, presidente da Galar Pokémon League. Porém, além do título, parece ter outras intenções. Já a segunda é Marnie, que tem um Morpeko como parceiro e pretende ser campeã para atingir um determinado objetivo. Ela tem uma legião de fãs dedicados graças a sua boa aparência e estratégias de batalha muito bem calculadas.


Equipe Yell

O grupo de encrenqueiros tem como missão ajudar Marnie a se tornar campeã. Para isso, usarão diversas táticas para impedir que os demais treinadores avancem nos ginásios. Para eles vale de tudo: invadir lobbies de hotéis, impedir que os rivais embarquem em seus transportes e até gritar e distrair os adversários durante as batalhas. Já quando Marnie está na arena, a Team Yell demonstra o seu apoio com bandeiras que trazem o rosto da treinadora.


Poké Jobs

Na região de Galar é comum os Pokémon e as pessoas trabalharem juntos. Muitas empresas e universidades solicitam a ajuda dos monstrinhos através dos Poké Jobs. É possível consultar as vagas disponíveis no Rotomi e nos Pokémon Centers. Também existe a mecânica de enviar uma criaturinha diretamente das suas Boxes.

Os Pokémon escolhidos para as tarefas receberão experiência que os ajudará a crescer. Existem vários Poké Jobs diferentes e você também verá que alguns tipos de Pokémon se adaptam melhor a determinadas tarefas. Se o treinador oferecer ajuda de seus monstrinhos durante um longo período ou enviar o maior número de Pokémon possível para uma tarefa, poderá colher bons resultados e até receber alguns itens raros.
Pokémon Sword/Shield será lançado para Switch no próximo dia 15 de novembro.

É jornalista e obcecado por games (não necessariamente nessa ordem). Seu vício começou com uma primeira dose de Super Mario World e, desde então, não consegue mais ficar muito tempo sem se aventurar em um bom jogo. Diretor de Redação do Nintendo Blast.

Comentários

Google
Disqus
Facebook