Pokémon GO (Mobile) tem receita de U$3 bilhões e Brasil como segundo em número de downloads

Pesquisa mostra maiores mercados, plataformas e números que o jogo acumulou desde seu lançamento em 2016.


O game para celular Pokémon GO (Mobile) atingiu mais uma impressionante marca: de acordo com a empresa de análise Sensor Tower, o jogo já ultrapassou o número de 3 bilhões de dólares recebidos de receita. Resultado da parceira entre Nintendo, Niantic e The Pokémon Company, Pokémon GO teve maior arrecadamento nos anos de 2016 e 2018. Porém, 2019 está se aproximando dos números e ainda não teve seu fechamento, deixando margem para poder ser o melhor ano para a franquia.

Dos países que mais gastam no in-game de Pokémon GO, a liderança é dos Estados Unidos, com cerca de 1,1 bilhão de dólares. Japão e a Alemanha fecham o Top 3. Estima-se também que a maior parte das compras originam das plataformas do Google Play, com 54%, deixando a App Store com 46%.

Quando se trata de downloads, uma surpresa: o segundo país que mais baixou Pokémon GO foi o Brasil, com 58,4 milhões de jogos instalados. Os Estados Unidos ocupam o primeiro lugar e o México, o terceiro. Se tratando de sistemas, a liderança também vai para o Google Play, com 78% de todos os downloads mundiais, e a App Store, soma 22%.

Fonte: Senso Tower

Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook