Say No! More é anunciado para Switch

Jogo de apenas um botão sobre dizer "Não!" no ambiente de trabalho chega em 2020 ao console da Nintendo.


A Thunderful Publishing anunciou Say No! More. Desenvolvido pelo Studio Fizbin, o jogo indie com altas doses de humor usa apenas um botão e será lançado para Switch, PC e iOS em 2020.


Ele é descrito da seguinte forma em sua página do Steam:
Em um mundo onde a palavra "Não!" foi virtualmente banida, você começa um estágio em uma companhia administrada por pessoas arrogantes. Todos estão convencidos de que o valor de uma pessoa é definido apenas por sua experiência profissional. E claro, você só consegue isso dizendo "Sim!" regularmente!

Depois de sofrer bullying de seus colegas e supervisores e ser usada como uma boneca que só diz "sim", você encontra uma fita motivacional antiga intitulada "Say No! More" [Diga Mais Não!]. Além de dicas úteis do Coach, o especialista em "Não!", canções motivadoras te dão a energia para finalmente dizer "Não!"! Encontrando mais fitas-cassetes, seu "Não!" se tornará mais forte, mais barulhento e maior! Você enfrenta seus bullies, inspira outros empregados e finalmente destrói a gangue de superiores e CEOs abusivos.

Mas apesar de toda essa confiança e força: Você será capaz de dizer "Não!" para o seu melhor amigo?

Principais características
  • Jogo Single-Player on-rails com apenas um botão
  • Escolha como dizer "Não!": Não! quente, Não! frio, Não! preguiçoso, Não! excêntrico!
  • Carregue o seu Não! para aumentar o efeito!
  • Irrite seus colegas! Ria deles! Bata palmas para eles! Faça Hmmm! Faça com que eles sintam que você está escutando o que eles dizem de forma sarcástica!
  • Diga Não! em diferentes línguas!
  • Customize seu personagem!
  • Lute contra colegas, supervisores e chefes malvados!
  • Faça amigos na pausa para o cafézinho!
  • Ria alto porque este jogo é muito divertido!
  • E aprenda a dizer mais Não!
Fonte: Thunderful Publishing (Youtube)

é formado em Comunicação Social pela UFMG e costumava trabalhar numa equipe de desenvolvimento de jogos. Obcecado por jogos japoneses, é raro que ele não tenha em mãos um videogame portátil, sua principal paixão desde a infância.

Comentários

Google
Disqus
Facebook