Desenvolvedora Grezzo está contratando profissionais para projeto "medieval" e "estiloso"

Estúdio é conhecido por ter produzido o remake de The Legend of Zelda: Link's Awakening para o Switch.



A página de recrutamento no site da desenvolvedora japonesa Grezzo foi atualizada com novas vagas de trabalho que podem indicar características de seu próximo projeto. São três cargos diferentes — um programador, um designer de efeitos e um designer de interface de usuário — e a descrição desses últimos postos cita um jogo "estiloso" e "medieval". A listagem também afirma que o possível título não será fotorrealista, mas terá seu design baseado em elementos reais.


Para a vaga de programador, o profissional deverá usar ferramentas como Unity (utilizando C#), Visual Studio, git, redmine e jenkins em sistema operacional Windows ou MacOSX. O desenvolvedor também estará envolvido com o projeto desde seu início, trabalhando próximo da equipe de planejamento.

O designer de efeitos será encarregado de produzir dados de efeitos utilizando Unity, além de apoiar comercialmente o líder de sua equipe e testar cada etapa do desenvolvimento em seu setor, fornecendo feedback. Já o designer de interface de usuário criará a HUD e menus do jogo.

A Grezzo é conhecida por trabalhar majoritariamente em plataformas Nintendo e por ser a coprodutora de remasterizações e remakes de jogos da série The Legend of Zelda, como The Legend of Zelda: Link's Awakening (Switch), The Legend of Zelda: Ocarina of Time 3D (3DS) e The Legend of Zelda: Majora's Mask 3D (3DS). O estúdio também desenvolveu The Legend of Zelda: Tri Force Heroes (3DS) e Ever Oasis (3DS).


Jornalista, analista de mídias e entusiasta de games desde que jogou Pokémon Azul no Game Boy Color nos anos 90. De lá para cá, tenta aproveitar ao máximo todos os consoles no pouco tempo que a vida adulta permite. Se não está escrevendo para o Blast ou demorando anos para zerar um jogo, está no Facebook e no Instagram (@daniel.skm)


Disqus
Facebook
Google