Witch on the Holy Night (Switch): confira os trailers em inglês dos três protagonistas

Vídeos apresentam Aoko Aozaki, Alice Kuonji e Soujyuro Sizuki.

Ao longo das últimas duas semanas, a Type-Moon divulgou em sua conta oficial trailers em inglês para os três protagonistas de Witch on the Holy Night. Os vídeos apresentam os personagens da visual novel, que já está em pré-venda na eShop brasileira no valor de R$ 238,00 e deve ser lançado ainda hoje no console.

Witch on the Holy Night é descrito da seguinte forma:

TYPE-MOON, conhecido pelo jogo de celular muito popular “Fate/Grand Order” e pelo romance visual épico “Tsukihime”, está lançando uma remasterização do sucesso “Witch on the Holy Night” de 2012 no Nintendo Switch™. Experimente uma história de amadurecimento ambientada nos anos 1980 vibrantes e movimentados, que acompanha um rapaz inocente e duas “bruxas” jovens. As atualizações adicionadas desde o lançamento original incluem personagens com voz há tempos esperados, assim como visuais remasterizados em full HD, dando vida à experiência com qualidade e fidelidade inigualáveis. A manipulação magistral dos elementos visuais enche as cenas de combate com uma tensão estressante, mas também dá a vida às atividades diárias dos personagens. Os elementos gráficos animados trazem um nível totalmente novo de profundidade para a experiência de leitura também!

O primeiro vídeo divulgado pela empresa mostrava Aoko Aozaki, uma jovem cuja vida envolve intercalar o seu aprendizado como bruxa na mansão e a sua vida escolar. O trailer mostra que a personagem é profundamente determinada.

Já Alice Kuonji, uma bruxa de sangue puro que costuma ficar quieta na mansão. Muito poderosa, a garota não costuma socializar. No vídeo, há um trecho que menciona que ela detesta humanos por conta de seus grandes poderes.

Por fim, Soujyuro Sizuki é um rapaz comum com uma grande resiliência às coisas que lhe acontecem. Mesmo em meio a fenômenos bizarros, ele ainda se esforça para viver do jeito que quer.
Fonte: TYPE-MOON (Youtube)


é formado em Comunicação Social pela UFMG e costumava trabalhar numa equipe de desenvolvimento de jogos. Obcecado por jogos japoneses, é raro que ele não tenha em mãos um videogame portátil, sua principal paixão desde a infância.


Disqus
Facebook
Google