Random Blast

Super Mario Bros. O Filme: diretor explica como os blocos flutuam no Reino do Cogumelo

Os Toads extraem o mineral Floatanium e o transformam em blocos para fins de construção.

Aaron Horvath, um dos diretores do longa de animação Super Mario Bros. O Filme, explicou numa entrevista via artigo do Variety, como os blocos flutuam no Reino do Cogumelo. Ele afirmou ter surgido a ideia de um mineral fictício chamado Floatanium, encontrado naturalmente no Reino do Cogumelo. O produto é extraído pelos Toads e transformado em blocos flutuantes para fins de construção. 

Conforme a entrevista transcrita no artigo, a equipe de produção se dedicou a justificar a existência dos blocos flutuantes no Reino do Cogumelo para garantir que a ficção dos jogos fossem plausíveis na lógica de um filme. No entanto, a explicação não foi incluída na obra, mas ela ajuda a manter uma “lógica” no universo ficcional de Super Mario.

O conceito do mineral ser responsável pela flutuação dos blocos surgiu porque parecia algo engraçado, segundo o diretor:
Nossa ideia era que havia um mineral natural do Reino do Cogumelo, que chamamos de Floatanium porque parecia engraçado para nós. Os Toads o extraem, o transformam nesses blocos e os usam para fins de construção.
Super Mario Bros. O Filme obteve a maior bilheteria de abertura de uma animação de todos os tempos, além disso, uma canção presente no longa é elegível para concorrer ao Oscar.



Fonte: Variety

é analista de componente curricular formado em Artes/Teatro; artista e autor de projetos artísticos. O redator escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google