Super Mario RPG (Switch) revela batalhas pós-game, Triple Moves, modo fácil e trilha sonora original

RPG baseado em turnos chega ao Switch em 17 de novembro.

Durante a apresentação Nintendo Direct de 14 de setembro, a Nintendo divulgou um novo trailer para Super Mario RPG. Junto com o vídeo, novas informações sobre o remake do clássico de SNES foram reveladas, incluindo lutas contra os chefes no pós-game, uma nova mecânica de combos, um modo fácil e a possibilidade de mudar a trilha sonora entre os arranjos novos e as músicas originais.

Super Mario RPG é um grande clássico do SNES que foi originalmente desenvolvido em uma parceria entre a Nintendo e a Square Enix. No título, Mario parte para salvar Peach de Bowser, mas acaba se envolvendo em uma jornada ainda maior quando a Smithy Gang começa a causar confusão, quebrando a Star Road.

Além de apresentar gráficos mais modernos, o remake conta com algumas adições mecânicas que foram reveladas no vídeo e na página oficial japonesa. Super Mario RPG é um RPG baseado em turnos no qual o jogador pode pressionar o botão de ação no tempo correto para amplificar o dano causado em um golpe ou reduzir o dano recebido de um inimigo. 

Porém, no novo jogo, o efeito de acertar o timing faz com que todos os inimigos sejam atingidos e também enche uma barra especial que libera o uso de Triple Moves, golpes especiais que combinam as forças dos três aliados em combate. Esses ataques especiais variam de acordo com a combinação de personagens.

Outra novidade do jogo é a possibilidade de lutar novamente contra os chefes após terminar o jogo. Essas lutas pós-game incluirão versões bem mais poderosas desses inimigos, exigindo um bom planejamento estratégico.

Na página oficial do jogo em japonês, também foi revelado que o jogo contará com a possibilidade de alternar entre a dificuldade normal e um modo fácil, assim como a possibilidade de trocar entre a nova trilha sonora rearranjada por Yoko Shimomura e as músicas originais do Super Nintendo.

Super Mario RPG será lançado para Switch em 17 de novembro, já sendo possível comprá-lo antecipadamente na eShop brasileira por R$ 299,00. Ele não terá legendas em português.

Fontes: Noisy Pixel (1, 2)


é formado em Comunicação Social pela UFMG e costumava trabalhar numa equipe de desenvolvimento de jogos. Obcecado por jogos japoneses, é raro que ele não tenha em mãos um videogame portátil, sua principal paixão desde a infância.


Disqus
Facebook
Google