Nintendo Switch chega à marca total de 139,36 milhões de unidades vendidas

Entre outubro e dezembro de 2023, 6,9 milhões de consoles foram comercializados.

Imagem da família de consoles Nintendo Switch. Na sequência, temos o Switch regular, o Switch OLED e o Switch Lite.

A Nintendo publicou, nesta terça-feira (06), seus resultados financeiros consolidados para os meses de outubro a dezembro de 2023. Com isso, a empresa revelou que o Nintendo Switch chegou à marca de 139,36 milhões de unidades vendidas em todo o mundo.


Esse número refere-se à quantidade de vendas sell-in, ou seja, transações realizadas diretamente pela Nintendo, seja para os consumidores finais ou para parceiros de varejo, como lojas e sites. O valor também representa as vendas de todas as versões do console: regular, Modelo OLED e Lite.

O Switch permanece na terceira posição do ranking de plataformas de videogame mais comercializadas da história. Confira:
  1. PlayStation 2: 155 milhões
  2. Nintendo DS: 154,02 milhões
  3. Nintendo Switch: 139,36 milhões
  4. Game Boy/Game Boy Color: 118,69 milhões
  5. PlayStation 4: 117,2 milhões
  6. PlayStation: 102,49 milhões
  7. Wii: 101,63 milhões
  8. PlayStation 3: 87,4 milhões
  9. Xbox 360: 84 milhões
  10. Game Boy Advance: 81,51 milhões
Além disso, o console continua ocupando o segundo lugar na lista de hardwares mais vendidos da Nintendo:
  1. Nintendo DS: 154,02 milhões
  2. Nintendo Switch: 139,36 milhões
  3. Game Boy/Game Boy Color: 118,69 milhões
  4. Wii: 101,63 milhões
  5. Game Boy Advance: 81,51 milhões
  6. Nintendo 3DS: 75,94 milhões
  7. Famicom/NES: 61,91 milhões
  8. Super Famicom/SNES: 49,10 milhões
  9. Game & Watch: 43,4 milhões
  10. Nintendo 64: 32,93 milhões
  11. GameCube: 21,74 milhões
  12. Wii U: 13,56 milhões
Entre outubro e dezembro do ano passado, 6,9 milhões de consoles foram comercializados no mundo todo. Desse total, 3,48 milhões equivalem ao Modelo OLED; 2,15 milhões, ao Switch regular; e 1,27 milhões, ao Lite.

No acumulado de abril a dezembro de 2023, a plataforma híbrida teve 13,74 milhões de unidades comercializadas. Esse número representa uma queda de 7,8% nas vendas em comparação com o mesmo período de 2022. No entanto, a Nintendo afirma que, apesar dessa queda, esse resultado está alinhado às suas expectativas e que o console ainda apresenta vendas estáveis.

Em termos de vendas sell-through, ou transações realizadas por lojas ou parceiros comerciais da Nintendo diretamente aos consumidores, a Big N afirma que o Switch ainda apresenta uma performance estável. O Modelo OLED em especial viu um aumento em vendas motivado pelas edições especiais do console lançadas em 2023, como a de The Legend of Zelda: Tears of the Kingdom.

Além disso, os dados divulgados revelam que o número de jogadores ativos de Switch atingiu seu maior patamar histórico em 2023, com 122 milhões de usuários.  

A empresa também revisou para cima a sua previsão de total de hardwares vendidos até o final de março deste ano, indo de 15 milhões para 15,5 milhões, um aumento de 3,3%.

Fonte: Nintendo

Jornalista, analista de mídias, PcD e entusiasta de games desde que jogou Pokémon Azul no Game Boy Color nos anos 90. De lá para cá, tenta aproveitar ao máximo todos os consoles no pouco tempo que a vida adulta permite. Se não está escrevendo para o Blast ou demorando anos para zerar um jogo, está no Twitter (@DanielMorbi) e no Instagram (@danielmorbi_)


Disqus
Facebook
Google