Perfil

Perfil: Link

É hora de continuar comemorando o ano de The Legend of Zelda! E que melhor maneira de fazê-lo senão com um perfil sobre o protagonista. Sim,... (por Daniel Moisés em 29/01/2011, via Nintendo Blast)

É hora de continuar comemorando o ano de The Legend of Zelda! E que melhor maneira de fazê-lo senão com um perfil sobre o protagonista. Sim, aquele rapaz com roupas verdes, orelhas pontudas, que empunha uma espada e é muitas vezes acompanhado por uma fada. Peter Pan? Não, não… Link! Apesar de existirem muitos jogos da série, e de todos trazerem Link no papel principal, traçar seu perfil não é tão simples quanto outros personagens, pois nem todos os “Links” são o mesmJump_Attack_(Ocarina_of_Time)o. Assim como o mundo a sua volta, Link geralmente é uma pessoa diferente em cada jogo (com algumas exceções). Pelo visto há várias gerações de Links, já que muitas vezes o prólogo do jogo conta sobre um herói de tempos passados que salvou o mundo das garras de um poderoso inimigo, dando lugar ao “novo Link” para fazer o mesmo. Mas é melhor não fundir a cuca tentando chegar a alguma conclusão quanto às continuidades e cronologia da série (até porque muitas pessoas já perderam tempo com isso e é fácil encontrar diversas teorias sobre o assunto, na internet). Então vamos ao que interessa: descrever um dos ícones mais importantes da Nintendo!


A criação


Link é mais um dos personagens icônicos do mundo dos games criados pelo mestre Shigeru Miyamoto. A sua idéia inicial era a de criar um herói com o qual os jogadores pudessem se identificar, já que ele sempre começa como um garoto ou um jovem comum, sem nenhum poder ou habilidade especial. Também de acordo com Miyamoto, o mundo de The Legend of Zelda foi criado a partir de inspirações de suas próprias aventuras quando criança. Será então que o personagem foi inspirado no próprio Miyamoto? Vejamos a semelhança:

twilight_princess_link e3-2005-shigeru-miyamoto-interview-20050519104230600
Praticamente idênticos…

Certamente podemos descartar essa hipótese.

Inicialmente, Miyamoto tinha a intenção de dar ao protagonista de The Legend of Zelda o nome de “Chirs” ou “Christo”, em homenagem ao seu avô. Depois, o nome acabou sendo alterado para “Link”, simbolizando a conexão do personagem com o jogador (“link” em inglês significa “elo”). A possibilidade existente em todos os jogos de escolher o nome do protagonista e o fato deste não falar nada são outras escolhas feitas para aumentar a imersão do jogador na pele do personagem.

Quem é Link?


ZeldaFourSwordsHeroes Mesmo existindo várias “encarnações” de Link, identificar um deles não é difícil, graças a muitas características que quase não mudam: cabelos loiros (algumas vezes mais claro, outras mais escuro, tendendo para o castanho), orelhas pontudas (típico da sua descendência Hylian), o fato de não falar nada (só alguns gritos e resmungos) e a sua famosa túnica verde. A idade de Link varia bastante. Na maioria das vezes aparece como criança, mas algumas vezes, o personagem tem uma aparência mais adulta. Curiosamente, Link sempre foi canhoto nos jogos da série, com exceção do Twilight Princess para o Wii. Isto se deve ao fato de que o game do Wii é a versão espelhada do jogo para GameCube. Além disso, a maioria das pessoas seguram o Wii Remote com a mão direita, então fazia mais sentido que Link também segurasse a espada na mão direita. Imagens do próximo jogo para Wii, Skyward Sword, também mostram um Link destro, obviamente pelo mesmo motivo do controle.

Caracterizar Link quanto à sua personalidade não é muito fácil, já que ele nunca  fala (com exceção das séries animadas, mas vou falar sobre isso mais adiante). Uma coisa, entretanto, é certa: coragem é o que não lhe falta. Não apenas pelo óbvio motivo de, já desde criança, sair em aventuras épictrifas lutando contra os monstros mais terríveis, mas também pelo fato de muitas vezes ser o portador da Triforce da Coragem, indicado por uma marca em sua mão direita (sendo que as outras duas, da Sabedoria e do Poder são geralmente portadas por Zelda e Ganondorf, respectivamente). Esta coragem permitiu que Link derrotasse o mal diversas vezes, salvando Hyrule, Termina, ou qualquer outro mundo que precise.

Outra característica importante de Link é a sua incrível habilidade de carregar uma inacreditável quantidade de itens, dos mais variados tamanhos… onde? Nos bolsos? Dentro da touca? Será que ele tem a bolsa da Mary Poppins? Como raios ele carrega aquela Biggoron Sword? Enfim, leva todo esse equipamento sem lhe causar nenhum incômodo. É a mágica dos vídeo games, não é? Muitos dos itens carregados são bem característicos também, como o bumerangue, as bombas, o arco e flecha, o gancho (ou algo equivalente) e, é claro, a famosa espada Master Sword.

Muitos Links


Veja a seguir as diferentes aparências que o herói já apresentou nos jogos da série:
  • As primeiras versões
Em suas primeiras aparições, os poucos recursos gráficos dos consoles da época não possibilitavam que muitas características físicas de Link fossem distinguidas, pelo menos não durante o jogo. As artes oficiais, entretanto, já mostravam um Link bem parecido com o que conhecemos hoje (com a principal diferença de algumas vezes ter apresentado cabelos castanhos). Em The Legend of Zelda (NES), Link é claramente uma criança, enquanto que em outros jogos posteriores como The Adventure of Link (NES) e A Link to the Past (SNES) mostram o personagem com um pouco mais de idade, embora não ainda adulto.

20090823-legend_of_zelda_nes legend-of-zelda-ii-the-adventure-of-link-classic-nes-series-20040818032345296 019
  • Link criança
Em Ocarina of Time (N64), Link inicia sua aventura como criança e a principal diferença pra sua versão adulta são os equipamentos que ele pode utilizar, ele não pode, por exemplo, empunhar espadas muito pesadas ou usar o arco e flecha. Em Majora’s Mask (N64), o mesmo Link criança protagoniza a história e, esta versão do personagem também aparece em Super Smash Bros. Melee (GameCube) como personagem secreto.

zelda5 ebounding_nesslink3
  • Link adulto
Em Ocarina of Time (N64), o Link adulto tem acesso a armamentos mais pesados e poderosos do que sua versão criança. Esta é a versão “oficial” de Link na série Super Smash Bros. e os jogos mais novos no Wii, como Twilight Princess, também trazem Links adultos.

images sonic_071010a-l
  • Toon Link
Sim, a versão causadora de polêmicas! Quem não se lembra de esperar ansiosamente por um jogo The Legend of Zelda para GameCube com gráficos super realistas (expectativa esta alimentada principalmente por um vídeo demonstrativo), e levar um baita susto ao ver as primeiras imagens oficiais de The Wind Waker, mostrando gráficos cartunescos e um Link que mais parecia uma Menina Superpoderosa? É claro que Toon Link acabou conquistando a todos e The Wind Waker se tornou um enorme sucesso. Agora, esta é a versão “padrão” de Link nos jogos mais novos para consoles portáteis, tal como visto em The Minish Cap (Game Boy Advance) e o mais recente para DS, Spirit Tracks. Também fez uma participação como personagem secreto em Super Smash Bros. Brawl (Wii).

zelda_wind_waker_link_waves_goodbye orig_183_1_1263336010


As transformações


Além de já ter mostrado muitas aparências, Link também já sofreu diversas transformações durante suas aventuras. Veja a seguir quais foram as principais:
  • Fada
Fairy(AoL) Em The Adventure of Link (NES), uma das magias que Link pode aprender o transforma em… fada. Apesar de meio inconveniente, a transformação pode ser bem útil já que permite voar e passar por lugares pequenos.
  • Coelho
Bunny_Link Em A Link to the Past (SNES), caso Link entre no Dark World sem antes possuir a Moon Pearl, ele toma a forma de um inofensivo coelho. Diz-se que esta transformação reflete o coração da pessoa.
  • Deku Scrub, Goron e Zora
Em Majora’s Mask (N64), o uso das máscaras é de extrema importância. Três delas em particular, transformam Link nas diferentes raças, dando-lhes os poderes e habilidades de cada uma delas.

dekuflower zmm-linkgoron zmm-linkzora
  • Fierce Deity
Também em Majora’s Mask (N64) uma misteriosa máscara transforma Link em um ser extremamente poderoso (e adulto, aparentemente, já que se assemelha um pouco à sua versão adulta de Ocarina of Time), com uma aparência até maligna. A enorme espada até dispara raios, mas o seu peso torna o uso do escudo inviável.

majoras-mask-fierce-deity-link
  • Lobo
Em Twilight Princess (GameCube/Wii), Link passa boa parte do jogo na forma de Lobo, devido a uma transformação causada pela influência do Twilight em Hyrule. Nesta forma, Link obviamente não consegue usar seu equipamento mas, por outro lado, ganha outras habilidades importantes, como os sentidos aguçados.

Wolf_Link


Mais aparições


Fora dos jogos, Link teve outras aparições, veja só:
  • Série animada
Link_(Underworld_Connections) Na antiga série animada baseada em The Legend of Zelda, a história e os personagens eram semelhantes ao que era visto nos primeiros jogos da série. Link não só falava (até porque, em um desenho, ficaria estranho se não o fizesse), como também deixou a famosa e irritante frase “Excuuuuuse me, princess” (algo como “me descuuuuulpe, princesa”), que vivia repetindo para Zelda. Claramente, Link, apesar de ser um habilidoso guerreiro, era mostrado com uma personalidade um pouco infantil.


  • Revista em quadrinhos
Valiant_Link Os primeiros jogos da série também inspiraram uma série de revistas em quadrinhos. Link era mostrado também como portador da Triforce da Coragem e em um momento da história até chega a ser corrompido pela Triforce do Poder. Além dos personagens mais famosos, outros também conhecidos fizeram aparições, como Shadow Link.
  • Série “Captain N: The Game Master”
Link_(Captain_N) Esta era uma série animada que trazia um jovem chamado Kevin como protagonista e misturava diversos personagens de video games, como Simon (de Castlevania), Mega Man e Kid Icarus. Os personagens de The Legend of Zelda, incluindo Link e Zelda, aparecem em quatro episódios da série que mostram um Link parecido ao da sua própria série animada, embora um pouco mais “maduro”.Link_Nintendo_Adventure_Books
  • Nintendo Adventure Books
Esta era uma série de livros baseados nos mundos de Mario e The Legend of  Zelda que seguiam aquele estilo de “escolha a sua própria aventura”, no qual o leitor escolhe como prosseguir a história.
  • Jogos para Philips CD-i
Gamelon_Link Sim, sim, eu sei que estes são jogos e que, tecnicamente, deveriam estar listados com os outros. Mas quem conhece sabe a vergonha que foram estes três jogos para o fracassado Philips CD-i (Link: The Faces of Evil, Zelda: The Wand of Gamelon e Zelda’s Adventure). Tanto que foram desconsiderados como jogos oficiais pela própria Nintendo. O Link mostrado nestes jogos, além de ser extremamente mal feito, conseguia ainda ser mil vezes mais irritante do que a sua versão do desenho animado.
  • Trailer de um filme falso
Muita gente com certeza viu o trailer para um suposto filme de The Legend of Zelda feito pela IGN como piada de 1º de Abril. O trailer sem dúvida foi muito bem feito mas o ator no papel de Link poderia ter sido melhor escolhido. Mas fica a pergunta: será que um filme baseado no jogo seria bom? Considerando o histórico de filmes baseados em jogos, acho pouco provável.

usnap171vi4


Participações especiais


Por último, vejamos algumas das participações especiais que Link já fez em outros jogos. Mas eu quero dizer especiais mesmo, então não entram aqui os jogos da série Super Smash Bros. nem Soul Calibur II. Essas vou considerar como participações normais.
  • Final Fantasy (NES)
Na versão japonesa do jogo, há uma tumba que diz “Aqui jaz Link”. Seria uma provocação da concorrência? De qualquer modo, o nome foi alterado na versão americana. E fizeram bem, pois Final Fantasy passou longe de matar Link.

screenshot_17882
  • Tetris (NES)
Terminando o jogo no tipo B no nível 9 ou superior uma tela com muitos personagens da Nintendo é mostrada. Em meio a eles, Link, tocando… uma ocarina??? Seria uma previsão do futuro?

screenshot_17893
  • F1 Race (Game Boy)
Terminando a pista 5 deste jogo de corrida, Link aparece em meio a garotas de biquíni, parecendo bastante fora de lugar.

screenshot_17881
  • Donkey Kong Country 2 (SNES)
Na Lista de Heróis do Video Game do Cranky, que aparece quando se termina o jogo, Link aparece em 3º lugar, com 19 DK Coins e abaixo de Yoshi e Mario.

screenshot_17878
  • Donkey Kong Country 3 (SNES)
Link não aparece pessoalmente neste jogo, mas se você for em uma das lojas do urso Bazaar, falar com ele sobre o castelo e se recusar a pagar, ele dirá que “um garoto chamado Link também perguntou pelo castelo e reclamou que ‘as conchas eram do formato errado’”.

screenshot_17879
  • Super Mario RPG: Secret of the Seven Stars (SNES)
Ao passar a noite no hotel de Rose Town, antes de ir para a floresta, é possível ver Link dormindo em uma das camas e um som familiar é tocado ao tentar acordá-lo.

screenshot_17887
  • Picross NP Lv.5 (SNES)
Neste jogo lançado apenas no Japão, muitos dos puzzles eram dedicados a personagens de Ocarina of Time, incluindo, claro, Link.

screenshot_17889
  • WarioWare Mega Microgames (Game Boy Advance)
Um dos mini games é baseado no primeiro jogo de Link, e o jogador deve conduzir o herói para uma porta antes que o tempo acabe.

screenshot_17894
  • Donkey Konga 2 (GameCube)
No segundo jogo da série, o sistema de roleta inclui rostos de personagens de The Wind Waker.

screenshot_17880
  • WarioWare Smooth Moves (Wii)
Mais um mini game do Wario, desta vez baseado em The Wind Waker, onde o jogador deve conduzir Link até uma ilha, voando com a Deku Leaf.

Wind_Waker
  • Tetris DS (DS)
Além deste jogo mostrar sprites de Link, o modo Mission tem missões para realizar claramente inspiradas nos jogos de The Legend of Zelda.

screenshot_17916
  • World of Warcraft (PC)
LinkenlookslikelinkCertamente uma das “aparições” mais bizarras e engraçadas. Um duende chamado “Linken” com roupas suspeitamente familiares tem duas aventuras a oferecer: “It’s Too Dangerous to Go Alone” e “It’s a Secret to Everyone” (frases famosas do primeiro jogo). Tudo bem que não é o Link mesmo, mas a homenagem é óbvia.

  • As Meninas Superpoderosas (TV)
Em um episódio do desenho, vemos o prefeito jogando um jogo facilmente reconhecível.

Link_In_PPG
  • South Park (TV)
Em um episódio do desenho, personagens imaginários bons e maus se espalham pela cidade. Link é um dos bons.

Imaginationland_link 
Vamos terminar com um desafio para os fãs da série: abaixo há uma imagem com artes de cada jogo em que Link participou. Você consegue identificar quais são? Dica: para se lembrar dos jogos, veja a lista no final.

links

Jogos em que aparece:
The Legend of Zelda (NES),
The Adventure of Link (NES),
A Link to the Past (SNES),
Link’s Awakening (Game Boy/Game Boy Color),
Ocarina of Time (Nintendo 64),
Majora’s Mask (NIntendo 64),
Oracle of Seasons (Game Boy Color),
Oracle of Ages (Game Boy Color),
The Wind Waker (GameCube),
Four Swords Adventures (GameCube),
The Minish Cap (Game Boy Advance),
Twilight Princess (GameCube/Wii),
Phantom Hourglass (DS),
Link’s Crossbow Training (Wii),
Spirit Tracks (DS),
Super Smash Bros. (Nintendo 64),
Super Smash Bros. Melee (GameCube),
Super Smash Bros. Brawl (Wii),
Soul Calibur II (GameCube)

Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.