Top 10

Top 10 E3 2018: o que as third-parties podem anunciar para o Switch

Às vésperas do maior evento internacional de jogos, separamos alguns dos desejos e rumores para especular o que as desenvolvedoras podem anunciar ao console da Nintendo.

Quando um ano se inicia, sabemos que mais próximos de uma nova E3 estamos. A ansiedade toma conta cada mês que passa e começamos a especular o que as desenvolvedoras reservam para nós jogadores. Agora às vésperas desse tão aguardado evento, é hora de juntar tudo o que vimos ao longo dos últimos meses e imaginar o que as third-parties podem anunciar para o Nintendo Switch. Vale lembrar que esta é uma lista baseada em alguns rumores e desejos, e que só saberemos tudo com certeza após a feira.

10 - Final Fantasy VII (Remake)




Desde que foi anunciado na lendária apresentação da Sony, na E3 de 2015, Final Fantasy VII Remake deu as caras poucas vezes, sem trazer muitos detalhes. Os fãs e novos jogadores estão sedentos por qualquer informação sobre o game, e a E3 é o momento perfeito para a produtora revelar um pouco mais. Sabemos que a Square Enix percebeu o grande potencial do Nintendo Switch e quer investir no console.

Em entrevista ao USgamer, produtores da empresa japonesa disseram que o console da Nintendo é o lugar perfeito para reviver clássicos do passado em novas formas. Juntando as coisas, está tudo pronto, resta só anunciar. Será que chegou o momento de jogarmos as aventuras de Cloud e companhia de forma portátil? Vamos manter as esperanças.

09 - Kingdom Hearts



Clássico do PlayStation 2 (PS2), Kingdom Hearts mistura o universo dos RPG’s japoneses da Square Enix com o deslumbrante mundo Disney. Um deleite para os fãs das duas marcas. Após um hiato de 15 anos e vários episódios separados em inúmeras plataformas, o terceiro capítulo — ao que parece — será finalmente lançado em 2018. Desde que o primeiro trailer foi mostrado, um pequeno notável entrou na briga de consoles, o nosso querido Nintendo Switch, e os fãs passaram a clamar por uma versão para ele.

Talvez por uma questão de adaptação e portabilidade, Kingdom Hearts 3 deve estar longe de aparecer no híbrido, já que está em produção há bastante tempo e não foi desenvolvido com o console em mente, mas os capítulos anteriores, em suas versões remasterizadas, poderiam muito bem dar as caras. Como os representantes da Square Enix já disseram, o Switch é o lugar perfeito para reviver clássicos do passado em novas formas. Olha aí outra oportunidade.

08 - Red Dead Redemption



A Rockstar é uma das mais conceituadas desenvolvedoras de jogos da atualidade. Seus aclamados títulos chegaram em inúmeras plataformas, inclusive da Nintendo. Porém, foram muitos anos sem nenhum jogo da empresa americana no console da japonesa — até o ano passado, com a chegada de L.A Noire ao Nintendo Switch.

Com o lançamento desse título, surgiu a esperança de mais games da Rockstar no console da Nintendo, incluindo o excelente Red Dead Redemption. O jogo de faroeste, que conta a história de John Marston em busca de redenção nos Estados Unidos de 1911, foi lançado em 2010 e está recebendo uma sequência em 2018. Nada mais justo do que uma versão remasterizada para os consoles modernos, inclusive para o Switch. Seria emocionante ver a revelação durante o Direct de E3 da Nintendo. Quem sabe, de quebra, não apareça uma versão de Red Dead Redemption 2 para o híbrido? Nos resta aguardar.

07 - Call of Duty: Black Ops 4



Título anual, Call of Duty não aparece em um console da Nintendo desde Ghosts, de 2013, lançado para Wii U. A nova versão do game traz de volta o grupo de operações especiais Black Ops, além do clássico modo de zumbi. Esse é o momento perfeito para a Activision disponibilizar a franquia para os donos do console da Nintendo.

Poder levar o jogo para onde quiser e ter sempre aquele “mata-mata em equipe” ao seu alcance seria fantástico. Como a série anda perdendo fãs pelo mundo, poderiam usar o Direct para causar uma grande surpresa e vender bastante cópias.

06 - The Division 2



Anunciado com pompa pela Ubisoft lá na E3 de 2015, Tom Clancy's The Division trouxe uma mistura de MMO com tiro em terceira pessoa. Passear pelo inverno de uma Nova York realista trazia satisfação até para os mais céticos em relação às mecânicas do game.

Esse ano, a empresa já divulgou a continuação para vários consoles e PC. Nem precisa dizer o quanto um game como esse seria perfeito no híbrido da Nintendo. Ganhar experiência durante o horário de almoço ou pausa no trabalho para o café seria mais do que perfeito. Corações ficariam a mil caso a revelação de uma versão para o Switch de Tom Clancy´s The Division 2 surgisse na conferência da Ubisoft, mas o mundo pararia caso fosse mostrado no Nintendo Direct. 

05 - Paladins

A Blizzard acertou em cheio com Overwatch e claro que outros jogos do mesmo gênero iriam aparecer no mercado. A desenvolvedora Hi-Rez entrou na briga com seu Paladins que, assim como o jogo da Blizzard, é um game de tiro em primeira pessoa em equipes. Apesar de muito parecidos, cada um tem suas particularidades e bebem da fonte de Team Fortress, da Valve. A despeito da discussão de qual é melhor, o Switch não tem nenhum dos dois em sua biblioteca, algo que parece estar para mudar. 
Em uma das imagens de supostos vazamentos pré-E3, Paladins surge em uma lista bem convincente. Os desenvolvedores também já flertaram com a ideia de lançar o jogo para o Switch algumas vezes, o que nos leva a crer que esse momento está bem próximo.

04 - Fallout



Bethesda foi a primeira third-party a embarcar de cabeça no Nintendo Switch. Já na primeira aparição do console, vimos The Elder Scrols V: Skyrim. Meses após o lançamento, o inesperado anúncio de DOOM e Wolfenstein II: The New Colossus comprovam que a empresa está decidida a investir todas as suas fichas na plataforma.

Há rumores na internet de lojas que separaram espaço em seus sites para uma versão de Fallout 4, aguçando ainda mais a curiosidade de quem espera saber qual o próximo passo da desenvolvedora. Recentemente, foi revelado que a Bethesda está trabalhando em mais um jogo da série, Fallout 76, que não foi totalmente mostrado. A esperança de quase todo fã no mundo é que, além dos tradicionais Xbox One, PC e PS4, o game também apareça com o logo do Switch na revelação da E3. Vamos torcer para que sim.

03 - Fortnite



A febre dos battle royale iniciada por Player´s Unkown Battleground — PUBG, para os íntimos — dominou o mundo dos games. Até mesmo Call of Duty: Black Ops 4 terá um modo inspirado no jogo. A Epic Games decidiu mexer em um dos seus jogos já lançados e criou o Fortnite Battle Royale, um game gratuito para começar que rapidamente tomou conta da cabeça de muitos jogadores ao redor do mundo.

Sucesso em qualquer plataforma que passa, o jogo tem versões para PS4, Xbox One, PC e até mesmo plataformas mobile, portanto, nada mais justo do que esperar a chegada dele ao Switch. A própria desenvolvedora já disse ter muito interesse em lançar o jogo no console da Nintendo, e parece estar trabalhando em uma edição otimizada.

Inclusive, isso foi sugerido devido a uma vaga disponibilizada no site da desenvolvedora Iron Galaxy Studios, e até mesmo por uma classificação indicativa do jogo que surgiu na Coréia do Sul. Não seria uma surpresa o anúncio do game na E3 desse ano, e deixaria muitos jogadores felizes.

02 - Diablo 3



A Blizzard está ansiosa para entrar na onda do sucesso do Nintendo Switch. Comentários sobre uma possível versão de Overwatch para o console surgem aqui e ali, mas sem muitas esperanças, ao contrário de Diablo 3.

Há alguns meses, imagens suspeitas e comentários misteriosos surgiram nos perfis da empresa e dos desenvolvedores, sugerindo uma versão completa do game para o console da Nintendo. Até mesmo lojas chegaram a reservar espaço para o RPG em seus sites. O jogo tem forte apelo multiplayer e o Switch já sai de fábrica com dois controles, o que aumentaria ainda mais a diversão do jogo. Juntar os amigos em volta da telinha — ou telona — para enfrentar inimigos nas masmorras do game se tornaria rápido, prático e, sem dúvidas, desejado por jogadores do mundo todo.

01 - Spyro Reignited Trilogy



Spyro está mais do que certo no console da Nintendo. O game, que surgiu na década de 1990, é uma divertida aventura de plataforma 3D com gráficos simpáticos e um dragão muito carismático como protagonista. Seguindo a onda de Crash Bandicoot N. Sane Trilogy, Spyro Reignited Trilogy tem fórmula parecida com visuais atualizados para a nova geração.

O jogo já foi anunciado para outras plataformas e o Switch não estava incluso. Porém, sites já vazaram a informação que o dragãozinho roxo vai sim aterrissar no híbrido da Nintendo, faltando apenas uma confirmação oficial.

(Menção Honrosa) FIFA 19

FIFA19 já foi anunciado para o Switch e é certo de aparecer na E3. Todo ano o game dá as caras na conferência da Eletronic Arts (EA) com novidades. No primeiro ano do Nintendo Switch, ele foi um dos grandes destaques da plataforma, porém a versão do console não era igual a de seus concorrentes, sendo algo mais enxuto. Mesmo recebendo atualizações, como a da Copa do Mundo da Rússia, era uma edição bem mais simples e sem todos os modos.

A ausência da campanha A Jornada, por exemplo, entristeceu muitos fãs, assim como a falta de funções nos aplicativos de celular e desafios diários. Apesar das limitações, o jogo foi um sucesso e vendeu bastante na plataforma da Nintendo. Com isso, esperamos um investimento maior da desenvolvedora em FIFA 19.

Melhorias gráficas também já foram confirmadas, mas o tão esperado modo A Jornada e as funcionalidades presentes nos outros consoles e PC ainda são um mistério. Vamos ver o que a nova versão da franquia tem para oferecer de novidade aos fãs da Nintendo na E3.

E você, qual jogo acha que será anunciado na E3 para o Nintendo Switch? Qual o título que mais deseja que seja revelado? Diz aí nos comentários o que espera da feira esse ano. Confira também nossa lista com os melhores games que poderiam sair para o Switch. 

 Revisão: Gabriel Bonafé
Flavio Maciel escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook