Dicas e Truques

Yu-Gi-Oh! Legacy of the Duelist: Link Evolution! (Switch) - dicas, truques e o melhor deck para iniciantes

Com quase 10 mil cartas, é fácil se perder nesse jogo: confira nossas dicas!


Desde o lançamento de Yu-Gi-Oh! Legacy of the Duelist: Link Evolution!, em 20 de agosto, muitos veteranos, novatos e nostálgicos têm duelado centenas de batalhas. Mas, com mais de 9 mil cartas fica um pouco difícil saber qual baralho montar, por onde começar ou como farmar da forma mais efetiva.


Como nem sempre podemos depender do coração das cartas, neste texto todas essas dúvidas serão respondidas!

Qual o melhor jeito de farmar DPs?

A maneira mais ampla de se obter cartas é abrindo boosters que podem ser comprados por DP (Duelist Points), que são obtidos no final de cada partida, tanto vitórias quanto derrotas. Para definir o melhor método de farm, o que queremos é a maior quantidade de DP no menor tempo possível e, para tanto, a melhor forma é iniciar um duelo e imediatamente desistir dele.

Cada partida perdida rende em média 700-800 DPs, que é basicamente o suficiente para comprar 2 boosters. Você sempre quer ser o primeiro a jogar para imediatamente clicar no baralho e desistir. Após algumas vezes, será extremamente fácil apertar os botões necessários quase sem precisar atenção ao jogo, portanto, recomendo muito ver alguma coisa enquanto faz isso no modo portátil. Na minha experiência, sendo o primeiro a jogar, dá para fazer uma partida a cada 30 segundos mais ou menos.

Aparentemente nenhum oponente tem uma chance maior de querer ser o segundo a jogar, portanto, sempre esteja duelando personagens que têm cartas que te interessam! Caso queira os Heróis Elementais, vá contra o protagonista do GX; se quiser os famigerados Dragões Brancos de Olhos Azuis, dê uma surra no Kaiba! Mesmo perdendo, você recebe uma carta do baralho do oponente e, ao receber as 40, enfrente o mesmo personagem em outro tipo de duelo na história.

Essa é a forma mais eficiente pois estará ganhando DPs e, principalmente, cartas que podem ser úteis para o seu próximo baralho.

Qual pode ser o meu primeiro baralho?

Seguindo (e adaptando) uma recomendação feita pelo site YgoProDeck que, aliás, é um dos melhores lugares para se encontrar outros baralhos e todo tipo de conteúdo sobre Yu-Gi-Oh!, apresentamos um baralho fortíssimo centrado no Dragão Branco de Olhos Azuis.

Quase todas as cartas necessárias para esse baralho podem ser encontradas no booster do Kaiba, e as outras são encontradas em duelos aleatórios pela primeira campanha do jogo, principalmente contra o Yugi. Mas, sinceramente, ao investir algumas dezenas de milhares de DPs no booster do Kaiba, já dá pra fazer uma versão desse baralho, mesmo que com algumas alterações.

Aí vai a lista:


  • Blue-Eyes White Dragon x3
  • Blue-Eyes Alternative White Dragon x2
  • Dragon Spirit of White x1
  • Manju of the Ten Thousand Hands x3
  • The King of D. x3
  • The White Stone of Ancients x2
  • The White Stone of Legend x2
  • Blue-Eyes Chaos Dragon x2
  • Blue-Eyes Chaos MAX Dragon x2
  • Advanced Ritual Art x3
  • Bingo Machine, Go!!! x2
  • Chaos Form x3
  • Dragon Revival Rhapsody x2
  • Pot of Greed x3
  • Swords of Concealing Light x1
  • The Melody of Awakening Dragon x3
  • Trade-In x3

Essa versão é otimizada para duelos contra a CPU e, portanto, contém algumas cartas banidas, porém, existe uma versão pronta para o PvP também. De qualquer jeito, em ambas as versões você irá preferir ser o segundo a jogar e, graças a todas as opções de cycling e card draw, com muita consistência você poderá summonar um Blue-Eyes Chaos Dragon ou Blue-Eyes Chaos MAX Dragon, junto de outros dragões, conseguindo matar os seus oponentes normalmente no seu primeiro ou segundo turno, visto que o Blue-Eyes Chaos MAX Dragon dá o dobro de dano contra monstros adversários em modo de defesa, podendo chegar facilmente a 6000-8000 de dano em um único ataque!

Muitas cartas aí servem para achar os monstros e feitiços principais, logo, raramente vai brickar. Sinceramente, esse deck é extremamente simples e, como alguém que nunca jogou competitivamente, apenas lendo o efeito de todas as cartas já fui capaz de entender a estratégia básica.

Para várias situações dentro do jogo, seja nos Challenge Duels ou até mesmo nos duelos da campanha que são chatos de fazer com o deck do anime, ter esse baralho no bolso é e extremamente útil.

Próximos passos

Depois de ter estabelecido um bom primeiro deck, mil opções se abrem, principalmente quanto aos seus futuros decks. Particularmente, para os nostálgicos de plantão, recomendo ir atrás de algumas versões modernas e (quase) metagameficadas de archetypes do anime e se divertir em partidas online.

De qualquer jeito, há conteúdo pra caramba na campanha single-player, e muitas, muitas cartas para farmar!

Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.


Disqus
Facebook
Google