Top 10

Sinnoh — Os 10 Pokémon mais fortes da quarta geração

Vejamos quais são os Pokémon dessa região que se destacam em meio à tantas opções.



Dando sequência à série dos 10 Pokémon mais fortes de cada região, chegamos em Sinnoh, lar da quarta geração (minha favorita) dos monstrinhos de bolso. Aqui, tivemos uma das grandes reviravoltas em termos de mecânica dos jogos, pois houve a separação de categoria de dano em PHYSICAL e SPECIAL, que agora não está mais ligada ao tipo do monstrinho e sim, ao golpe em si. Com isso, Pokémon que antes não eram tão bons, como o Gyarados - que para usar seus golpes do tipo WATER era levado em consideração seu Special Attack (base 45) - passaram a ser verdadeiros monstros.

E não é só isso: com a chegada de novas evoluções para Pokémon já conhecidos pelos treinadores, temos 107 novos Pokémon, uma quantidade relativamente baixa em relação às demais, contudo, não podemos deixar de citar alguns nomes como Gallade, Dusknoir, Bronzong, Magmortar e Luxray, todos símbolos dessa geração. Nostálgico, não é?

Dito isso, seguiremos com os 10 Pokémon mais fortes de Sinnoh. Mas antes, não podemos esquecer de que os Pokémon classificados como super (600 pontos de base total), lendários, míticos e mega evoluções ficam de fora, a fim de que a lista não seja exclusivamente composta por Pokémon com essas características. Boa leitura a todos!

Critérios

Para montarmos uma lista coesa, os critérios de qualificação foram:
  • Bases dos stats dos jogos atuais, logo, todos os ajustes realizados até Pokémon Sword/Shield foram considerados;
  • Adição e/ou alteração do(s) tipo(s), em virtude da criação do tipo FAIRY na sexta geração;
  • O movepool do monstrinho, ou seja, a quantidade de golpes que o Pokémon pode aprender, seja por Level Up, TMs, TRs, Egg Moves e Move Tutors;
  • Opções de habilidades disponíveis, sejam elas naturais do Pokémon ou as chamadas Hidden Abilities;
  • O desempenho do Pokémon contra outros que fazem a mesma função, por terem capacidades similares ou equiparadas.

#10 PorygonZ

O que dizer de um Pokémon não lendário que possui uma das bases de Special Attack mais altas que temos por aí? Isso porque nem Mega Evolução ele possui. Na verdade, o PorygonZ dispõe de uma arma muito poderosa, sua habilidade Adaptability. Seu efeito é, simplesmente dobrar o bônus de STAB. Ou seja, o “Same Type Attack Bonus” concedido a um Pokémon do tipo NORMAL usando um golpe deste tipo é 1.5x o poder do golpe. Com essa habilidade, o bônus passa de 1.5x para 2.0x.

Se pegarmos seu golpe mais usado, Tri Attack, temos 80 pontos de base, que ao receber o STAB, salta para 120 (80 / 2 = 40 + 80 = 120). Agora, quando consideramos sua habilidade, esse valor pula para 160. Pensaram o mesmo que eu? O golpe Hyper Beam vai para singelos 300 pontos. O turno de recarga desencoraja um pouco seu uso, mas é uma opção. Para se ter uma ideia do quão poderoso ele é, poucos Pokémon em Sinnoh podem pará-lo no 1vs1, principalmente aqueles que possuem resistência ao seu principal golpe.

Para complementar esse monstro, acesso a golpes como Thunderbolt, Ice Beam, Dark Pulse, Shadow Ball, e o principal esteróide de Pokémon que atacam à longa distância, Nasty Plot, causarão muitos prejuízos em quem receber todo esse poder. Entretanto, tudo isso tem um preço: defesas medianas e uma Speed que poderia ser muito melhor reduzem sua efetividade em certos cenários. Causar dano para o PorygonZ é muito fácil, porém ao recebê-lo, a história é completamente diferente.

#9 Staraptor

Talvez um dos Pokémon do tipo FLYING mais famosos e um dos preferidos entre os treinadores, o Staraptor é o clássico exemplo de um Pokémon que merecia um lugar melhor. Famoso por ser capaz de aprender Close Combat, um poderoso golpe que complementa sua cobertura de dano, o Staraptor é o canhão de vidro de sua região, ou seja, quando entra em campo é 8 ou 80. Nocautear ou ser nocauteado.

Em sua geração de estreia, sofreu uma dura competição com Honchkrow, outro pássaro dessa região que dispõe de uma cobertura de dano melhor, mas sem a agilidade do Staraptor. Com a chegada da quinta geração, a ave de rapina ganhou uma ferramenta muito útil, transformando-o em um Pokémon poderosíssimo: a habilidade Reckless. Para quem não sabe, essa habilidade aumenta o dano de golpes que causam danos ao usuário (recoil) em 20%. Com isso, dois de seus principais golpes, Brave Bird e Double-Edge passaram a causar ainda mais dano, nocauteando monstros defensivos, como Hippowdon.

O que não permite um melhor desempenho do Staraptor é justamente aquilo que o deixa forte. Mesmo tendo um poder de Attack absurdo, o dano é unilateral, ou seja, sempre será físico. Suas defesas são muito baixas e quando somamos o dano causado pelos seus golpes mais fortes, o prejuízo é maior a cada turno. Ainda que seja rápido, sua Speed está um pouco abaixo para um Pokémon ofensivo, com isso, seu potencial contra times que tem como foco o dano (Offense ou Hyper Offense) é limitado.

#8 Tangrowth

Quando olhamos para a Tangrowth não imaginamos que tanta utilidade e eficiência emanam deste Pokémon. Ainda que o tipo GRASS não seja dos melhores defensivamente, este aqui, a narrativa é outra. Capaz de absorver muitos golpes por seus companheiros, em virtude de sua habilidade, Regenerator, que cura 33% de seu HP máximo toda vez que ela sai de campo.

Isso, somado à sua alta base de HP e Defense, a transformam em um super pivot defensivo, ou seja, possui a capacidade de girar o time adversário, pois o Pokémon atual não será capaz de vencê-la, gerando assim uma vantagem de ritmo.

Só que a Tangrowth não ocupa esta posição à tôa: seu potencial defensivo é importante e agrega valor a qualquer equipe? Sim, com certeza. Só que seu poder ofensivo também não deixa barato. Com bases altas para um Pokémon defensivo e com um movepool até que respeitável, sua presença ofensiva é mais presente do que a maioria dos Pokémon com essa mesma característica.

O problema fica mesmo do outro lado em que a Tangrowth não defende tão bem, dependendo do item Assault Vest para compensar sua baixa Special Defense. Sua Speed é muito baixa e por consequência, a grande maioria dos Pokémon serão capazes de ultrapassá-la, e mesmo os mais lentos, possuem muitas resistências para absorver seu dano.

#7 Rotom-Wash

Chega a ser impressionante como um Pokémon pode ter o mesmo conjunto de golpes por 4 gerações seguidas. Claro, houve adições ao longo de seus 14 anos de vida e certamente, o Rotom é o exemplo de “time que tá ganhando, não se mexe”. Principalmente sua forma  lavadora de roupas, que provê uma utilidade sem fim para sua equipe, seja ela na hora de causar dano,  absorvê-lo,  girar o time,  parar uma ameaça, ou ser a ameaça… e tudo isso com apenas quatro golpes.

Lá em 2013, o formato VGC ganhou uma grande popularidade no Brasil e com isso, mais e mais pessoas passaram a disputar os campeonatos nesse padrão. Um dos principais Pokémon dessa época, Talonflame, destruía equipes despreparadas. As que conseguiram pará-lo, certamente tinham uma forma do Rotom. O curioso é que, mesmo algumas delas parecendo totalmente sem noção, cada uma se encaixa em uma combinação de equipe diferente e pode ser um fator decisivo da luta.

Outro Pokémon bem comum era o Landorus-Therian, distribuindo poderosos Earthquake pra lá e prá cá. Felizmente, lá estava o Rotom para ajudar a brecar esse monstro. Tendo Levitate como habilidade, o motorzinho (sim, Rotom é Motor ao contrário) é imune aos golpes do tipo GROUND, enquanto causa dano dobrado, por também ser do tipo WATER.

Entretanto, o Rotom sofre com a competição de outros Pokémon mais defensivos que ele, com acesso a golpes de recuperação de HP imediata. Com a chegada dos terrenos ativados pelos guardiões de Alola e agora como efeito secundários dos Max Moves, seu poder de suporte foi reduzido drasticamente.

#6 Weavile

A segunda geração dos monstrinhos de bolso é classificada para muitos como a “DLC de Kanto”, já que a maioria dos Pokémon presentes nas batalhas importantes são dessa região. Nem mesmo o campeão, Lance, o treinador mais forte dessa região, escapou desse dilema. Um dos Pokémon introduzidos nessa geração passou por maus bocados, até que a magnífica quarta geração chegou, dando-lhe uma evolução que o levou ao topo do Empire State, junto do King Kong. Estamos falando de Sneasel e sua evolução, Weavile.

Abençoado com dois dos melhores tipos ofensivos, DARK e ICE, temos um Pokémon extremamente perigoso. O mínimo deslize (sem referências ao gelo) pode fazer com que seu dia vire uma noite sem fim (novamente, sem referências com as trevas). Seu Attack e Speed são sua marca registrada. Dano rápido e massivo. Já mencionamos que ele pode aprender Swords Dance, aumentando ainda mais sua força? É, ele pode. Em conjunto de golpes como Icicle Crash, Knock Off, Poison Jab e Ice Shard, a festa está pronta para acontecer.

Maaaas, o Weavile tem, digamos, tornozelos fracos (quem pegou a referência, pegou) e, mesmo sendo um Pokémon do tipo ICE, patinar não é um adjetivo para ele. Sua Defense é muito baixa e seu Special Attack...era melhor nem possuir, se for para ser desse jeito. Defensivamente, sua combinação de tipos lhe rende muitas fraquezas, que são facilmente exploradas pelos adversários. Só não deixem se enganar por esses pontos ruins: o Weavile pode e vai causar dano, acabando com uma partida em poucos turnos.

#5 Hippowdon

Daqui para frente, só tem fera, peso pesado. O primeiro deles é justamente uma fera e um peso pesado. O hipopótamo de Sinnoh é um dos Pokémon mais marcantes de sua geração, e  constantemente é utilizado para definir o poder defensivo contra um Pokémon muito ofensivo. Por diversas vezes já ouvi a frase “Não dá 2HKO em Hippo...” e inclusive, alguns desta lista não conseguem esse feito, vejam:

252 Atk Weavile Icicle Crash vs. 248 HP / 156+ Def Hippowdon: 182-216 (43.4 - 51.5%) -- garantido 3HKO depois da recuperação do Leftovers;

252+ Atk Reckless Staraptor Brave Bird vs. 248 HP / 156+ Def Hippowdon: 169-199 (40.3 - 47.4%) -- garantido 3HKO depois da recuperação do Leftovers;


Um lembrete, esses cálculos foram realizados considerando 248 EVs em HP e 156 EVs em Defense, ou seja, sem o máximo de Defense possível no Hippowdon. Tudo isso, mais o tipo GROUND puro e golpes de suporte fenomenais como Stealth Rock, Roar, Toxic, e recuperação imediata de HP com Slack Off, são os pilares que mantém o saudoso Hippowdon por tanto tempo.

Seu ponto negativo é o mesmo da Tangrowth: baixa Speed e Special Defense, além claro de sua passividade, ou seja, enquanto é capaz de absorver grandes quantidades de dano, causá-lo não é o foco e com isso, o golpe Taunt é seu principal inimigo, muito mais do que suas fraquezas para os tipos GRASS, ICE e WATER.

#4 Togekiss

Não existe Sinnoh sem Togekiss. Ainda mais nos dias atuais, dado o crescente e bom desempenho tido pelo mesmo, no formato de batalhar oficial da Nintendo, o Video Game Championship, ou VGC para os íntimos.

Na sexta geração, houve um ajuste em seus tipos, transformando-o em um Pokémon dos tipos FAIRY e FLYING ao invés de NORMAL e FLYING. Isso foi um divisor de águas tremendo para o Togekiss, que agora tem o poder de bater de frente um dos temidos dragões, inclusive o Garchomp, um dos Pokémon mais apelões para se enfrentar no jogo.

Com uma combinação de stats mais voltada para o Special Attack e Special Defense, seu moveset é composto puramente por golpes dessa categoria, como o famoso Air Slash. Sua habilidade, Serene Grace, dobra a chance do efeito secundário do golpe ocorrer. Quando usamos Air Slash junto desta habilidade, temos 60% de chance de causar o efeito flinch no adversário, que o deixa sem ação no turno. Ainda, opções como Fire Blast, Aura Sphere e Nasty Plot podem ser utilizadas para torná-lo ainda mais perigoso, pois naturalmente o Togekiss é muito forte e possui defesas consideráveis para um Pokémon com essa característica.

Agora temos que mostrar seus pontos fracos, ainda que poucos, são muito marcantes. Sua Speed é mediana em relação aos demais Pokémon ofensivos e com isso, sem o auxílio do item Choice Scarf, o Togekiss se vê encurralado por membros dessa lista inclusive, como o Weavile. Outro fator que pesa contra ele é a fraqueza para o tipo STEEL, portanto, um famoso golpe de prioridade, chamado Bullet Punch, agora causa dano dobrado e, dependendo do atacante, o Togekiss sofrerá muito dano podendo até ser nocauteado, algo que não aconteceria se ainda fosse do tipo NORMAL.

#3 Empoleon

Começamos o pódio com ele, o imperador das águas de Sinnoh e o Pokémon favorito deste que está escrevendo a lista. Se me perguntassem qual Pokémon eu gostaria de ser ou ter, a resposta vem antes da frase terminar: Empoleon. Não sei porque gosto de Pokémon. Talvez, paixão à primeira vista.

Digno do título, o Empoleon é sim uma força a ser reconhecida em sua região, seja por seus excelentes stats para um Pokémon inicial, como para seus dois tipos, WATER e STEEL, que formam até o momento uma combinação única.

Conhecido pelo combo dos golpes Agility + Substitute + Petaya Berry, em um ou dois turnos todo o ritmo da batalha estará nas mãos do Empoleon. Para quem não entendeu, a gente explica: o golpe Agility dobra a Speed do Empoleon, enquanto que o Petaya aumenta seu Special Attack em 50%, quando o mesmo estiver com 25% ou menos de seu HP total. Para isso, temos o Substitute, que cria uma espécie de escudo consumindo 25% do HP total. Em seu terceiro uso, ativamos a berry. Só que ainda tem um outro fator, a habilidade Torrent, que aumenta o dano de golpes do tipo WATER em 50% quando ele estiver com 33% ou menos de vida. Mas não pensem que o pinguim imperador se resume somente a essa estratégia. Com acesso a golpes como Grass Knot, Ice Beam e Flash Cannon, uma poderosa combinação pode ser montada, considerando o item Choice Specs, que lhe rende poder imediato e muito bem utilizado.

Infelizmente, terei que falar “mal” de meu Pokémon favorito. Ainda que sua Speed seja dobrada após um Agility, sua baixa base neste atributo exige o uso de múltiplos, contudo, isso abre uma janela de oportunidade para que nosso oponente ataque o Empoleon, causando dano massivo e acabando com seu reinado. De fato, receber dano facilita a estratégia do Petaya, porém, os golpes mirados no Empoleon normalmente são super efetivos e, mesmo tendo 11 resistências, sua Defense é relativamente baixa tornando-se o principal alvo de seus adversários.

#2 Lucario

Amargurando novamente o segundo lugar, temos Lucario, um dos Pokémon mais populares entre os treinadores. Basta ver o resultado da votação do Pokémon do Ano de 2020. E todo esse carinho dos jogadores veio justamente pelo Lucario ter um carisma natural. Seu design é sem dúvidas um dos melhores já feitos. A ideia toda por trás do Lucario é muito boa.

Falando em coisas boas, o chacal de Sinnoh é extremamente versátil em virtude de bases ofensivas altas, podendo desempenhar qualquer papel ofensivo que sua equipe esteja precisando. Ainda, com um dos golpes de prioridade mais famosos do jogo - chamado de Extreme Speed - Lucario consegue derrubar adversários que já estejam fracos e que são mais rápidos do que ele, podendo assim vingar seu companheiro.

Uma de suas habilidades, Justified, aumenta seu Attack, caso seja atingido por um golpe do tipo DARK, que inclusive causa menos dano por conta de ser do tipo FIGHTING, um dos mais ofensivos do jogo. Assim que o Lucario entra em campo, comece a rezar para que seja possível aguentar o massacre que está por vir. Não é à toa que a campeã dessa região, Cynthia, o tenha em sua equipe.

Entretanto, o Lucario é muito frágil para o Pokémon do tipo STEEL e por conta disso, mesmo tendo diversas resistências, ele não as aproveita de fato, sem falar que um dos principais golpes do jogo, Earthquake, lhe causa dano dobrado. Aliás, o Lucario possui diversas fraquezas, e para tipos comuns. Ainda que tenha um poder incrível quando falamos de ofensividade, suas resistências são seu calcanhar de Aquiles.

#1 Infernape

Finalmente chegamos no vencedor. Quando o Infernape entra em campo, não tem como saber o que ele vai fazer. Seus atributos ofensivos são iguais que, em conjunto de sua combinação de tipos FIRE e FIGHTING e seu vasto movepool, transformam Infernape em uma máquina. Quer usar um conjunto ofensivo, voltado para Attack? Pode ser. Sua pegada é mais de longa distância? Tem também. Você gosta de surpreender o adversário com uma combinação mista? Serve. Seu estilo de jogo é mais voltado para a defensiva e precisa de um suporte? O Infernape cabe. Tá sem um Pokémon defensivo e precisa de ferramenta para parar algum alvo específico? É, também dá.

Talvez esse seja o principal ponto do Infernape: sua versatilidade. Até descobrirmos qual é o moveset inteiro do macaco infernal, nosso time já sofreu tanto, que nem compensa mais saber quais golpes ele tem, pois seu papel já está cumprido. Como se não bastasse tudo isso, ele ainda é o melhor Pokémon para se iniciar a jornada em Sinnoh. Um segundo ponto que favorece o Infernape em muitos confrontos é sua Speed alta, capaz de ultrapassar diversos Pokémon em sua região e a maioria dos Pokémon ofensivos de outras gerações. Caso não seja possível, golpes de prioridade, como Mach Punch e Vacuum Wave podem ser utilizados para causar dano antes do oponente.

Embora tenha todo esse potencial destruidor, o Infernape é muito frágil e não precisa nem ser super efetivo para nocauteá-lo, um bom STAB com dano neutro, como um Close Combat de um Lucario por exemplo, já é suficiente para acabar com os dias de glória do macaco. E mesmo com um movepool de dar inveja, o Infernape sofre com a síndrome do quarto espaço, pois ao escolhermos quatro golpes, um Pokémon importante ficará de fora dessa cobertura, logo, todas essas opções podem muitas vezes serem mais prejudiciais ao macaco do que um ponto positivo.

E se considerássemos tudo em Sinnoh?

#10 Heatran
#9 Dialga
#8 Manaphy
#7 Shaymin-Sky
#6 Giratina-O
#5 Garchomp
#4 Darkrai
#3 Mega Lucario
#2 Mega Lopunny
#1 Arceus

Totalmente sem graça. Sério. É legal ver esses Pokémon em uma lista, afinal, todos são extremamente poderosos e dominantes por onde passam. Porém, seu destaque é tão grande que em qualquer batalha,  os outros passam até despercebidos. Quem é o Infernape perto de Arceus? Entenderam a diferença? Enfim, essa seria a lista, se considerássemos tudo o que a região de Sinnoh pode nos oferecer.

Menções Honrosas

Seria injusto ter uma lista como essa e não apresentar nomes como Gliscor, Mismagius, Yanmega, Rhyperior, Drapion, Electivire e tantos outros. Certamente são fortes, cada um com suas qualidades e ninguém duvida disso. Só que a lista é composta por aqueles que são completos, versáteis e mesmo com suas falhas, são melhores do que estes.
Finalizada a lista, o que acharam dessa região? Ficou faltando algum Pokémon? Não concordam com alguma posição? Sentiu falta de algum Pokémon? Deixem nos comentários a opinião de vocês e vamos debater sobre o tema. Nosso próximo encontro será em Unova, região que guarda muitos Pokémon poderosos.
Revisão: Felipe Fina Franco
Cálculos de Dano: A Pokémon Calculator

Fã de carteirinha da franquia Pokémon desde os oito anos de idade, teve seu primeiro contato com os monstrinhos de bolso no Game Boy Color e desde então, são mais de 25 anos de alegria. Fanático por vídeo-games, gostaria de poder jogar mais tempo do que trabalha.
Este texto não representa a opinião do Nintendo Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google