Fire Emblem Engage (Switch): Tudo o que sabemos sobre Somniel até o momento

Confira os principais destaques da grande base de operações da 17ª entrada da franquia.


Fãs de Fire Emblem, uni-vos! Se você, assim como eu, tem acompanhado o hype de Fire Emblem Engage, com certeza não deixou de conferir as novidades a respeito do jogo que chega ao Switch no próximo dia 20 de janeiro.

Porém, para deixar as informações mais organizadas, preparamos uma lista com as principais novidades divulgadas até o momento sobre nossa base de operações Somniel, que promete ser — com o perdão do trocadilho — o pivô do jogo. Confira-a a seguir, mas atenção: algumas informações são meras especulações desta que vos escreve.

Interações, lojas e customizações

Assim como estabelecido em Awakening, replicado em Fates e ampliado em Three Houses, Engage contará com uma grande base de operações ainda maior — e, por tabelinha, uma espécie de hub — chamada Somniel. É aqui que poderemos interagir com nossos aliados, comprar itens e equipamentos, participar de atividades e ter acesso a mecânicas exclusivas.

De mais marcante, temos a volta da Boutique, na qual podemos comprar acessórios e roupas diferentes para Alear e demais personagens; como curiosidade, o último FE no qual tivemos a oportunidade de fazer algo parecido foi Fates. Em Three Houses, os DLCs incluíram algumas opções de vestimentas para o rol de alunos de Garreg Mach, porém estão longe de serem chamadas de customização.

O amiibo Gazebo, introduzido em Three Houses, também está presente em Somniel. Ao escanear as estatuetas compatíveis, ganhamos itens diversos, mas o destaque, obviamente, vai para aqueles da série Fire Emblem: esses amiibo garantirem roupas baseadas nos personagens de seus jogos de origem e também músicas desses títulos, que são compradas com tíquetes possivelmente conseguidos em atividades diversas na base de Engage.

Ring Chamber

Com o sistema de Emblem Rings, foi introduzida em Somniel a Ring Chamber, um local sagrado no qual Alear pode interagir com os Emblems obtidos durante a campanha. É nesta câmara que nós teremos acesso a alguns sistemas exclusivos de Engage, em especial Inherit Skills, Create Bond Rings e Meld Bond Rings.

Quem tem ou teve contato com Fire Emblem Heroes pôde perceber que esses se assemelham muito ao spin-off mobile. Ao derrotar inimigos, os personagens recebem skill points (SP), que depois podem ser trocados por habilidades dos Emblem Rings obtidos.

Além de SP, algumas skills dependem do nível de afeição (bond) entre os personagens e os Emblems, que aumenta conforme são utilizados em batalha e ao poli-los — ao que deu a entender pelo trailer, os acessórios ficam gastos com o tempo e precisam desse cuidado extra.


Os Bond Rings, por sua vez, utilizam um procedimento similar às máquinas de gachapon, que são conseguidos ao trocar Bond Fragments, obtidos ao interagir com Somnie e realizar atividades em Somniel. Esses anéis garantem atributos extras aos personagens e estão disponíveis em diversas raridades.

Bond Rings repetidos podem ser combinados, tendo sua raridade aumentada. Por exemplo, dois de nível C formam um de ranque B e, dessa forma, seus bônus aumentam.

Grinding facilitado

Seguindo o molde de grinding de The Sacred Stones, Awakening, Fates e Shadows of Valentia, Engage traz a possibilidade de treinarmos os personagens sem depender do desenrolar da campanha com a Arena e a Tower of Trials.

A mais interessante dessas áreas é, sem dúvidas, a segunda, que inclusive pode ser aproveitada online, enfrentando times de jogadores ao redor do mundo e permitindo que eles também acessem nossos mapas customizados, interação que já existia em Awakening e Fates.

Ainda a respeito da Tower of Trials, completar as provas garante Crystals, que podem ser utilizados durante a forja para melhorar os equipamentos dos personagens. Novamente fazendo um paralelo com Heroes, defesas bem-sucedidas em nossa Tower of Trials customizada nos garantem outros itens in-game, como presentes que podemos dar aos nossos aliados para aumentar nossa afeição com eles.


E ainda vem mais por aí

Com certeza, assim como Garreg Mach em Three Houses, Somniel em Fire Emblem Engage representará a maior porção da gameplay — e, provavelmente, é onde mais ficarei quando eu finalmente colocar minhas mãos no jogo. Na semana que vem, traremos as mudanças mais marcantes no sistema de combate.

Das novidades apresentadas até agora, quais são as suas favoritas?

Revisão: Davi Sousa

Também conhecida como Lilac, é fã de jogos de plataforma no geral, especialmente os da era 16-bits, com gosto adquirido por RPGs e visual novels ao longo dos anos. Fora os games, não dispensa livros e quadrinhos. Prefere ser chamada por Ju e não consegue viver sem música. Sempre de olho nas redes sociais, mas raramente postando nelas. Icon por 0range0ceans
Este texto não representa a opinião do Nintendo Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google