Postal: Brain Damaged será lançado para Switch em 2 de fevereiro

Série de humor ácido e violência extrema ganha um spin-off dentro da mente do protagonista.

Os estúdios Hyperstrange e CreativeForge Games, em conjunto com a distribuidora Running With Scissor, confirmaram que Postal: Brain Damaged chegará ao Switch no próximo dia 2 de fevereiro via eShop pelo preço de R$ 133,90. Originalmente o título de tiro em primeira pessoa foi lançado para PC em 2022.


A série Postal é marcada por sua violência excessiva e chegou a ganhar uma adaptação cinematográfica em 2007 com direção de Uwe Boll. Este spin-off se passa dentro da mente do protagonista, chamado Postal Dude ("cara do correio"), o que garante uma mistura de ação com humor. Confira a descrição completa:
Esqueça tudo o que você sabe sobre os jogos da série POSTAL. POSTAL: Brain Damaged, o spin-off ousado e aclamado pelos jogadores, está aqui para levá-lo à sua viagem mais maluca do POSTAL Dude. Não estamos mais no Paraíso, nem mesmo em Edensin. Desta vez, a história se passa dentro da mente distorcida do próprio POSTAL DUDE! E também não é o mundo aberto de sandbox que você poderia esperar.

O spin-off leva o jogo para uma nova, mas instantaneamente familiar, direção dos clássicos de tiro em primeira pessoa dos anos 90 e da decada de 2000. Ação e exploração ininterruptas baseadas em níveis, uma ampla lista de inimigos e chefes fantásticos e assustadores, um arsenal de armas pouco convencionais e toneladas de segredos a serem descobertos. Tudo isso temperado com a característica essência do mundo dos jogos POSTAL: o humor sem limites!
 
Certifique-se de que você está pronto para:
  • Explorar um mundo totalmente novo, feito à mão e cheio de surpresas
  • Experimentar um jogo desafiador em ritmo rápido, com movimentos dinâmicos e um design de níveis ultrajante
  • Fazer uma viagem pelos ambientes ricos, distorcidos e em constante mudança da mente perturbada do POSTAL DUDE
  • Disparar uma variedade de armas malucas contra alguns dos inimigos mais sinistros que já passaram pela sua tela.
  • Seguir a linha da história totalmente original, tornando a continuidade do POSTAL-VERSO ainda mais confusa do que já era
  • Apreciar o humor ácido e irreverente, marca registrada da série POSTAL
  • Ouvir de novo o Corey Cruise como o POSTAL DUDE, com participações de outras vozes adoradas pelos fãs
  • Curtir algumas músicas de heavy metal ao fundo

Nascido no mesmo dia que Manoel Bandeira (mas com alguns anos de distância), perdido em Angra dos Reis (dos pobres e dos bobos da corte também), sob a influência da MPB, do rock e de coisas esquisitas como a Björk. Professor de história, acostumado a estar à margem de tudo e de todos por ser fora de moda. Gamer velho de guerra, comecei no Atari e até hoje não largo os mascotes - antes rivais - Mario e Sonic.


Disqus
Facebook
Google