As postagens mais acessadas da história do Nintendo Blast

Em nosso aniversário de 10 anos, resolvemos dar uma olhada nas notícias e matérias mais populares entre os leitores.




No último domingo (15), o Nintendo Blast comemorou seu décimo aniversário. Nessa primeira década de histórias, tivemos o privilégio de cobrir momentos de grande relevância na trajetória da Big N. Desde as etapas iniciais do revolucionário Wii até a mais recente edição da E3, com a revelação de detalhes sobre Super Smash Bros. Ultimate (Switch), já levamos ao ar cerca de 20 mil postagens.


No especial de hoje, vamos olhar um pouco para o passado e descobrir quais foram as matérias e notícias mais populares ao longo dos últimos 10 anos. Antes de começarmos a viagem, você, caro leitor, gostaria de arriscar quais serão as publicações que farão parte deste Top 10? Aposto que alguns integrantes da lista te surpreenderão, assim como ficamos perplexos enquanto elaborávamos o levantamento.

10 — Indícios de um retorno? (28.720 acessos)

O fã brasileiro da Nintendo ainda não superou o adeus da empresa. Desde que a Big N resolveu encerrar a distribuição de seus produtos em nosso país, em janeiro de 2015, muitos ainda sonham com o dia em que a situação será revertida. Para quem está ansiosamente aguardando, qualquer pequeno sinal pode indicar um retorno, como mostra o décimo colocado do ranking: uma notícia sobre o lançamento do site oficial da Nintendo em português do Brasil.

Publicada no fim de 2017, a nota informava que: “A página é bem simples e há informações sobre jogos digitais de 3DS, um link para o programa de recompensas My Nintendo e um encaminhamento para o site Play Nintendo (em inglês). No final da home, estão localizados links para a assistência técnica”. Para quem viu na iniciativa uma provável mudança de postura da empresa, o último parágrafo da notícia traçava a realidade mais plausível.

“Nos últimos meses, a Nintendo tem reconhecido o Brasil com a liberação de recursos online no Switch para contas brasileiras e a inclusão de informações de assistência técnica oficial em solo brasileiro. É impossível afirmar que o lançamento do site em português signifique alguma coisa para o mercado nacional, porém não deixa de ser interessante a postura da Nintendo em relação ao nosso país”, informava o texto.


09 — Nostalgia sem fim (29.431 acessos)

A revelação de novos consoles sempre atrai a atenção de um grande público, ainda mais se esse videogame já tem sucesso comprovado. O anúncio do NES Classic Edition, em julho de 2016, pegou de surpresa boa parte dos jogadores e, rapidamente, transformou o item em objeto de desejo. Para aumentar a vontade de adquirir a plataforma de 8-bits em miniatura, em sua memória existem 30 jogos disponíveis, incluindo clássicos como Super Mario Bros. e The Legend of Zelda.

Para os brasileiros, o entusiasmo foi bem limitado devido ao valor que precisa ser desembolsado para comprar o NES Classic Edition. Enquanto no exterior o aparelho chegou às prateleiras custando 59,99 dólares, por aqui o preço médio é de R$ 1 mil. Haja moedas ou rupees para ter um desses na estante de casa.


08 — Bem-vindo Nintendo Switch (32.360 acessos)

Como dito no tópico anterior, a revelação de novos consoles sempre atrai a atenção de um grande público. Na oitava posição está a notícia que trouxe o primeiro trailer do Switch. Publicada em outubro de 2016, a nota apresentava, além do vídeo, as primeiras informações oficiais sobre a plataforma. “Outra novidade em relação a seu controle é que este permite diversas possibilidades: um jogador pode usar dois Joy-Con em cada mão, dois usuários podem jogar cada um com um controle, dentre outras várias possibilidades de gameplay”, antecipava o texto.

A lista com os jogos que chegariam ao híbrido também começava a ser moldada: “Dentre os títulos apresentados no trailer, destacaram-se games lançados no Wii U, como Splatoon, jogos de third parties, como uma versão de Skyrim, e o novo Zelda: Breath of the Wild — que chega no ano que vem”, informava a notícia. Por fim, a publicação trazia também a tão aguardada data de lançamento: março de 2017.


07 — Pokémon em HD (35.205 acessos)

Na sétima posição, está uma notícia bem recente e que apresentou rumores sobre os jogos de Pokémon para Switch. Agora que conhecemos Let’s Go Eevee/Pikachu, sabemos que os boatos que se originaram na China eram completamente falsos. A publicação indicava que:
  • Não haverá introdução de novas Mega Evoluções nestes jogos;
  • Z-Moves retornarão e, para serem ativados, necessitarão do uso dos controles de movimento dos Joy-Con;
  • A história central do jogo envolverá um conflito entre tradição e inovação;
  • A região será inspirada na Itália ou Espanha;
  • O lançamento do jogo ocorrerá no final de 2018 ou no início de 2019.
Como se já não fosses suposições suficientes, o rumor indicava que: “[o jogo terá] uma espécie de sistema de batalha em tempo real em que há opções de atacar ou bloquear os ataques dos oponentes na tela. Este sistema seria similar ao da série de jogos Digimon World e também a Pokkén Tournament (Wii U/Switch), onde os movimentos podem ser um ataque, bloqueio ou evasiva”.


06 — Hora do lanche (36.615 acessos)

Os brindes do McLanche Feliz inspirados em Mario e toda a turma do Reino do Cogumelo fazem bastante barulho quando anunciados. A notícia sobre a quarta coleção com os personagens da Big N atraiu bastante atenção dos nossos leitores, colocando a postagem na sexta posição entre as mais lidas. Desta vez, a linha de miniaturas era composta por Mario, Princesa Peach, Yoshi, Luigi no cano, Bowser, Casco vermelho, Conjunto de blocos e Mario Invencível. Os bonecos foram vendidos durante o mês de novembro de 2017.


05 — O fenômeno dos smartphones (37.815 acessos)

Antes mesmo de ser lançado, Pokémon GO já se revelava um fenômeno mundial e, no período que antecedeu a chegada do app aos smartphones, qualquer notícia causava grande alvoroço entre o público. Imagine então quando, finalmente, foi revelada a data em que o jogo estaria disponível nas lojas virtuais de aplicativos? Na quinta posição, está a notícia divulgada na E3 de 2016 sobre o lançamento de Pokémon GO.

Além da data, o texto já especulava sobre uma das funcionalidades mais desejadas pelos jogadores: “Quando perguntados sobre a possibilidade de realizar trocas de Pokémon, os empresários da Nintendo comentaram que essa opção somente estará disponível após o lançamento do game e, que no momento, estão focando em refinar a experiência para torná-la a mais fantástica possível”. Agora sabemos que as trocas demoraram dois anos para serem, de fato, implantadas.


04 — Desejos de qualquer treinador (65.742 acessos)

Mais uma vez, Pokémon aparece na lista, agora, com um Top 10 sobre as criaturinhas lendárias mais difíceis de serem capturadas. Entre os monstrinhos que aparecem na matéria estão Victini, Darkrai, Reshiram e Shaymin. Além disso, o texto apresenta ainda a descrição que a Pokédex traz sobre cada um dos lendários. Para os fãs da franquia, é uma leitura que vale a pena.


03 — Vendas polêmicas (94.622 acessos)

A medalha de bronze vai para a notícia sobre uma polêmica envolvendo o Mercado Livre. Logo que o Switch foi lançado, a plataforma de vendas começou a restringir anúncios relacionados a periféricos e games do híbrido. O texto indicada que: “Alguns vendedores do Mercado Livre estão sendo notificados para não disponibilizarem a venda de produtos relacionados ao Nintendo Switch. Segundo lojistas que possuem perfil no Mercado Livre, a informação é que a venda de itens da marca Nintendo Switch pode acarretar na suspensão ou exclusão do perfil no site”.

Alguns dias depois, a empresa se explicou sobre a situação: "O Mercado Livre, companhia de tecnologia líder em e-commerce na América Latina, esclarece que a venda do Nintendo Switch por terceiros é proibida pela legislação brasileira, uma vez que o produto ainda não foi lançado no mercado nacional pela Nintendo ou distribuidor autorizado e também não possui os registros pelas agências reguladoras competentes. Desse modo, e conforme previsto em nossos termos e condições, o produto ainda não pode ser comercializado no site".


02 — Andando com Mario (105.375 acessos)

A segunda posição fica com a notícia sobre a coleção de chinelos Havaianas inspirada na franquia Super Mario. O texto informava que: “Três modelos coloridos estão disponíveis no site Havaianas e também já podem ser encontrados em lojas pelo país. O primeiro modelo traz um solado com estampas de Super Mario World (SNES) com tiras azuis, enquanto o segundo reúne artes de Mario e sua turma no solado com tiras brancas. O terceiro exibe estampa vermelha com o boné e bigode do Mario no pé esquerdo e estampa verde com o bigode e boné do Luigi no pé direito”.


01 — Os melhores do GBA (124.275 acessos)

Em primeiríssimo lugar, um Top 10 publicado em março de 2015 que trouxe a relação dos melhores jogos do Game Boy Advance. Surpreendentemente, o texto conta com 20 mil acessos a mais do que o segundo colocado. Na ocasião, o portátil completava 14 anos de vida, ou seja, já era um veterano no mercado. Porém, o console ainda tem espaço cativo no coração dos fãs, afinal, estar em primeiro lugar entre as mais lidas do Nintendo Blast não é pouca coisa.


.
Para você, caro leitor, algum texto dessa lista te surpreendeu? Qual a matéria/notícia do Nintendo Blast que mais te marcou? Coloque sua opinião aqui nos comentários.
Revisão: Gabriel Bonafé
Vinicius Veloso é jornalista e obcecado por games (não necessariamente nessa ordem). Seu vício começou com uma primeira dose de Super Mario World e, desde então, não consegue mais ficar muito tempo sem se aventurar em um bom jogo. Está no Facebook ou Twitter.
Este texto não representa a opinião do Nintendo Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook