Pokémon Blast

Cartas na Mesa: brincando com a sorte na expansão Força Fantasma

Será que conseguimos montar um deck com uma única booster box da expansão Força Fantasma de Pokémon? Vamos descobrir!

E aí pessoal! Bem-vindos a outro Cartas na Mesa, nossa coluna exclusiva para falar das Estampas Ilustradas de Pokémon. Depois da nossa experiência inicial com uma booster box na expansão Punhos Furiosos, resolvemos tentar mais uma vez montar um baralho competitivamente viável com as cartas sortidas de uma única caixa de boosters, agora na expansão Força Fantasma. Será que vai dar certo? Vamos descobrir em mais este Brincando Com a Sorte!

As regras do jogo

Antes de mais nada, vamos a algumas regras quanto a estruturação do baralho:
  • Todas as cartas devem ser de uma única booster box;
  • A quantidade de cópias da carta no deck deve respeitar o número da booster box;
  • Energias básicas são ilimitadas, não entrando na contagem.
Assim sendo, vamos para as cartas que adquiri em uma única caixa de pacotes:

4x Venonat | 2x Venomoth | 2x Yanma | 2x Yanmega | 3x Swadloon
1x Leavanny | 4x Karrablast | 3x Fletchinder | 1x Talonflame | 2x Litleo
2x Krabby | 2x Kingler | 2x Totodile | 2x Croconaw | 1x Feraligatr
3x Finneon | 1x Lumineon | 3x Frillish | 2x Jellicent | 4x Pachirisu
1x Joltik | 2x Galvantula | 1x Helioptile | 2x Heliolisk | 3x Zubat
2x Golbat | 2x Crobat | 3x Wobbuffet | 1x Swalot | 2x Munna
1x Musharna | 4x Litwicks | 2x Lampent | 1x Chandelure | 3x Pumpkaboo
1x Gourgeist | 3x Gligar | 2x Gliscor | 4x Roggenrola | 1x Gigalith
2x Murkrow | 2x Honchkrow | 3x Poochyenna | 2x Mightyenna | 1x Spiritomb
4x Purrloin | 1x Skarmory | 3x Bronzor | 2x Bronzong | 2x Heatran 
1x Escavalier | 3x Klefki | 4x Swirlix | 2x Slurpuff | 1x Dedenne
3x Diancie | 2x Deino | 3x Zweilous | 1x Hydreigon | 2x Goomy
1x Sliggoo | 1x Goodra | 4x Spearow | 1x Fearow | 3x Chansey
2x Girafarig | 3x Whismur | 2x Loudred | 1x Exploud | 2x Regigigas
3x Bunnelby | 1x Diggersby | 1x Furfrou | 1x AZ | 1x Vale Dimensional
2x Martelo Avançado | 2x Jamming Net | 1x Coringa de Lysandre
2x Professor Sycamore | 3x Robô Substituto | 3x Patins
1x Shauna | 1x Abrigo de Aço | 1x Tierno | 2x Xerosic
2x Energia Incolor Dupla | 1x Aegislash-EX | 1x Dialga-EX

Montando o deck

Com essas cartas à disposição, optei por fazer um baralho exclusivamente composto por metálicos e Pokémon incolores ou que usassem energias incolores para atacar. No final das contas, ele ficou assim:

Pokémon (21 cartas):
1x Aegislash-EX
1x Dialga-EX
3x Klefki
2x Heatran
3x Bronzor
2x Bronzong
2x Regigigas
3x Zubat
2x Golbat
2x Crobat

Itens (19 cartas):
2x Martelo Avançado
2x Jamming Net
1x Coringa de Lysandre
2x Professor Sycamore
3x Patins
1x Shauna
1x Tierno
1x Abrigo de Aço
2x Xerosic
3x Robô Substituto
1x AZ

Energias (20 cartas):
2x Energia Incolor Dupla
18x Energia Metálica

O astro do baralho é Aegislash-EX, que causa dano de acordo com a quantidade de energias metálicas nele ligadas. O interessante é conseguir munir ele com a maior quantidade possível. Obrigatoriamente seu ataque vai pedir já 3 energias, o que irá aumentar o dano de 40 para 100. Com 7 ligadas ao escudo, é possível chegar em 180, suficiente para nocautear qualquer Pokémon-EX, e com 10 chegamos a 240, que abate qualquer M Pokémon-EX. Por isso, um dos focos do deck é preservar Aegislash-EX até estar completamente carregado. Claro que sua habilidade que o torna imune a danos de Pokémon com Energias Especiais (predominantes no metagame) ajuda muito a preservá-lo.

Dialga-EX é o ás secundário. Assim como seu parceiro, ele é ótimo em bater de frente contra os grandes inimigos do metagame, mas enquanto Aegislash-EX segura qualquer um portando Energias Especiais, Dialga-EX consegue peitar Pokémon-EX. Seu primeiro golpe bate apenas 60, mas impede o EX do inimigo de agir no turno seguinte. Seu segundo golpe exige o descarte de duas energias metálicas, mas isso pode ser contornado com o preparo adequado. Chegaremos nisso mais tarde.

Klefki tem como única função chamar Pokémon Básicos do baralho para o campo, como os EX citados acima e outros úteis no baralho, como Heatran. Seu primeiro ataque depende de um Estádio em campo para bater 80 pontos, mas com a predominância deles no jogo, é quase certo que sempre terá ao menos um em cada batalha - incluso o seu próprio, que falaremos adiante. Já o segundo golpe bate um bom número, mas tem um custo alto e exige o descarte de uma energia metálica. Não se preocupe, podemos lidar com isso.

A ferramenta que liga o time todo é Bronzong. Não se preocupe com seu ataque: ele não será usado. O bom desse Pokémon de Estágio 1 é sua habilidade que permite, uma vez por turno, ligar uma energia metálica da pilha de descarte em um de seus Pokémon. Com dois Bronzong ativos, é possível estar constantemente usando o segundo ataque do Dialga-EX, ou ficar reciclando as energias gastas pelo Heatran. Enquanto tiver Bronzong no seu banco, seu baralho está seguro.

Fora dos metálicos, Regigigas é aquele Pokémon para ganhar tempo. Seu primeiro golpe, além de bater 80, reduz em 40 todo o dano causado a ele no próximo turno por ataques, e isso somado ao seu HP razoável pode ser útil para ganhar tempo e armar seus áses. O trio Zubat-Golbat-Crobat, apesar de serem cartas roxas, usam apenas energias incolores para atacar. Seu principal uso, contudo, é justamente entrar em campo: suas habilidades causam dano a qualquer Pokémon do inimigo, o que ajuda a finalizá-los mais tarde com seus atacantes principais ou para terminar o trabalho que outros já começaram.


O suporte ao seu time começa no Martelo Avançado, que quebra as energias especiais dos seus inimigos. Claro que seu Aegislash-EX é imune a eles, mas caso ele esteja fora de combate ou ainda não esteja em campo, isso pode vir muito à calhar. Para tentar acelerar o deck, temos os Patins, Shauna, Tierno e Professor Sycamore, todos com efeitos que envolvem sacar mais cartas. Não tema de ficar sem cartas para sacar; o Coringa de Lysandre pode recomeçar a contagem, salvando seu pescoço de um deck out.

O Robô Substituto não tem muito HP, mas pode conferir um turno a mais para puxar suas cartas mais importantes. Outra coisa que pode dar o suporte necessário é Jamming Net, que reduz o dano dos golpes do inimigo. Combinado com Regigigas, o dano reduzido por turno é de 60, enquanto bate 80! Claro que seu oponente pode tentar fazer isso com você também, então Xerosic entra em ação para remover qualquer equipamento indesejado nos seus Pokémon, ou os desejados do seu inimigo. Até energias especiais ele descarta, caso você fique sem nenhum Martelo Avançado!


AZ tem como única função resgatar um dos Pokémon com HP debilitado, evitando um Knock Out. É recomendado usar ele em Pokémon que não tenha muitas energias, mas se for o caso, seus Bronzong podem reciclar. Por fim, o estádio Abrigo de Aço livra o deck de problemas com Condições Negativas, pois imuniza todos os metálicos de tais problemas. As duas Energia Incolor Dupla foram feitas para Dialga-EX e Heatran, só precisando colocar energias metálicas o suficiente para disparar seus respectivos golpes. O resto é história!
Isso conclui o nosso Brincando Com a Sorte da expansão Força Fantasma. Será que teremos a mesma chance em um futuro booster box? Vamos descobrir na próxima edição!
Capa: Ana Carolina Rocha
Fellipe Camarossi é graduando em Ciências Contábeis e amante de uma boa discussão sobre videogames. Além de escrever para o Nintendo Blast, também é redator nas revistas Nintendo World e EGW. Para elogios e críticas, pode encontrá-lo no Facebook ou Twitter.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais