Jogamos

Análise: Tatsunoko vs. Capcom: Ultimate All-Stars (Wii)

Quem precisa de Street Fighter IV ? Após ficar várias horas jogando esta obra prima da Capcom, devo admitir que não sinto falta nenhuma do m... (por Filipe Gatti em 17/03/2010, via Nintendo Blast)

Quem precisa de Street Fighter IV? Após ficar várias horas jogando esta obra prima da Capcom, devo admitir que não sinto falta nenhuma do mais novo Street Fighter para o Wii, simplesmente porque a Capcom caprichou fazendo deste um dos melhores jogos de luta da geração atual de consoles. Um jogo obrigatório para os donos do console da Nintendo.
  • Quem vs. Capcom?

Tatsunoko vs. Capcom: Ultimate All-Stars é o mais novo jogo da série versus, que incluiu os famosos X-Men vs. Street Fighter e Marvel vs. Capcom. O que significa que o foco não está em lutas singulares, e sim em duplas, onde você pode escolher dois dos vinte e cinco personagens disponíveis. Dentre os personagens da Capcom, contamos com os clássicos Ryu, Chun-li, Morrigan e Mega Man. Enquanto do lado da Tatsunoko temos a presença de Casshan, Doronjo e personagens de Gatchaman. Propositalmente, os personagens Gold Lightan (Tatsunoko) e PTX-40A (Lost Planet - Capcom) são tão grandes que só podem lutar sozinhos, já valendo como dois personagens.

Você não reconheceu quase nenhum nome da Tatsunoko, certo? Isso provavelmente se dá ao fato dela ser uma produtora extremamente famosa de animes no Japão, responsável por lançamentos como Speed Racer, Guerra das Galáxias e Shurato - famosos no Brasil. Então se você não é de assistir as animações Japonesas, é possível que não reconheça ninguém. Mas não se preocupe, cada personagem tem características singulares tão marcantes que você irá se identificar com eles apenas ao jogar.
  • Até sua avó pode te vencer

Se você está acostumado com jogos de luta onde há sequências complexas de comando para executar golpes especiais, vai estranhar Tatsunoko vs. Capcom. Ao usar o WiiMote, apenas três botões são utilizados para dar os golpes, e ao apertar dois deles simultaneamente, você dá uma hyper move. Muito simples, não? Só que se você realmente quer aproveitar tudo que o jogo pode oferecer, recomendo usar o controle Classic ou de GameCube, pois com mais botões você pode realizar sequências diferentes e especiais mais poderosos.

Por falar em especiais, eles estão mais alucinantes do que nunca. Cada hyper move executada é uma emoção, ainda mais por serem simples de executar com o WiiMote. Além dos três botões de ataque, um quarto é utilizado para chamar a assistência de seu companheiro ou trocar de lugar com ele. Outra curiosidade da jogabilidade é que o sensor de movimentos do controle não é utilizado em nenhum momento do jogo.

Duas novidades que valem a pena serem citadas são o Mega Crush e Baroque. O primeiro permite que você interrompa algum combo de um inimigo, porém, o preço é meio caro, custando 10% da sua vida total e duas barras de especial, o que pode muito bem ser a diferença para decidir o vitorioso. Já o Baroque faz com que você possa executar combos antes impossíveis, reduzindo o tempo entre um golpe e outro. O preço do Baroque? Toda a sua vida em vermelho é sacrificada, mas também existe o outro lado da moeda: quanto mais vida em vermelho você sacrificar, mais poderoso será o combo do Baroque.

Apesar de simples em sua jogabilidade, existe uma variação muito grande de golpes que você pode dar, ainda mais usando o controle Classic. Dessa forma, a Capcom conseguiu criar algo que os jogadores hardcore do gênero possam ficar satisfeitos, ao mesmo tempo que os casuais consigam se divertir.
  • Horas e mais horas de lutas frenéticas

São seis modos de luta diferentes, mas muito conhecidos entre os fãs do gênero. Contamos com o Arcade Mode, onde você deve vencer uma série de oponentes até chegar ao chefe final, numa batalha de três etapas. O Training Mode que está muito bem feito, oferecendo oponentes estáticos ou não, e uma lista de comandos completa e simples de compreender. Time Attack, Survival e Versus também deixam sua marca no game. E se você tem amigos de longe, o modo online está excelente e vale a pena conferir, lembrando que ele é uma exclusividade da versão Americana do jogo.

No fim de cada luta, independente do modo, você recebe uma certa quantia de Zenny, a famosa moeda da Capcom, que pode ser utilizada para comprar conteúdos extras que vão desde simples imagens artísticas dos personagens, até cores novas de roupas ou vídeos especiais sobre eles.

Outra novidade interessante é o mini-game inserido no melhor do estilo 8-bit. Habilitá-lo pode ser um pouco trabalhoso: você precisa fechar o jogo no Arcade Mode, e então coletar todas as
letras amarelas que aparecerão durante os créditos. Com isso, você deverá ver no fim a mensagem: “Thank you for playing.” Caso você deixe alguma letra passar – o que é um tanto fácil – terá que fechar o jogo de novo.

Por falar em fechar o jogo de novo, para habilitar todos os personagens extras, você precisa fechar o jogo cerca de 16 vezes, cada hora usando personagens diferentes. Pode parecer cansativo, mas vale a pena; Zero de Mega Man e Frank West de Dead Rising são dois personagens extras da Capcom que valem o esforço, o mesmo funciona para Tekkaman Blade e Joe the Condor no lado da Tatsunoko.

Tatsunoko vs. Capcom: Ultimate All-Stars é de longe um dos melhores jogos de luta que o Wii já teve. O pessoal mais novato vai conseguir jogar simplesmente apertando qualquer botão do WiiMote e ainda vai dar muitas risadas enquanto executa hyper moves alucinantes. Os experts dos jogos de luta poderão passar horas a fio treinando seus combos infinitos no Training Mode para depois se tornarem reis no modo online. Os gráficos estão muito bem trabalhados, provavelmente um dos melhores já vistos no Wii, e lembram os traços de Street Fighter IV – afinal, Tatsunoko vs. Capcom usa a mesma engine deste. Se você curte uma boa pancadaria, e está afim de executar golpes especiais incríveis seguidos de combos fantásticos, esse é o seu jogo.


Tatsunoko vs. Capcom: Ultimate All-Stars - Wii - Nota final: 9,0
Gráficos: 9,0 | Som: 8,5 | Jogabilidade: 9,0 | Diversão: 10


Escreve para o Nintendo Blast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook


  1. Esse jogo é realmente muito bom, mas nem se compara com Street fighter 4

    ResponderExcluir
  2. Adoro esse jogo!:D

    Adoro mais ainda jogar com a dupla Chun Lee e Morrigan!:D

    E as vezes com o Megaman e mais algum outro!:D

    ResponderExcluir
  3. Chars da Capcom rulez!!!! :D

    ResponderExcluir
  4. Podia ser o Zero do GBA, mas tá ótimo =D

    ResponderExcluir
  5. Melhor que Street Fighter IV.

    Gostou, gostou. Não gostou? Não me importo com sua opinião.

    ResponderExcluir
  6. acho o jogo super divertido e bonito mas a capcom e a nintendo tao de gracinha ja nao sai street fighter pra nenhum console desde o gba meu po para a palhaçada né cade o street fighter 4 so o box e o ps sao privilegiados e nos da nintendo temos que nos agradarmos com um tipo de " coletanea de personagens " queremos super street fighter 4 ja para wii e ponto final

    ResponderExcluir
  7. Não tem, um XBOX ou um PS3 e quer jogar SF4...? Seus problemas acabaram http://store.steampowered.com/app/21660/

    ResponderExcluir
  8. analise boa, mas cometeu um erro de informação.
    O modo online não é exclusivo da america, no japão há duas versões uma sem modo online e com 18 chars e uma igual a nossa.

    jogar com o wiimote é só para nbs, perde completamente a graça do game, jogar com o controle de GC é uma merda o digital é muito pequeno, o melhor é o classic.

    para quem falou que esse game é melhor que SF4, é porque nunca jogou o mesmo, não que esse jogo seja ruim pelo contrario é o melhor jogo de luta para o wii, porem está abaixo de SF4 e SSF4

    ResponderExcluir
  9. kd as imagens?

    ResponderExcluir
  10. Odeio combinações complexas!Ainda irei jogar isso!
    SF4 caiu..SSF4 tambem,combinações complexas sao boring!
    Prefiro algo assim que algo sem sal como SSF4

    ResponderExcluir