Nintendo reforça suporte ao Switch durante o próximo ano fiscal

O presidente da Nintendo afirmou que a empresa está trabalhando em jogos de Switch para o ano fiscal que se encerra em março de 2025.

Imagem de uma pessoa jogando The Legend of Zelda: Breath of the Wild de maneira portátil no Nintendo Switch.

Em entrevista à publicação japonesa Nikkei, o presidente da Nintendo, Shuntaro Furukawa, afirmou que a empresa planeja dar suporte ao Nintendo Switch também durante o próximo ano fiscal, que se encerrará em março de 2025.


As declarações do executivo, publicadas nesta terça-feira (03), respondem a uma pergunta do veículo nipônico, que questionou se o console híbrido poderia ter seu ciclo de vida expandido além de seus atuais seis anos e meio no mercado.

Furukawa disse:
"Ainda estamos trabalhando em softwares para o Switch para o ano fiscal que termina em 31 de março de 2025."
Para o atual ano fiscal, que se encerrará em março de 2024, ele comentou um pouco sobre a estratégia de negócios da companhia:
"No ano fiscal que termina em 31 de março de 2024, esperamos manter o impulso de Zelda e do filme [Super Mario Bros], com foco na temporada de vendas de fim de ano. Quanto a hardwares, maximizaremos não apenas novas demandas por hardware, mas também para aqueles que compram dois consoles e [consoles] substitutos."

Para o ano que vem, a Big N já anunciou que lançará Another Code: Recollection (19 de janeiro), Mario vs. Donkey Kong (16 de fevereiro), Princess Peach: Showtime! (22 de março), Luigi's Mansion 2 HD (inverno de 2024) e Paper Mario: The Thousand-Year Door (sem data de lançamento).

Rumores também relatam que a Nintendo planeja lançar seu próximo console em 2024.

Fonte: VGC


Jornalista, analista de mídias e entusiasta de games desde que jogou Pokémon Azul no Game Boy Color nos anos 90. De lá para cá, tenta aproveitar ao máximo todos os consoles no pouco tempo que a vida adulta permite. Se não está escrevendo para o Blast ou demorando anos para zerar um jogo, está no Twitter (@DanielMorbi) e no Instagram (@danielmorbi_)


Disqus
Facebook
Google