Crônica

#Mario30th: New Super Mario Bros. Wii (Wii)

O primeiro plataforma multiplayer do Mario trouxe desafios com muita diversão.


A primeira vez que joguei um jogo do Mario foi no Super Nintendo. Super Mario World (SNES) marcou a minha infância e é até hoje um dos melhores jogos que já joguei. Esse foi só o primeiro. Passei a apreciar todos os jogos da série e me tornei um fã do bigodudo.

Quando New Super Mario Bros. Wii (Wii) foi lançado eu não tinha o console. Estava muito ocupado com faculdade e estágio, e não tinha tempo pra jogar videogame. Só fui adquirir o console em 2011. Isso porque eu tinha uma missão muito importante: apresentar Mario e sua turma para meu irmão caçula, que na época tinha sete anos de idade.

Conhece o Mario?

Eu sou o mais velho de cinco irmãos. Embora nenhum deles goste tanto quanto eu, todos jogam videogame. Provavelmente por minha influência, por querer fazer o mesmo que o irmão mais velho. Mas isso não se aplica ao Matheus, meu irmão caçula. Ele aprendeu a gostar de videogames sem a minha influência. Sempre que eu deixava meu notebook largado, ele pegava pra jogar. Pedia para que eu instalasse alguns jogos pra ele, e eu até comprei um joystick pra facilitar sua jogatina.

Ele começou a ficar bom e detonar diversos jogos, como Wall-E (PC), Toy Story 3: The Videogame (Multi) e Batman Lego (Multi). Como eu queria fazer parte dessa experiência, resolvi tirar o meu bom e velho Super Nintendo da caixa. Porém, ele desprezou meus jogos favoritos. Disse que eram feios, que pareciam desenho animado e não videogame. Partiu meu coração, mas eu não desisti. Foi ai que New Super Mario Bros. Wii entrou em ação.

Super Mario World não caiu no gosto do meu maninho

Prazer, eu sou o Mario

Comprei o Nintendo Wii para apresentar os jogos do Mario ao meu irmão caçula. Especificamente o New Super Mario Bros. Wii, pois esse título seria ideal para unir duas gerações. O título trazia toda a nostalgia dos clássicos do bigodudo com a mecânica em 2D dos primeiros jogos da série, mas não se limitava apenas a isso.

Os gráficos belíssimos logo atraíram atenção do meu irmão. Mal sabia ele, mas os cenários das primeiras fases eram os mesmos do Super Mario World. Novos cenários ainda mais belos foram criados e o level design mantinha a qualidade de toda a série Mario Bros.


As músicas, bom… sou muito suspeito pra falar. Mas são simplesmente fantásticas. Musicas já consagradas e novas divertiam meu pequeno irmão. Era comum ouvi-lo assoviando a trilha do jogo.


A jogabilidade foi um ponto determinante para a aceitação do meu irmão, pois Super Mario Galaxy (Wii) e seu controle por movimento foram frustrantes para ele. New Super Mario Bros. Wii trazia a jogabilidade simples e misturava elementos de outros títulos das séries em 3D, como a bundada, os pulos na parede e salto triplo.

O melhor multiplayer de todos os tempos!

Contudo, foi o multiplayer o ponto forte do título. Quando eu era mais novo e só tinha um irmão, nós jogávamos o modo para dois jogadores do Super Mario World, mas cada um jogava uma vez. Já em New Super Mario Bros. Wii o multiplayer era jogado simultaneamente, em cooperativo ou competitivo, dependendo da intenção de quem estava jogando com você.

Espaço limitado na plataforma era sinônimo de confusão
No caso dos meus irmãos, começou como cooperativo. No início queríamos detonar o jogo, mas como um dos meus irmãos era extremamente ruim e meu irmão caçula ainda estava aprendendo a jogar o título, era comum nos atrapalharmos durante as fases: pulos na cabeça que faziam os inimigos te pegar, coletar itens sem deixar nada para os outros e ficar parado na frente dos outros quando era preciso correr garantiam as gargalhadas do meu irmão caçula, enquanto eu ficava nervoso por não conseguir passar das fases. Por um instante cheguei a achar que meus irmãos eram capangas do Bowser.
Meus irmãos deveriam estar nessa imagem
Depois de um tempo virou bagunça, acabei entrando na sacanagem, e demorávamos horas para passar de uma simples fase do jogo. Cascos eram arremessados na cabeça dos outros sem o menor pudor, e arremessar os outros no buraco virou rotina. Meu irmãozinho só ficava bravo quando fazíamos ele perder o Yoshi. Mas ele era danadinho, logo descobriu que apertando o botão A o personagem voltava para a bolha e não perdia vida. Com isso, ele ficava esperando nós pularmos um buraco, para logo pular na nossa cabeça e voltar para a bolha. Assim só quem caia no buraco perdia vida… e como sempre ele morria de rir.


Hoje meu irmão é fã do Mario, assim como eu. Diverte-se com todos os títulos recentes do bigodudo, principalmente com Mario Kart 7 (3DS) e Mario Kart 8 (Wii U). Repetimos toda a diversão no New Super Mario Bros. U (Wii U) e com o recente Super Mario 3D World (Wii U). Mas Super Mario Bros. Wii fica marcado em nossa história por ser o primeiro jogo que jogamos junto, por garantir momentos de muita diversão e porque foi um jogo capaz de unir gerações com muita qualidade.
Super Mario Galaxy (Wii) Índice Super Mario Galaxy 2 (Wii)

Revisão: Vitor Tibério
Capa: Diego Migueis
Ruan Fernandes conheceu os videogames muito cedo e logo se apaixonou, paixão esta que o levou a montar uma locadora de games, formar-se em Informática na FATEC, desenvolver alguns jogos e escrever para o Nintendo Blast. Atualmente pode ser encontrado no Facebook ou surrando outros Players em partidas online de Mario Kart a Mortal Kombat.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais