#SuperMario35: Super Mario Bros. além dos videogames

Cinema, comidas, televisão, brinquedos, vestuário… o Super Mario está fora dos consoles há bastante tempo, bora olhar em alguns lugares pelos quais ele já passou?

Como parte das comemorações dessa semana que comemora 35 longevos anos da franquia Super Mario Bros. desde seu lançamento lá no NES, o Nintendo Blast relembra algumas das várias formas que essa série mais que amada fez para entrar nas casas dos fãs. Desde 1985 os irmãos encanadores e seus amigos têm invadido a nossa casa além das telas dos videogames.


Claro que uma série de sucesso iria receber produtos nas mais diversas frentes: Mario já estampou a linha de brinquedos do McDonald’s, teve caixa de cereais, um filme e série de televisão animada (com uma dublagem lendária), sem contar que seus mundos são inspiração para uma ala nos parques da Universal Studios no Japão, com planos para chegar a Orlando, Los Angeles e Singapura.

Antes de seguirmos com a matéria, algumas informações para ficar tudo nos conformes: Não iremos focar em produtos que são derivados diretos de algum jogo, como trilhas sonoras, amiibo, livros de guia, detonados e itens que poderiam vir em um box de luxo do jogo. Em contrapartida, produtos vendidos separadamente como brinquedos, action-figures, roupas serão considerados para essa matéria.

Nintendo Club

Não teríamos como começar uma matéria como essa sem mencionar o memorável e tão sonhado Nintendo Club, o programa de fidelidade da Nintendo que sempre foi tão distante dos brasileiros. Os jogadores ganhavam pontos ao acumularem games e consoles da Big N e esses pontos podiam ser convertidos em prêmios físicos e digitais.

Os prêmios digitais eram cópias de jogos para o Wii, 3DS e Wii U, com maior expressividade nos dois últimos. Porém o foco maior dos fãs eram os itens físicos que nunca foram comercializados oficialmente e só estavam disponíveis momentaneamente para os fãs que tivessem o número correspondente de pontos em suas respectivas contas. Alguns deles são:

Estojo de lápis com detalhes na parte de dentro:


Cartas de baralho temáticas (que fazem alusão à origem da Nintendo, que começou como uma empresa que produzia cartas de baralho e de jogos japoneses como Hanafuda):


Conjunto de marcadores de página:


Roupa para relaxar, que poderia ser usada como pijama. Esse é inspirado nas cores da Peach, mas havia de outros personagens e cores:


Camiseta com estampa inspirada em Mario Kart:



Pins de itens de Mario Kart 8 (Wii U):


Miniaturas dos troféus de Mario Kart 8:


Bolas de golf de Mario Golf: World Tour (3DS):


E, abaixo, a recompensa mais amada e cobiçada de todas. O prêmio dos fãs nível Elite Platinum de 2010:


Uma estatueta com os personagens clássicos de Super Mario.

Só lembrando que esses são apenas alguns itens que ficaram disponíveis através da plataforma. Foram disponibilizadas trilhas sonoras, estojos, mochilas, ecobags, acessórios para consoles, roupas e até consoles especiais do Super Mario e outras franquias da Big N.

Mas por que começar com o Club Nintendo? Bem, ele ainda é o programa com merchandising mais memorável para nós, até porque demorou para que itens como esses fossem licenciados em larga escala e chegassem a países como o Brasil.

O programa foi descontinuado em 2015, com o MyNintendo substituindo-o em março de 2016. O programa existe até mesmo para os jogadores com contas brasileiras, mas sem a presença de itens físicos por aqui. O foco desse programa é maior com prêmios digitais e recompensas in-game para os jogos mobile da empresa.

Papelaria

Pensou que somente em Paper Mario o nosso encanador chegou no mundo dos itens de escritório e escola? Está enganado! Há diversos produtos de papelaria com a cara de Mario e seus amigos para você levar para a escola, faculdade ou somente para o seu trabalho.
Além dos produtos exclusivos do Club Nintendo, também há uma linha de cadernos e estojos inspirados no nosso encanador favorito que a Foroni trouxe para o mercado brasileiro. O lançamento foi feito em 2017 e ainda temos alguns produtos da franquia disponível para compras em papelarias e lojas online, incluindo da própria Foroni.

Brinquedos

Bem, se tem uma coisa que não falta são brinquedos licenciados (e não licenciados) do bigodudo e sua turma. Há uma infinidade de brinquedos, jogos e action figures criadas para a série. Abaixo vamos fazer um rápido apanhado de alguns deles:

O UNO do Mario, no qual os personagens da série estão estampados nas cartas juntos dos respectivos números e cores. As regras do jogo são as mesmas do UNO original, a diferença é puramente cosmética.

Há também uma edição mais antiga desse UNO, intitulada Nintendo UNO, mas só aparecem personagens do universo Mario em designs da época do Nintendo 64.

Alguém aqui tá jogando Clubhouse Games: 51 Worldwide Classics (Switch) e se imaginou jogando uma edição de xadrez com os personagens do Mario? Saiba que isso é possível:

Os dois times apresentam Mario e Bowser como reis, acompanhados de Bowser Jr. e Luigi de rainhas e os outros personagens como Peach, Daisy, Birdo, Yoshi e tantos outros compondo os papéis das outras peças do jogo. Como nota pessoal devo dizer que cobicei demais esse jogo em lojas de brinquedo.

É também possível comprar os vários personagens do universo Nintendo e cobrar seus adversários por caírem nos seres que você adquirir. Sim, há um Monopoly dedicado à Big N. E também há uma versão exclusiva do nosso encanador, onde os mundos do clássico Super Mario Bros. que completa 35 anos de existência.


Já brinquedos temos várias versões, desde bonecos simples como versões mais sofisticadas até as versões da Nendoroid e o lançamento da parceria da franquia com a LEGO, trazendo para a vida real os cenários do jogo.

Roupas

No departamento de moda Mario não faz feio, podemos encontrar roupas de diversas marcas e estilos lançando peças com estampas e designs baseados no personagem. Das marcas cujas linhas foram licenciadas, temos a coleção da Forever 21:


Aqui no Brasil a Riachuelo lançou uma coleção de roupas inspiradas no encanador em 2017.

Comidas

Se quiser relembrar a história do encanador como brinde nos McLanches Feliz, saiba que já fizemos uma matéria sobre isso aqui no Blast. Aqui não focaremos em Mario como brinde, mas como estampa direta de algum produto alimentício. Como esse pacote de cereais que serviram para anunciar o recente clássico Super Mario Odyssey (Switch):



O pacote de cereal, além de acompanhar a comida matinal feito pela Kellogg's, também funcionava como um amiibo exclusivo do jogo. Mario já estampou embalagens de Coca-Cola, chocolates Milka e Kinder e até teve seu próprio doce em formato de estrela:





Além de participação secundária nos lanches felizes, não temos histórico de nenhuma dessas delícias chegando diretamente ao Brasil. É possível que empórios e lojas especializadas em produtos importados tenham trazido esses ou outros produtos parecidos, mas nada de um lançamento oficial direto.

Mangá

Acredite ou não, Mario possui um mangá que está no mercado desde 1990. Na verdade, ele possui várias publicações de quadrinhos e mangás. A mais famosa delas é Super Mario-kun, uma série de mangá que é atualizada mensalmente pela CoroCoro Comic, revista de mangás voltadas para o público infantil. Nela há outras séries de peso como Doraemon e Pokémon.


Super Mario-kun é uma obra que reconta histórias dos games do Mario, com uma liberdade poética relativamente ampla, Mario é apresentado com um visual bastante diferente do que aparece nos jogos e o mangá se atualiza com os arcos de jogos que vão sendo lançados paulatinamente à série mensal.

Quando começou, os desenhos focavam em Super Mario World (SNES) e, ao passo que os meses e anos foram passando, as histórias acompanharam a linha de lançamentos da Nintendo até chegarmos hoje em que o mangá conta histórias em Super Mario Odyssey.

Além do Japão. o mangá recebeu tradução para a Espanha e França. Será que um dia alguma editora o tratá para o Brasil?

Audiovisual

De todas as obras que foram para o cinema e televisão com inspiração em Super Mario, temos duas: a série animada, o The Super Mario Bros. Super Show (1989) e o filme em live-action, Super Mario Bros. (1993). Ambos são… únicos, por assim dizer.

Animação apresenta um visual bem diferente do que conhecemos e combina cenas de live-action com pedaços animados. Na história principal, Mario e Luigi, quando consertavam um banheiro no Brooklyn, entraram em um cano e foram parar no Reino dos Cogumelos, salvando a Princesa Peach (conhecida como Princess Toadstool) e Toad de Bowser. Depois de salvá-los, a missão dos irmãos era retornar para sua residência no Brooklyn.

Caso você que esteja lendo não conheça a série, segue abaixo o trailer:


Além de episódios dos irmãos encanadores, às sextas o show apresentava episódios focados na série The Legend of Zelda. Recentemente a dublagem brasileira bem-humorada de Toad ganhou a graça da internet nas mídias sociais. Aconselho a dar uma procurada em um compilado de melhores momentos.

Quanto ao filme, ele é bem distante do que esperaríamos de um filme do Super Mario. A pegada da película é no campo do real, com um Yoshi que parece, até demais, com um dinossauro de verdade. O filme é livremente baseado nos jogos e apresenta uma releitura do universo. Deem uma olhada no trailer abaixo:


Super Mario 35th

Como forma de comemorar os 35 anos do seu mascote, a Nintendo anunciou inúmeras parcerias com várias empresas para que tenhamos Mario em vários lugares. Isso inclui um tênis esportivo da Puma, novos brinquedos feitos pela Jakks e LEGO, produtos exclusivos das lojas da Nintendo em Londres, Tóquio e Nova York, além de edições exclusivas dos jogos Jenga e Monopoly, pela Hasbro.




E o falta falar?

E você acha que acabou? Nananinanão, ainda temos os dois grandes eventos que chegarão para o nosso encanador fora dos cartuchos do Nintendo Switch. Desde 2015 esperamos para conhecer a Super Nintendo World, divisão da Universal Studios Japan que abrigará o mundo do Super Mario na vida real. Nele poderemos viver como se estivéssemos no jogo.

Essa área de parque estava planejada para ser inaugurada junto das Olimpíadas de 2020, mas seu lançamento foi adiado dada a pandemia de COVID-19 na qual o mundo se encontra atualmente. No momento ainda não temos novidades sobre sua abertura ao público. E as obras da área no parque da Flórida foram adiadas indefinidamente.


Para finalizar, temos também outra grande promessa para os fãs: o novo filme animado do Super Mario. O estúdio Illumination, o mesmo responsável pela franquia Meu Malvado Favorito (Despicable Me, no original em inglês) e seus adorados Minions, está produzindo o filme em animação do encanador. Não temos nenhuma informação sobre esse filme, a não ser que tem previsão de lançamento em janeiro de 2022 e, mesmo com as dificuldades apresentadas pela pandemia, a produção do filme segue normalmente.

Ufa, foi uma longa matéria, quem diria que poderíamos encontrar tantas coisas legais do Mario fora dos videogames, não é mesmo? Conta pra gente aqui nos comentários se você possui algum desses produtos ou gostaria de ter!

Revisão:
Icaro Sousa

Estudante de Sistemas da Informação que gostaria de aprender todas as línguas existentes, mal sabendo lidar com as duas que já fala. Descobriu seu amor pela Nintendo ao conhecer Super Mario 64 e desde então nunca mais largou os cogumelos, karts e rúpias que encontrou em seu caminho.


Disqus
Facebook
Google