Switch é o console mais vendido nos Estados Unidos pelo quinto ano consecutivo; Confira os dados

A Nintendo ainda conseguiu colocar 6 títulos na lista dos 20 jogos mais vendidos em 2022 no país.

O analista do mercado norte-americano de jogos eletrônicos, Mat Piscatella, divulgou os levantamentos de vendas do grupo NPD, especialista em análises da indústria nos EUA. E pelo quinto ano consecutivo, o Switch foi o console mais vendido no país.


O híbrido da Nintendo foi seguido pelo PlayStation 5, que foi o console de maior faturamento em 2022. O terceiro lugar ficou com o Xbox Series. Em termos gerais, o mercado de games ultrapassou os US$ 56,6 bilhões, o que representou uma queda de 5% em comparação a 2021.

Para Piscatella, os fatores que impactaram o resultado do ano passado incluem condições macroeconômicas, o número reduzido de lançamentos de títulos AAA e a persistência das questões de fornecimento de suprimentos, como os semicondutores.

Com relação aos softwares, a Nintendo emplacou seis títulos na lista dos 20 jogos mais vendidos no ano. A Sony foi a segunda produtora com mais games no ranking, ocupando quatro posições. Confira o Top 20 completo, lembrando que as vendas digitais não estão incluídas:
  1. Call of Duty: Modern Warfare 2 (Activision Blizzard)
  2. Elden Ring (Bandai Namco)
  3. Madden NFL 23 (EA)
  4. God of War: Ragnarok (Sony)
  5. LEGO Star Wars: The Skywalker Saga (Warner)
  6. Pokémon Scarlet/Violet (Nintendo)
  7. FIFA 23 (EA)
  8. Pokémon Legends: Arceus (Nintendo)
  9. Horizon II: Forbidden West (Sony)
  10. MLB: The Show 22 (Sony)
  11. Mario Kart 8 (Nintendo)
  12. Call of Duty: Vanguard (Activision Blizzard)
  13. Gran Turismo 7 (Sony)
  14. Kirby and the Forgotten Land (Nintendo)
  15. NBA 2K 23 (Take 2)
  16. Sonic Frontiers (Sega)
  17. Gotham Knights (Warner)
  18. Minecraft (Xbox Studios)
  19. Nintendo Switch Sports (Nintendo)
  20. Super Smash Bros. Ultimate (Nintendo)
O desempenho do console híbrido da Nintendo continua quebrando recordes ao redor do mundo, mesmo se aproximando do seu sexto aniversário.


Nascido no mesmo dia que Manoel Bandeira (mas com alguns anos de distância), perdido em Angra dos Reis (dos pobres e dos bobos da corte também), sob a influência da MPB, do rock e de coisas esquisitas como a Björk. Professor de história, acostumado a estar à margem de tudo e de todos por ser fora de moda. Gamer velho de guerra, comecei no Atari e até hoje não largo os mascotes - antes rivais - Mario e Sonic.


Disqus
Facebook
Google