Vem aí

Prévia: Yoshi's Woolly World (Wii U) será fantasia e diversão com toques de lã

Fofura da Nintendo, Yoshi's Wooly World encanta público e investe novas ideias em um mundo criativo, divertido e cheio de novidades.

O mais novo jogo de Yoshi é uma das grandes promessas da Nintendo para a E3 2015 e seu lançamento próximo já está causando boas expectativas entre os jogadores. Com um pouco de linha, algumas rampas, blocos coloridos e muita magia nintendista no ar, Yoshi's Wooly World é diversão com doses de quebra-cabeça e exploração. Acompanhe nas linhas abaixo o que já sabemos dessa aventura e por que devemos ficar de olho neste esperado sucesso.

Uma longa e velha jornada

A história de Woolly World é longa. Inicialmente, denominado Yarn Yoshi, em menção clara ao também tricotado jogo Kirby’s Epic Yarn, o título prometia resgatar o passado da série com uma nova roupagem (perdoem-me o trocadilho) agora em lã. No breve anúncio no Nintendo Direct de 2013, o jogo mostrou boa parte das mecânicas e estética do jogo, além de sua supervisão por Takashi Tezuka, também presente na equipe que produziu o título homônimo de Kirby. Fato é que o jogo ficou oculto por um bom tempo, até ressurgir durante a E3 2014, com um novo nome, novos vídeos, e até a possibilidade de fazer um Hands-on na feira.

E o resultado parece que está se concretizando. Após testes na Europa (alguns jornalistas sortudos receberam-no para testar antes do lançamento, dia 26 de junho por lá), já podemos adiantar muitas das diversas características presentes nessa nova aventura. A Good Feel está mostrando força com este novo título dinossáurico da Nintendo, de modo a tentar reviver os tempos áureos de Yoshi's Island (SNES) ou as aventuras de Yoshi’s Story (N64), além de limpar um pouco a reputação depois do último jogo (New Island, você está aí?).
Se você também leu E3 aí em cima, acalme-se, pois ela já está chegando...

Jogue em casa, no friozinho e com um bom cappuccino

E o que dizer de um cachecol? Sim, o hype cresce a cada momento e novidade revelada. Seguindo a linha dos jogos criativos da série, e até da Nintendo em geral, os verbos coletar e descobrir serão constantes aqui. E eles vão desde puxar um fio do cenário para abrí-lo e revelar caminhos secretos, jogar fios de lã para construir plataformas, engolir inimigos e criar bonitos novelos, e até mesmo usar o poder da transformação da forma mais fofa possível: vire um avião, motocicleta, guarda-chuva ou marreta de pano. Estes são só alguns dos exemplos, as possibilidades são amplas.
Diversos itens colecionáveis e puzzles estarão presentes
Outro aspecto interativo com os cenários e que está chamando a atenção tem um nome: Mega Yoshi. Com sua fofura gigante, o dinossaurão pode destruir tudo e coletar ainda mais itens, algo semelhante ao já visto em New Super Mario Bros. (DS). Entre os itens, há diversos confirmados, como as já conhecidas Flowers, a moeda do jogo Bead, os Stamp Patches — carimbos já famosos em Super Mario 3D World — e os Wonder Woods, cápsulas de Yoshi que, quando coleradas as cinco em cada fase, liberam novos modelos do personagem.
Pega, pega!
Além disso, a aventura poderá ser controlada de diversas maneiras: através do GamePad, do Wii U Pro Controller, do Wii Remote, do Wii Remote + Wii Classic Controller Pro, e até usando um cachecol enquanto joga ao lado de seu amiibo fofo do Yoshi de lã, chamado Yarn Yoshi. Também será possível jogar com dois Yoshis multiplayer, usando dois amiibo de lã, ou com um Yoshi e outro personagem da série. Engolir seu “amiibo” irá fazer com que ele se transforme em um novelo de lã até que seja arremessado em algum canto.

E por falar nos amiibo, diferentes modelos também poderão ser usados, incluindo personagens da franquia Super Mario. Já existe uma lista de visuais que podem ser desbloqueados com o uso desses brinquedos tão raros. Imaginem um Yoshi com cara de Mario, ou de Donkey Kong, ou até mesmo de Link? Pois é, fofura pouca é bobagem, queremos todos esses amiibo nas lojas também, ouviu Nintendo?
Meo Deus que fofo!!!

Belezas doces, coloridas e fofas...

Não há como negar que a Nintendo vem caprichando em muitos de seus título, sejam eles títulos de peso (AAA) ou não, quanto à qualidade gráfica. Um exemplo foi Captain Toad: Treaseure Tracker (Wii U), e isso pode estar acontecendo ou por conta da concorrência ou mesmo pela tradição da companhia em dar o máximo em banho visual nos jogos que mais pedem por um brilho, digamos, mais fantasioso. O trabalho estético apresentado em Woolly World promete ser um dos mais bonitos vistos em um videogame.
Indiana Yoshi Jones... 
Com visuais belíssimos, sempre inspirados em retalhos e com muitos objetos presos a fios de lã, os cenários seguem o esquema 2.5D, com algumas inclinações ao final das fases, mas nada que o considere algo de diferente de um bom jogo de plataforma. A trilha sonora também é um dos destaques e promete agradar com variedade e toques tranquilos para a aventura cerebral que virá.

E pode esperar por personagens antigos, vilões e elementos mágicos que conhecemos, desde Shy Guys de lã às Piranha Plants de diversos tamanhos, passando por Kamek, Cheep-Cheeps, Bullet Bills (imaginem só como ficarão em tecido), entre tantos outros. Só quem não apareceu foi o bebê Mario chorão, mas desse ninguém tava sentindo falta mesmo...
Velhos e novos amigos estarão fazendo a festa...

Como assim… de lã?

Pois é, se você ainda não acredita na sucesso do jogo, aqui vai uma esperança: de acordo com o que foi visto até agora, o nível de dificuldade também é outro aspecto que promete não ficar para trás e ele não será “facilitado”, como aconteceu em Epic Yarn e New Island. Para manter o nível e, ainda assim, atrair jogadores casuais, haverá um modo, digamos, diferenciado, chamado Mellow Mode, em que o personagem dispõe de asas para atravessar mais facilmente os cenários. Pode não ser um dos melhores facilitadores, mas quem jogou Super Mario Sunshine sabe o quanto F.L.U.D.D. pode ajudar.
Como vencer um peixe de lã? Jogando mais lã, oras...
Se você é adepto do só acredito vendo, espere por mais alguns dias até o lançamento ou garanta já uma cópia na pré-venda deste que promete ser um dos melhores jogos de plataforma da Nintendo este ano. Aguardar por ele apenas faz parte do processo. Agora, com licença que vou terminar de tricotar o meu cachecol vermelho e azul...

Yoshi's Woolly World — Wii U
Desenvolvimento: Good Feel
Gênero: Plataforma
Lançamento: Outono de 2015, 25 de junho (Australia) e 26 de junho (Europa e Japão)
Expectativa: 5/5

Revisão: José Carlos Alves
Capa: Angelo Gustavo
Jaime Ninice é mestre em Música pela UFRJ e aluno de Cravo (bacharelado) na mesma instituição. Além da música, possui especial admiração pelos games e pode ser encontrado escrevendo e revisando artigos no Nintendo Blast em momentos de descontração. Também está no Twitter e no MiiVerse.

Comentários

Fórum
Google+
Facebook


Últimas do Fórum

Ver mais

No Facebook

Ver mais