Vem aí

Prévia: Mario Tennis Aces (Switch) será o game definitivo da franquia?

O game promete bastante conteúdo, opções para variados tipos de jogadores e muita competitividade.


Mario Tennis Aces foi anunciado pela Nintendo em um Direct Mini em janeiro deste ano. Ainda sem muitos detalhes, o trailer apresentava aos olhos atentos alguns retornos à franquia. Mario deixou de lado o tradicional macacão e vestiu um novo uniforme de tênis, fato curioso é que isso não ocorria desde o primeiro game, lançado no esquecido Virtual Boy. O outro fato, que animou vários fãs, é o retorno de um modo história, lembrado com carinho pelos jogadores devido às ótimas versões do jogo para GBC e GBA.


Foi uma ótima primeira impressão, mas as feridas abertas por quem esperava uma evolução da franquia no Wii U ainda não haviam cicatrizado. O primeiro jogo da série com imagens HD, Mario Tennis: Ultra Smash, apesar de apresentar um visual atraente, decepcionou os fãs por não trazer grandes inovações, e pelos cortes em modos de jogo, número de personagens, arenas e até minigames. O salto de qualidade gráfica e a jogabilidade fluida não compensaram o conteúdo que foi disponibilizado.

Encontrando a fórmula mágica

No evento de apresentação do Switch, a “Big N” mostrou que estava disposta a aprender com seus erros e acertos e a corrigir os problemas do seu último console. Ao mostrar o conceito do híbrido, eles apresentaram um vídeo mostrando que a inspiração veio de partes de cada um de seus antecessores, criando uma fórmula a partir dos sucessos anteriormente conquistados.

Coincidentemente, o primeiro jogo do Mario para a nova plataforma seguiu um conceito parecido. Olhando para trás, observando o que fez sucesso, recriando este sucesso numa roupagem mais atual, mas não esquecendo que o coração da empresa também está em inovar. E assim surgiu Super Mario Odyssey, com referências claras ao Super Mario Bros e inspirado principalmente em Super Mario 64, mas trazendo novidades amadas por quem jogou o game (estou olhando pra você, Cappy).

Mario Tennis Aces, em tudo que foi divulgado até o momento, parece pegar emprestado esta fórmula. O que deu certo nos jogos anteriores foi anunciado de volta, mas desta vez com um gameplay muito mais competitivo, que satisfaz os jogadores mais hardcore, e ainda assim com opções para todos os tipos de público, entregando um ótimo jogo para os casuais, os que gostam de controle de movimento, e também os fãs do esporte que só querem se divertir com um bom jogo de tênis.


Servindo as novidades

Opção é uma das palavras chaves do game. As pancadas básicas na bola, para quem já está familiarizado com esses games, podem ser acessadas com os botões BAYX: Topspin (bola rápida que quica bastante), slice (bola lenta, quica menos e costuma curvar), flat (bola mais rápida que as anteriores, mais reta), lob (voleio, para tentar encobrir o adversário), e drop shot (bola curta, jogada mais próxima a rede).

Além destes, mas ainda no básico do jogo, existem o Star Shot (realizado dentro das estrelas marcadas no solo), Charge Shot (segurando o botão para bater mais forte na bola), Powerful Shot (com efeito parecido com o charge shot, mas usado apertando o botão duas vezes) e o Leap Shot (usado apenas no modo de regras simples, para tentar alcançar bolas fora do alcance).

O que geralmente são opções loucas e divertidas, e que diferenciam os jogos de esporte do Mario de outros mais realistas, neste caso deu uma cara mais competitiva ao game, com diversas opções tanto de ataque como defesa, o nível de complexidade das partidas e a estratégia utilizada, pode ser bem alto, de acordo com a afinidade dos jogadores com os novos recursos.

O primeiro dos novos truques é o Zone Shot, que pode ser usado ao apertar o botão R em cima de uma estrela. Ao fazer isso você consegue mirar com o giroscópio dos controles do Switch (ou se preferir, com o analógico), para uma perfeita precisão de onde quer mandar a bola, em alta velocidade. Caso um jogador tente defender um Zone Shot e aperte o botão no tempo incorreto, isso causará um dano na sua raquete.

Após três vezes atingida a raquete se quebra e, se não houver outra, a partida termina com sua derrota (na demo havia uma reserva). Não há dano porém se o tempo correto de defesa for acertado. Para facilitar essa defesa, também foi criado o Zone Speed. Segurando o botão R, é possível diminuir a velocidade do ambiente, no melhor estilo Flash ou Mercúrio, permitindo o personagem correr e chegar a tempo na bola, e executar a defesa com maior tranquilidade.

Estes recursos não são ilimitados, foi criada também uma barra circular de energia, semelhante a stamina de Zelda BotW. Quanto mais tempo os adversários conseguirem manter a bola em jogo, mais a barra enche. O Trick Shot, foi criado como uma forma de encher a barra mais facilmente, caso você acerte-o no tempo certo, mas funciona também como uma ótima forma de se movimentar rapidamente pela quadra para alcançar bolas difíceis.

Se errar o Trick Shot, você desperdiça energia, mas se acertar, seu nível de energia aumenta consideravelmente. Ao preencher totalmente a barra, é possível usar o ataque mais poderoso: o Special Shot. Este movimento tem uma animação particular para cada personagem e gasta boa parte da barra de energia. Assim como no Zone Shot é possível mirar com os controles de movimento. O personagem efetuará uma pancada muito forte e rápida, capaz de destruir a raquete do adversário com apenas um golpe.

Em relação a tudo o que já foi dito sobre evolução e opções, algumas considerações já podem ser feitas aqui. Zone Shot parece uma evolução dos Jump Shots presentes no Ultra Smash (Wii U). Movimentos especiais de ataque e defesa já estavam presentes em Mario Power Tennis (GC). Aqui essas boas referências foram melhoradas para criar partidas com trocas de bola consistentes, e que podem ter viradas a qualquer momento, sem apelar para a sorte. Dando oportunidade aos jogadores mais competitivos de elaborarem estratégias diferentes e criar seu próprio estilo de jogo.

Opções para todo tipo de jogador

O game segue a famosa fórmula Nintendo: simples de jogar e se divertir, para toda a família, mas exigindo um pouco mais de prática para masterizar as habilidades e se sobressair em partidas multiplayer. Para quem gosta de desafios, haverá torneios online, assim como foi o de teste que ocorreu entre os dias 1 e 3 de junho. Estes eventos premiarão os participantes com novos personagens e equipamentos. Há uma mensagem no trailer, informando que haverá formas de se obter estes prêmios depois, para quem não puder participar.

Para quem joga sozinho o Tournament mode está de volta. Existem três níveis de dificuldade (Mushroom, Flower e Star Cup). Também será possível jogar local ou online com os amigos ou adversários aleatórios em até quatro jogadores (4 em um mesmo Switch local, 2 em cada Switch online). Algumas quadras disponíveis tem alguns recursos estilo festa, como pedestres passando, um mastro de navio no centro, espelhos que mudam a trajetória da bola ou plantas carnívoras.

Já para aqueles desejam opções mais tranquilas do que o modo padrão, é possível jogar com regras simples, sem barra de energia e movimentos especiais. Uma terceira opção é o Swing Mode, onde é possível jogar com o joy-con funcionando como uma raquete, totalmente com controles de movimento. Entre as opções deste modo estão Big Ball, onde a bola fica maior, Rally Challenge, e outros.


Um novo reino, uma nova aventura

Por si só o game já tem bastante conteúdo, mas para familiarizar os jogadores com as novas mecânicas, a Camelot, desenvolvedora do jogo, buscou inspiração nas raízes portáteis da franquia, nos jogos de Game Boy Color e Advanced, e trazendo desde então, uma nova campanha single player, com alguns toques de RPG, o Adventure Mode. Diferente destas versões, e de forma inédita, desta vez os protagonistas são os próprios personagens do universo de Mario.

Wario e Waluigi estão sempre causando problemas durante as intros de Mario Tennis, e isso não mudou na história deste game. Desta vez o torneio se passa no reino de Bask. Pelo trailer podemos ver que Luigi é dominado pelo poder de uma raquete misteriosa, enquanto estava no Marina Stadium e desaparece em um portal com os dois vilões, também transformados. Assim, Mario parte em uma aventura para salvar o irmão.


Ao chegar no templo de Bask, Mario encontra Aster, um toad guardião do rei Bask. Aster conta que ele é o encarregado de vigiar Lucien, a raquete lendária. Lucien é uma perigosa raquete que tem o poder de controlar as pessoas. Uma vez admirado pelo poder da raquete, o antigo rei Bask tomou-a para si, o que acabou resultando na destruição do reino.

Com suas últimas forças, o rei Bask conseguiu selar Lucien, retirando dela seu poder. Ele então dividiu tal poder em 5 esferas, chamadas de Power Stones, e escondeu-as em diferentes áreas da ilha. Para garantir que Lucien não recuperaria seu poder, ele escondeu a raquete em uma sala secreta no templo. Mas com muitas eras se passando, o salão ruiu, quebrando o selo. Wario e Waluigi ouviram o mito da raquete lendária e a roubaram.

Agora Mario precisa conseguir as Power Stones antes de Lucien, para salvar Luigi do controle da raquete lendária. Durante o caminho ele enfrentará diversos desafios, como partidas contra outros personagens, desafios de minigames e chefes. Mario vai subindo de nível, melhorando suas habilidades e conseguindo novas raquetes com diferentes atributos. Os cenários que ele terá que passar incluem a floresta, a mansão, a neve, o mar e as chamas.


A turma do Mario entra em quadra

Mario Tennis Aces conta com 16 personagens já anunciados, com a promessa de que mais personagens podem ser desbloqueados. Cada personagem tem um tipo específico, que influencia em suas técnicas e habilidades. São eles:
  • All-Around (balanceado): Personagens com características equilibradas, não possuem pontos fracos, mas também não se diferenciam em nenhum aspecto, costumam bater na bola de forma eficaz e tem boa velocidade. São indicados a jogadores iniciantes. Neste grupo estão Mario, Luigi e Daisy.
  • Technical (técnico): Possuem bom controle de bola e são capazes de acertar mais facilmente os cantos distantes da quadra. Seus Zone e Special Shots não são tão rápidos quanto os de outros personagens. Neste grupo se encontram Peach e Toadette.
  • Powerful (poderoso): A característica principal destes personagens é rebater as bolas em alta velocidade. Não conseguem se mover com muita velocidade. São indicados a jogadores com estilo mais ofensivo. Neste grupo se encontram Wario, Bowser, Donkey Kong, Spike e Chain Chomp.
  • Defensive (defensivo): Estes personagens tendem a cobrir uma longa área do court, facilitando para que jogadores mais defensivos consigam retornar as bolas para o lado do adversário. Neste grupo se encontram Waluigi e Bowser Jr.
  • Speedy (rápido): Personagens rápidos conseguem percorrer de um lado ao outro da quadra facilmente, graças às suas pernas ligeiras. Neste grupo se encontram Yoshi e Toad.
  • Tricky (“trapaceiro”): Personagens trapaceiros costumam curvar bastante as bolas. Seus golpes tomam trajetórias bem difíceis para que os oponentes consigam prever as jogadas. Neste grupo se encontram Rosalina e Boo.

Mesmo com as tipagens, os personagens possuem características únicas entre si. Por exemplo, Mario e Luigi são ambos All-Around. Luigi não rebate as bolas com tanta velocidade como Mario, mas é melhor nos voleios e uma força a ser considerada mais próximo a rede. Até mesmo peso e altura influenciam nas características de cada um.

Alguns cenários já foram anunciados no site. O Marina Stadium é o centro das atenções, e possui versões diurna e noturna, incluindo diversos tipos de pisos diferentes. Bask Ruins é uma quadra no deserto. Drop Shots são a chave neste cenário, pois a bola não quica muito. Piranha Plant Forest é uma quadra de grama, com diversos canos com plantas piranhas, que engolem a bola e cospem de volta. Mirage Mansion é uma quadra com espelhos levitantes, que funcionam como portais, a bola entra em um e sai no outro do lado adversário.


Dúvidas e Especulações

Por fim, algumas das questões que ficam sem resposta por hora são quão grande e divertida é a campanha principal, quais serão os novos personagens liberados, quais e como serão as novas roupas e raquetes dos personagens. Em um trailer é possível observar uma raquete que parece um casco verde. Quem jogou a demo já irá receber a roupa padrão com suspensórios do Mario.

Durante o torneio teste realizado, muitos usuários reportaram problemas com lag. É um ponto que pode atrapalhar a experiência online e esperamos que a Nintendo se pronuncie caso continue acontecendo após o lançamento do jogo. Será que o desempenho melhora ou precisaremos aguardar o serviço pago, Nintendo Switch Online, para corrigir estes problemas? 

O modo campanha terá vários minigames, mas nada foi anunciado em relação ao fator replay, ou se serão acessíveis diretamente, por fora da campanha. Será que haverá comparação de resultados com amigos e um rank mundial como em Mario Odyssey? Outra dúvida é uma área do site chamada de Activity Zone, ao se passar o mouse por cima, a escrita muda para "em breve", deixando claro que ainda há surpresas.

Petey Piranha é um dos bosses do modo campanha, será que existe a chance dele voltar como personagem jogável? Dry Bones aparece no modo história e no tutorial do teste online e também deve dar as caras nas quadras. A silhueta no trailer quando é informado sobre novos personagens lembra bastante um Koopa Troopa. Será que podemos esperar personagens convidados de outras franquias da Nintendo, como em Mario Kart?


Com tantos recursos, conteúdo e gameplay empolgante, Mario Tennis Aces tem tudo pra superar todos os seus antecessores, se tornando, assim como Mario Kart 8 Deluxe foi para sua franquia, a versão definitiva do game. Uma grande sacada da Nintendo na direção certa!
Mario Tennis Aces — Switch
Desenvolvimento: Camelot
Gênero: Esporte
Lançamento: 22 de junho de 2018
Expectativa: 5/5
Revisão: Pedro Franco
Lucian Helan é formado em Redes de Computadores, mas gosta mesmo é de pilotar uns Karts por aí, atirar plasma com seu mega buster, correr em loops a toda velocidade e derrotar crocodilos ladrões de bananas. Seus sonhos incluem, pilotar uma X-Wing, andar no recreio com o Peter Parker e conseguir um tempo para se dedicar ao seu Instagram.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook