Perfil

Crasher Wake, torrencial como um tsunami

Hora de cair na piscina para um embate aquático contra um dos mais carismáticos líderes de ginásio da região de Sinnoh.

Os pokémon do tipo WATER dominam as regiões por onde são encontrados, seja por sua população acima da média em relação aos demais tipos e stats equilibrados ou porque simplesmente são os melhores monstrinhos que a franquia oferece. Brincadeiras à parte - ou não - o tipo WATER é a especialidade de líderes em sete das oito regiões existentes no universo Pokémon, ou seja, são muito comuns.

O elemento que traz a vida é sem dúvidas um dos mais presentes e com isso é natural que muitos treinadores importantes utilizem-no como sua principal ferramenta. Curiosamente, a quarta geração não é conhecida por suas rotas aquáticas. Longe disso. Sinnoh é uma região montanhosa e possui grande parte de suas cidades em grandes assentamentos de terra firme.

No entanto, uma delas, Pastoria, não é tão “firme” assim. Como o nome sugere, um pasto é composto por, em sua maioria, grama e lama. E o que faz a terra virar lama? Água, claro! Sendo assim, é quase natural que o líder desta cidade escolhesse esse como seu tipo principal. Para saber mais sobre ele, prepare o direcional de seu Nintendo DS, senão a Miltank vai pro brejo! Boa leitura!

Água enlameada

Mais conhecido pelos treinadores como Montanha (adaptação de seu nome no Brasil), Crasher Wake é o quarto líder de ginásio de Sinnoh e possui uma forte relação com os famosos “luchadores”, basta reparar em sua máscara. Inclusive, é o único líder até o momento que se apresenta com seu “nome de palco” ao invés de seu nome verdadeiro.

Para quem não sabe, seu nome é a combinação dos termos “Crash” (remetendo ao estouro de uma onda) e “Wake” (rastro triangular criado pelos navios ao navegarem), logo, há total relação com seu tipo dominante, WATER.


Na série animada, Crasher Wake é uma figura importante na cidade de Pastoria, já que é o juiz de uma famosa competição de Croagunk realizada todos os anos no Great Marsh, um grande pântano que serve como uma Safari Zone da quarta geração. Sua personalidade é vívida como a água e sua voz é altamente estrondosa. Seu treinamento envolve suportar técnicas de alto impacto, bem parecidas com a água, uma vez que um copo de 200 ml é inofensivo para uma pessoa, agora, uma onda de 30 metros… é outra história.

Aos habilidosos que conseguem derrotá-lo, é concedida a Fen Badge juntamente com o TM55 - Brine, um golpe aquático que tem seu poder dobrado caso o usuário esteja com 50% ou menos de seu HP total, combinando muito com a estrutura de seu treinamento focado no vigor de seus Pokémon.

Hydro Vortex

Se houvesse um jogo de luta em que Crasher Wake fosse um personagem jogável, com certeza seu especial teria esse nome. Embora seja um Z-Move três gerações no futuro, o conceito é completamente aplicado nas versões originais da quarta geração, afinal, todos os membros de sua equipe podem aprender o golpe Whirlpool, que nada mais é do que um redemoinho.

E por falar em reviravoltas, não é que nosso querido Wake é um dos mentores de Maylene, a líder de ginásio da cidade de Veilstone? Ambos são lutadores e possuem uma relação mestre/aluno pouco vista entre líderes.

Como dissemos anteriormente, todos os anos na cidade de Pastoria há um grande festival envolvendo os Croagunk, simpáticos Pokémon dessa região e responsáveis por grandes momentos no anime, já que Brock sempre recebe um Poison Jab à cada cantada nas enfermeiras Joy e oficiais Jenny. Sua defesa de ginásio contra Ash foi bem direta em um embate 3x3 emocionante. Seu principal Pokémon, Floatzel, é mais forte e mais rápido do que o Buizel do treinador da cidade de Pallet.

O que Crasher Wake não contava era com a criatividade de Ash e com a determinação sem fim de Buizel (Bui Bui!), que disparou um poderoso Water Pulse em sua evolução, nocauteando-o em seguida. A quarta insígnia foi conquistada logo de primeira, a única nessa região que teve esse tratamento.

Crasher Wake e seus comandados

A equipe utilizada por Montanha, tanto no anime quanto nos jogos, pode ser bem ameaçadora, até mesmo para desafiantes que carregam golpes do tipo ELECTRIC e GRASS, em virtude dos tipos secundários de seus Pokémon.


Uma rápida olhada nesta equipe e dois de seus Pokémon são nocauteados. Gyarados é e sempre será o Pokémon atrocidade, inclusive, é uma peça fundamental da melhor equipe para vencer essa região com facilidade. Não se deixe enganar com o Quagsire, pois seu rosto de Ditto engana mais do que a meleca rosa. Quanto ao Floatzel, cuidado com mordidinhas de gelo!

Em Pokémon Platinum temos uma revanche na Survival Area e agora, com cinco Pokémon do tipo WATER à disposição, seremos dizimados, certo? Não...infelizmente. Alguns membros de sua esquadra afundam muito rápido e não representam os aquáticos como deveriam. Ainda que tenha um Sharpedo, faltam outros torpedos para causar danos maiores à nossa equipe.

O que esperar de Crasher Wake

A ideia é que com a alteração das mecânicas ao longo dessas quatro gerações possam aprimorar o desafio de seu ginásio e também em relação ao prêmio, pois golpes como Scald e Flip Turn são bem comuns hoje e seriam bem utilizados durante a história de Sinnoh. Que em Brilliant Diamond/Shining Pearl permitam que Crasher Wake seja o melhor líder dessa região. Quem sabe, não é Game Freak/ILCA?

A liga de Sinnoh

  • Crasher Wake, torrencial como um tsunami

Referências: Bulbapedia
Revisão: Icaro Sousa
Capa: A Casa do Carvalho


Fã de carteirinha dos monstrinhos de bolso desde os oito anos de idade, teve seu primeiro contato com a franquia no Game Boy Color e desde então, são mais de 20 anos de alegria. Fanático por vídeo-games, gostaria de poder jogar mais tempo do que trabalha.
Este texto não representa a opinião do Nintendo Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google