Pokémon Blast

Quais são os Pokémon mais fortes encontrados cedo nos jogos?

Descubra os monstrinhos encontrados logo no início da aventura e que são extremamente dominantes ao longo da história.

O começo de nossas jornadas no Universo Pokémon é fundamental para medir o nível de dificuldade e as escolhas que fazemos a partir do primeiro momento são super importantes. Construir uma equipe equilibrada é talvez um dos maiores desafios dos treinadores, especialmente com o passar dos anos e a quantidade de monstrinhos crescendo a cada nova geração.

Logo nas primeiras rotas temos acesso a alguns Pokémon e, em todas as gerações, alguns desses monstrinhos se destacam por evoluírem de forma expressiva ao longo da jornada ou por ficarem prontos antes do primeiro ginásio.

Pensando nisso, separamos o Pokémon mais forte em cada geração e que pode ser encontrado nos primeiros momentos de nossa aventura. Boa leitura!

Critérios

Para que a lista seja construída de forma coesa, separamos uma série de condições a fim de estabelecer um padrão. São eles:
  • Os Pokémon presentes na lista podem ser encontrados em todas as versões de sua geração, ou seja, Pokémon exclusivos não serão incluídos;
  • Serão consideradas as versões mais atualizadas para cada geração, por exemplo, Heart Gold/Soul Silver serão a base e não Gold/Silver;
  • Os Pokémon presentes serão necessariamente encontrados antes do primeiro ginásio. No caso das versões Ultra Sun/Ultra Moon, consideramos o primeiro trial contra Ilima;
  • Pokémon considerados como Gift (presente) não serão considerados;
  • Caso haja a possibilidade de se encontrar um estágio evolutivo ou o estágio final, este será considerado em vez da forma base.

Red/Blue - Nidoran M

Na região de Kanto, há uma dupla de Pokémon que tem poder suficiente para vencer a campanha sem grandes dificuldades. Um membro desse duo é dominante e inclusive está no melhor time da primeira geração: Nidoran M.

Este Pokémon pode ser encontrado na rota 22, a oeste da cidade de Viridian, e será usado nas principais batalhas ao longo da jornada. Isso é possível em virtude da capacidade de atingir seu estágio evolutivo final, Nidoking, logo após o primeiro ginásio. Ainda, seu movepool é excelente e conta com diversos TMs poderosos.

Agora, o que diferencia o Nidoran M dos demais Pokémon no começo do jogo é o fato de ele aprender Double Kick, golpe do tipo FIGHTING e, por consequência, aplica dano dobrado no tipo ROCK do ginásio de Brock.

Ao atingir a forma de Nidoking, a combinação GROUND/POISON é bem forte na região de Kanto e, quando unimos ao seu excelente movepool, temos em mãos um dos Pokémon mais ameaçadores da primeira geração (do ponto de vista da história), perdendo apenas para o temido Alakazam.

Heart Gold/Soul Silver - Mareep

Nossa querida ovelha elétrica surge como um dos melhores Pokémon para a região de Johto e, de quebra, Kanto. Por ser um Pokémon do tipo ELECTRIC puro, há poucas ameaças na segunda geração. Encontrada logo abaixo da cidade de Violet, os benefícios de tê-la no time se destacam logo de cara.

O primeiro ginásio de Johto é do tipo FLYING, logo, há uma clara vantagem para Mareep. Assim que chegamos à cidade de Azalea, ainda que o tipo dominante do ginásio seja BUG, o principal trunfo do Bugsy é o Scyther, que também é do tipo FLYING, ou seja, vulnerável ao tipo ELECTRIC.

Ao longo de nossa jornada por Johto, tanto Mareep quanto sua linha evolutiva se saem muito bem, especialmente contra os membros da Elite Four, já que diversos Pokémon como Xatu, Crobat, Murkrow e Gyarados são facilmente derrotados por golpes elétricos, ainda mais se considerarmos o respeitável Special Attack de Ampharos.

Omega Ruby/Alpha Sapphire - Ralts

A presença de Ralts nesta lista se dá pelo fato de, seja nas versões originais ou remakes, este pequeno Pokémon ser capaz de causar grandes prejuízos aos oponentes. Na terceira geração, o tipo PSYCHIC não é dos melhores no final do jogo mas, no começo… a história é outra. Não é à toa que a Gardevoir está presente no melhor time para os remakes da terceira geração.

O primeiro ginásio de Hoenn, assim como em Kanto, é do tipo ROCK. Naturalmente, Pokémon desse tipo possuem mais Defense do que Special Defense e, desse modo, o alto Special Attack do Ralts causará muito dano mesmo sem ter vantagem direta de tipos. Ainda, o segundo ginásio na ordem padrão é FIGHTING, logo, há vantagem direta tanto no ataque quanto na defesa.

A situação fica ainda melhor nos remakes com a adição do tipo FAIRY e mega evolução. É simplesmente muito poder para poucos Pokémon suportarem mais do que duas investidas, especialmente pela quantidade de golpes poderosos que podem ser aprendidos pela Gardevoir para complementar a cobertura de dano ofensiva.

Diamond/Pearl - Starly

Starly talvez seja um dos — ou talvez o único — Pokémon desta lista que podem ser considerados como "incontestáveis", ou seja, estariam presentes de qualquer maneira. E olha, para ser sincero, não poderia ser diferente, haja vista quão completa é a linha evolutiva do Starly.

Ainda que não seja recomendado utilizá-lo no primeiro ginásio, em razão da combinação NORMAL/FLYING causar pouco ou quase nenhum dano no tipo ROCK de Roark e seus comandados, a partir do segundo ginásio começa a festa: vantagem de tipos absurda, habilidade excelente em Intimidate e a cereja do bolo fica para a principal diferença entre os Pokémon voadores da primeira rota: Close Combat.

Arrisco dizer que, se o Staraptor não pudesse aprender esse golpe, ainda teria certo sucesso, mas não essa "adoração" perante os jogadores da franquia. E digo mais: o simples fato de aprender Close Combat relativamente cedo no jogo, em torno do Lv.34, é um diferencial não só entre Pokémon do tipo FLYING, como também outros monstrinhos que poderiam ter acesso a esse golpe nesse ponto do jogo.

Como curiosidade, o Staraptor não fez parte do melhor time para a quarta geração e figurou apenas como Pokémon opcional. Ora bolas, como um Pokémon tão forte como este não está presente no melhor time de Sinnoh? A resposta é o inicial da geração, Infernape, ter praticamente a mesma função, só que sua execução é muito mais simples e vai além no quesito movepool.

Black/White - Musharna

A grande surpresa da lista apareceu quando eu estava pesquisando os Pokémon da região de Unova que aparecem nas primeiras rotas. Nesse momento, me deparei com a baixa quantidade de espécies e por haver dois Pokémon recebidos como presente.

Quando eu estava prestes a definir um Pokémon conhecido, percebi que um nome apareceu: Musharna. Sim, completamente fora da caixa. O "certo" seria o Lillipup, que está presente no melhor time para a região de Unova, contudo, avaliando as condições entre os dois, notei que o Pokémon que controla os sonhos é uma excelente opção.

O tipo PSYCHIC na região de Unova é relativamente forte e a distribuição de atributos da Musharna favorece um estilo de jogo caracterizado como "Bulky Offense", que, traduzindo de forma amigável, fica algo parecido com "Ofensiva Resistente". Em outras palavras, um tanque de guerra.

Uma característica da Musharna que pode afastá-la dos jogadores é que seu treinamento não contempla novos golpes por nível, apenas por TMs. Como a mecânica envolvendo essas técnicas foi alterada na quinta geração, não precisamos mais "guardar" uma determinada técnica em virtude da quantidade limitada desses itens, então golpes como Charge Beam, Energy Ball e Dream Eater são boas opções.

Black 2/White 2 - Riolu

O funcionário da Game Freak que decidiu disponibilizar o Riolu nas versões Black/White 2 antes do primeiro ginásio merece um prêmio, de verdade. Ter acesso a um Pokémon como este em qualquer estágio do jogo é bom, mas desde o começo? Melhor ainda!

O primeiro ginásio da continuação em Unova é do tipo NORMAL, algo que por si só garantiria um lugar fixo para Riolu em nosso time. Quando somamos isso ao método de evolução por felicidade, temos a chance de obter um Lucario antes do segundo ginásio, que é do tipo POISON. Como o chacal de Sinnoh é também do tipo STEEL, seremos imunes à principal ferramenta de dano da Roxie.

A parir desse ponto, o Lucario traz somente alegria aos seus treinadores, inclusive, seu tipo FIGHTING é muito dominante na região de Unova, nocauteando diversos Pokémon sem muito esforço; juntamente ao Samurott, formam uma combinação ofensiva praticamente imparável. Caso tenha curiosidade, veja mais sobre o Lucario no melhor time para as versões Black 2/White 2.

X/Y - Fletchling

Outro Pokémon que não faz parte do melhor time (neste caso, para a região de Kalos) figurando entre as melhores escolhas para o começo da jornada. Curioso, não? Todavia, o que faz um Pokémon elegível a participar da melhor equipe não é o começo do jogo, mas sim sua consistência em relação ao longo da história.

Dito isso, temos o exemplo perfeito no Fletchling. A sexta geração trouxe de volta o conceito de experiência coletiva para facilitar os primeiros passos dos jogadores mais novos e também para minimizar o fator grinding que os veteranos tanto conhecem.

O primeiro ginásio das versões X/Y é do tipo BUG, algo que não será muito problema. Conforme a história avança, a falta de potência sem a habilidade Gale Wings coloca o Talonflame em constante comparação com Charizard, que possui a mesma combinação de tipos em FIRE/FLYING , mas com uma "pequena" diferença: o inicial de Kanto possui duas mega evoluções...

Ultra Sun/Ultra Moon - Alolan Grimer

As formas regionais são grande parte do enredo das versões Sun/Moon e deram início a um padrão que vem sendo seguido pela Game Freak nas gerações atuais. A presença dessas formas ajuda a revigorar a franquia, enquanto permite que monstrinhos antigos recebam uma repaginada e possam ser encaixados de forma suave na história.

Um bom exemplo (e coloca bom nisso) é o Alolan Grimer. Com a enxurrada de Pokémon do tipo FAIRY sendo adicionados à Pokédex, nada mais justo do que promover um Pokémon capaz de derrotar as fadinhas.

A questão toda em torno do Alolan Grimer é seu potencial de crescimento: desde o primeiro encontro nas graminhas perto da escola da cidade Hau'Oli até a Elite Four, não há uma batalha importante em que sua linha evolutiva não participe.


A combinação de tipos POISON/DARK do Alolan Muk é incrível ofensivamente enquanto mantém uma consistência defensiva contra os Pokémon Totem e os quatro Tapu. Ademais, golpes fortes e bons atributos carimbaram sua presença no melhor time para Alola, seja nas primeiras versões como nas "continuações", Ultra Sun/Moon.

Sword/Shield - Grubbin

Após três anos jogando as versões Sword/Shield, percebi que um Pokémon específico pode ser obtido logo no início do jogo e que não está no melhor time para Galar. Em breve, atualizarei essa matéria para ir ao encontro do que falaremos a seguir.

O Pokémon em questão é o Vikavolt. Nas versões Sun/Moon, podemos obter o besouro elétrico apenas na última ilha, algo que foi remediado em Ultra Sun/Moon ao ser possível evoluí-lo logo na segunda ilha. E se eu contar para você que nas versões Sword/Shield nós podemos obter esse maravilhoso Pokémon logo que chegamos à Wild Area?

Isso mesmo, você não leu errado. Quando estiver chovendo em East Lake Axewell, Grubbin poderá ser encontrado entre os Lv.11 e 15. Para evoluí-lo para Charjabug, teremos que treiná-lo até o Lv.20. O processo de evolução para Vikavolt ocorre após a aplicação do item Thunderstone, também encontrado na Wild Area.

Ao evoluir, Vikavolt aprende Thunderbolt, um poderoso golpe de tipo ELECTRIC. Mas não para por aí: por conta das Raid Battles, temos a chance de obter a técnica Bug Buzz ao derrotarmos certos Pokémon do tipo BUG. Dessa forma, teremos um Vikavolt no Lv.20 com Thunderbolt e Bug Buzz bem cedo.

Como o primeiro ginásio da região de Galar é do tipo GRASS e o segundo, do tipo WATER, um único Pokémon é capaz de vencer os dois primeiros líderes sem grandes preocupações.

E você, treinador, concorda com essa relação de Pokémon? Acredita que algum outro monstrinho de uma determinada geração seja melhor do que o apresentado? Deixe seu comentário e vamos conversar sobre o tema!

Revisão: Juliana Paiva Zapparoli


Fã de carteirinha da franquia Pokémon desde os oito anos de idade, teve seu primeiro contato com os monstrinhos de bolso no Game Boy Color e de lá para cá, são mais de 25 anos de alegria. Fanático por vídeo-games, gostaria de poder jogar mais tempo do que trabalha.
Este texto não representa a opinião do Nintendo Blast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google