Perfil

Perfil: Baby Yoshi (Mario)

Até chegar ao recém-anunciado Yoshi's Land (Wii U) , o dinossauro Yoshi teve de trilhar um longo caminho. E, como todo dinossauro, es... (por Rafael Neves em 13/02/2013, via Nintendo Blast)

Até chegar ao recém-anunciado Yoshi's Land (Wii U), o dinossauro Yoshi teve de trilhar um longo caminho. E, como todo dinossauro, esse mascote da Nintendo começou sua jornada quando quebrou a casca de seu ovo, assim nascendo o Baby Yoshi. Tal qual Baby MarioBaby Donkey Kong e tantos outros bebês da creche da Nintendo, Baby Yoshi não é meramente uma versão reduzida de Yoshi. Vamos voltar ao jardim de infância para desvendar esse importante personagem e crucial elemento de gameplay.

Quem veio primeiro: o ovo ou o Yoshi?

Apesar de Yoshi ser um personagem único (cuja espécie também se chama "Yoshi"), os Baby Yoshi são diversos, surgindo em várias cores e com habilidades diferentes. Super Mario World (SNES) não foi apenas a estreia do Yoshi, mas também de sua versão bebê. Baby Yoshi é sempre resgatado por Mario quando um dos Koopalings é derrotado nesse jogo. Além disso, Baby Yoshi podem aparecer no Star World, saindo de seus ovos assim que encontrados. Eles podem ser carregados por Mario, que, se alimentá-los com alguns inimigos, se tornarão um Yoshi adulto conservando sua cor de nascença. Mas, se os Baby Yoshi saem de ovos, por que o Yoshi convencional já sai de seu ovo na forma adulta? Bem, segundo a história do jogo (sim, ele tem história), o Yoshi convencional foi trancado no ovo por Bowser, logo, é natural que, quando Mario o liberte, ele apareça em sua forma normal, ou seja, já crescidinho.

Será que o Mario percebeu que só o
Yoshi dele tem asas?

Depois de Super Mario World, o dinossaurinho acabou ganhando uma série própria com o lançamento de Super Mario World 2: Yoshi's Island (SNES), e é claro que sua versão bebê não dispensou aparições. Embora tenham ficado de fora de Yoshi's Island, eles ganharam papel principal em Yoshi's Story (N64). Os Yoshi que aparecem nesse jogo são recém-nascidos, embora tenham a aparência e as habilidades de um dinossaurinho adulto. Esses Baby Yoshi precoces até ovos colocam e já são corajosos o suficiente para embarcar em uma jornada rumo ao covil do temível Bowser. Já em Yoshi's Island DS (DS), Baby Yoshi não ficaria de fora do grupo de sete bebês que compõe o jogo. Baby Yoshi revela ser a sétima e última criança estelar, ao lado de Baby Mario, Baby Luigi, Baby Donkey Kong, Baby PeachBaby Wario e Baby Bowser.




Luigi tem medo de altura e
quer explorar uma mansão
mal assombrada?
A mais recente e grande participação dos Baby Yoshi foi em New Super Mario Bros. U (Wii U), que, em mais uma maneira de nos fazer se perguntar por que não recebeu o nome de "New Super Mario World", trouxe as versões bebês do Yoshi de volta à série principal do Mario. Dessa vez, eles não são alimentados para virarem Yoshi adultos, mas usados como bebês mesmo (vulgo trabalho infantil). Cada uma das cores dos Baby Yoshi definem sua habilidade: os azuis escuros lançam bolhas de saliva (eca!) que não só eliminam adversários, como também inexplicavelmente os transformam em moedas; os de cor magenta viram balões que estendem os pulos do jogador; os amarelos iluminam áreas escuras, tais qual Yoshi em Super Mario Galaxy 2 (Wii).

Afinal, todo artista faz sua ponta

Convenhamos que Baby Yoshi não é o mais popular dos personagens da Nintendo. Para sobreviver nesse mundo competitivo dos videogames, esses pequenos bebês tiveram de fazer umas pontas aqui e ali para pagar as contas. Além da aparição na série de televisão Super Mario World (na qual confunde Luigi com sua mãe), Baby Yoshi apareceu em Tetris Attack (SNES, GB) como "Little Yoshi", além de fazer um bico em Yoshi (NES, GB, SNES). Além desses títulos, Baby Yoshi também esteve presente minimamente nos games da série Game & Watch Collection.

Mas a maior ponta de Baby Yoshi foi nos RPGs da série Mario. Em Super Mario RPG, Baby Yoshi vive na Yo'ster Isle e, assim como sua versão adulta, é um fã dos Yoshi Cookies. Em Paper Mario (N64), um grupo de cinco Baby Yoshi (os Fearsome 5) acabam se perdendo em Lavalava Island e cabe a Mario encontrá-los para o alívio de seus desesperados pais. Já em Paper Mario: The Thousand-Year Door, uma versão bebê de Yoshi nasce de um ovo fujão. Esse Baby Yoshi pode nascer de diversas cores diferentes, com cortes de cabelo distintos e roupas diversas. É mais um dos parceiros de Mario nesse RPG.


Cores e tamanhos sortidos

Yoshi mais fofo do que já é

Baby Yoshi é normalmente retratado como uma versão menor de Yoshi, com o pescoço reduzido, olhos caídos e uma aparência mais gordinha. Apesar de ser assim que ele se mostrou em sua estreia no SNES e em sua mais recente aparição no Wii U, alguns jogos fizeram mudanças radicais em seu conceito. Yoshi's Story, por exemplo, tirou o Baby Yoshi da vida de sedentário vista em Super Mario World, dando a ele não só quase todas as habilidades de sua versão adulta, mas também uma aventura na qual não precisou ser alimentado por Mario. Essa visão precoce de Baby Yoshi foi mantida em The Thousand-Year Door, pois aqui o dinossaurinho já nasce falando e lutando num torneio pra lá de difícil, além de já ser capaz de carregar (com muito esforço) o Mario nas costas, que não demonstra nenhum remorso por explorar um recém-nascido dessa forma.

Baby Yoshi em Super Mario World e
sua versão em Yoshi's Story
Apesar de não ser tão famoso quanto sua versão adulta, Baby Yoshi é um importante personagem do catálogo da Nintendo, afinal bebês são o que não faltam no universo da Big N. Foi bom revê-lo em New Super Mario Bros. U, mas ficamos ansiosos por uma aparição sua no mundo de lã de Yoshi's Land!


Revisão: Catarine Aurora 
Rafael Neves é quadrinista e estudante de medicina da UFBA. Jogos fizeram parte dessa vida desde os seus primeiros anos, embalando muitos dos mais fortes laços de amizade e histórias de vida. E esse legado desembocam nas matérias que escreve aqui no Blast e em sua HQ, The Legend of Link.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook